Super Mário Contra o Mundo

Uma semana depois do Mário Fernnades ter dito o não para a Seleção Brasileira o assunto ainda reverbera na imprensa. Mesmo depois do Podcast 17 e do Gabriel ter feito uma postagem sobre isso e um pouco mais, pilule fora a nota oficial do clube e do jogador.

Para mim o Mário tem todo o direito de dizer não a seleção caso não queira ir. Muitos jogadores já disseram esse não, order Kaká por exemplo disse não para a Copa América de 2007.

O problema foi o “AUÊ” criado pela imprensa, seek esperavam que Mário desse uma entrevista no dia seguinte, coisa que não veio e ficou na cara que não iria acontecer, a nota para a imprensa não foi suficiente e eles queriam mais, queriam e querem saber o que são os tais “problemas  pessoais” do guri.

Muito jornalista que disse ter informações variadas e desencontradas de várias fontes elegeu sua preferida. A falta de maiores informações fizeram variar sobre o tema, discutiram valor do passe, se o futuro na europa corre risco, a casa noturna favorita dos jogadores jovens… Depois, esses jornalistas, escolheram a versão oficial com direito a cronologia passo-a-passo desde a saída do jogo contra o Avaí, uma recostituição melhor que CSI e em tempo recorde, 2 dias. Comentaristas deitaram e rolaram sobre o tema, porque opinião todo mundo tem.

Depois de tanta pedra ainda ficaram surpresos por Mário ser escoltado por seguranças no jogo contra o Cruzeiro. Para mim está mais que claro que na falta de júri, montou-se o tribunal nas redações dos jornais locais e deram o veredito.

Enquanto isso, no campo – onde realmente importa, Mário jogou a mesma bola de sempre, apoiou, marcou e fez suas velozes ultrapassagens pela direita. Não, dessa vez não fez gol, mas não é todo dia que lateral faz gol como o feito contra o Avaí.

O assunto dominou tanto os noticiários ficou ficou um defict no pré-jogo contra o Cruzeiro. Se caso Celso Roth tivesse mudado a formação, só iriamos saber no campo. E tudo só mostrou mais uma vez que dizer não à imprensa é muito pior que dizer não para a mulher em casa.

 

Publicado por Fane Webber

Minhas redes sociais. @faneinbox no Twitter. /faneinbox no Facebook. faneinbox@gmail.com é o e-mail de contato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.