pequeno-torcedor-do-gremio-leva-bandeira-para-inauguracao-da-arena-neste-sabado-1354997647648_956x500

2016, drug dia 07 de dezembro, 21h45. GRÊMIO em campo para enfrentar o Atlético Mineiro, o coração do país ainda sangra pela Chapecoense, Arena lotada, o minuto de silêncio mais ensurdecedor da história…
A partida começa, os times se estudam respeitosamente, se conhecem, se admiram de batalhas antigas, as arquibancadas começam ficar ruidosas, o concreto vibra, os bumbos, as palmas e as vozes começam a ecoar acima da cobertura da Arena; a cidade começa a se agitar, os bares fervem, o nervosismo impera. A apatia de dias pós desastre começa a ser substituída pela ansiedade, o misto de agonia e êxtase ganha corpo.
O jogo segue, a emoção toma conta de vez! Porto Alegre, Belo Horizonte, Rio Grande do Sul e Minas Gerais pulsam num só coração, o coração da raça, da força, do amor, do futebol! As gargantas já cantam, o som sai a plenos pulmões…
Tudo é o jogo, os olhos marejados de um Brasil entristecido agora estão fixos no campo, todas a lendas, espíritos e mitos observam o jogo, a decisão.
Lá no meio da torcida do GRÊMIO, entre bandeiras e homenagens, onde vibra a louca banda da Geral, o som rouco das vozes embriagadas pelo álcool e amor incondicional cantam pelo time com uma devoção incontida. Todos, inevitavelmente todos, estão um pouco mais apaixonados esta noite, um pouco mais hipnotizados por suas cores e estrelas.

16844963As poesias, promessas e juras são repetidas a cada chute, defesa e carrinho.
O suor escorre, o tempo passa, os corações aceleram, a lua sobe mais um pouco no céu, as batidas da meia-noite se aproximam…
Onde você vai estar, qual será seu grito, qual será seu abraço, só o dia 8 de dezembro dirá…
Seja o que for, seja como for, agradeceremos por esse dia, pois o Brasil e o futebol precisam desta partida, precisam do nosso alento, precisam de nossa torcida, precisam do GRÊMIO!

#ForçaChape, seja como for esta copa, ela será tua também!

 

@andersonkegler

Participe da discussão

4 comentários

  1. Lembro como se fosse ontem: eu comentando aqui neste mesmo blog lamentando a saída do Renato há três anos, e certas pessoas comemorando sua saída e me chamando indiretamente de “viúva do Renato”.

    Para essas pessoas: CHUPA, MAS CHUPA COM GOSTO.

  2. Eu não vejo problema em quem defendeu a saída do Renato há três anos atrás. O problea que eu vejo é quem dizia que ele não era treinador como defendia muitos Conselheiros e torcedores.
    Róger fez muito bom trabalho.
    Diga-se de passagem que esse grupo foi construído ao longo do tempo, tendo como executivo Rui Costa.
    A diferença é que mudou a diretoria de futebol. O departamento de futebol passou a ter comando.
    Grêmio o maior campeãoda Copa do Brasil!! Agora, é planejar bem para a Libertadores de 2017.

  3. O problema não é defender a saída do Renato, mas sim a cutucada em quem pensa diferente.

    No mais, aqui vão 5 razões que explicam a queda do Inter (à la JBF Repórter):
    1. Incompetência e arrogância da diretoria
    2. Elenco mal planejado
    3. Dívidas varridas pra baixo do tapete
    4. Fernandinho
    5. Réver (contra)

  4. Renato como técnico tinha um título pela Copa do Brasil e foi vice-campeão pela Copa Libertadores, tendo perdido o título por imaturidade como treinador.

    No mais, era um técnico que estava iniciando e com bons resultados.

    A imprensa colorada tenta encontrar fatos negativos para criticar o Grêmio, mesmo após o título da Copa do Brasil.

    O Grêmio precisa saber as razões que levaram ao título e a razões que levaram a atual gestão a perder tantos campeonatos, inclusive o brasileiro deste ano vencido pelo Palmeiras.

    O aproveitamento dos jogadores da base precisa continuar ocorrendo e as contratações precisam ser criteriosas.

    O ideal seria não vender o Luan e o Walace e trazer alguns jogadores para os setores mais carentes.

    Por exemplo, o Grêmio precisa de pelo menos mais um zagueiro de qualidade, dois laterais, um meia armador com as características do Douglas.

    Mandar embora Henrique Almeida e Negueba é um acerto. Dois jogadores que não tiveram bons rendimentos.

    Nessa posição o Grêmio tem garotos da base como Batista, Tilic eTy.

    Um jogador da base que vejo grande potencial é o Luan, centroavante. Outro com bom potencial é lateral esquerdo Lovat. O Felipe Machado é bom jogador, meia que virou segundo volante.

    Lógico que, para uma Libertadores, o ideal é um grupo recheados de jogadores maduros como peças de reposição. E que tenham qualidade para disputar titularidade.

    Apesar das carências, o Grêmio tem um bom grupo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.