Sobre a liberdade de expressão

O surgimento das redes sociais oportunizou uma real liberdade de expressão para população em geral, ed ao menos dos que tem acesso à Internet. Com isso os debates, cialis discussões e fofocas ganharam força e a palavra da imprensa deixou de ser a verdade absoluta. Todo ponto de vista pode ser expresso a qualquer hora por qualquer um.
O twitter, link em especial, tem sido usado por uma imensa maioria, em alguns países até os moradores de rua utilizam, mas não tem sido entendido por alguns. Esses alguns são os paladinos da Internet, os fiscais de rede social e da vida alheia, enfim, gente que não tem muito para fazer.
Na minha modestíssima opinião, e bota modestíssima nisso, o twitter não é um local onde a pessoa expressa sua índole, seu caráter ou sua posição ética. O twitter é um local de desabafo instantâneo, é onde se diz o que se pensa naquele momento, é como uma conversa de bar depois do 4º chope. Não se tem, salvo alguma má intenção, muita responsabilidade pelo que se diz ali. Nada é mais chato que o sujeito escrever algo no twitter e vem alguém e apresenta uma coisa que o cara falou em 2006 como contraponto. Vamos nos respeitar! É como se todos andassem com gravadores pelos bares de Porto Alegre e reproduzisse meses depois o que alguém falou na mesa do boteco com os amigos.
Exemplifico o tamanho do problema: já imaginaram cobrar coerência de um sujeito sobre o que ele sobre disse a respeito de relacionamentos quando era solteiro no momento em que ele está casado e ainda por cima na frente da mulher dele? Aí ninguém ia gostar né? Vai lá pega teu melhor amigo de baladas e no churrasco de família fim de ano começa exigir que ele reafirme que só quer saber de ir para noite e pegar periguetes e não ligar no dia seguinte. Ou melhor ainda, peçam para um pai manter a coerência com suas atitudes de juventude na frente dos filhos adolescentes hahahahahahahahah … Ou imaginem um amigo fazendo isso contigo… Ah pois é! Aí não tem graça, né? Peçam para um adolescente repetir na frente do pai o que ele disse a respeito do mesmo para os amigos… Desagradável!
O mesmo vale para o futebol! Pelo amor da justiça divina, parem de julgar a pessoa pelo que ela escreve no twitter. É algo momentâneo, é um desabafo… Se um jogador perde um pênalti, ou atravessa uma má jornada é óbvio que vamos xingar até a 8ª geração da família dele! Ou se o técnico escala mal, ou se o time perde, ou se surge qualquer assunto sobre o time é claro e cristalino que vamos expressar nossa opinião de momento. Vamos xingar, vamos aplaudir, vamos reprovar ou aprovar… mas isso não quer dizer que seja algo definitivo… Só é uma opinião momentânea, uma corneta chata! Ninguém odeia o time, ou um jogador, ou um dirigente de fato, é a penas um desabafo de momento.
O problema da rede social não é o sujeito que desabafa, o problema da rede social é o fiscal! O problema é o cara que leva muito a sério o que está escrito ali, o que fica guardando twittes de alguém para publicar depois… Porque o tal fiscal é um cara muito preocupado com a coerência, mas não quer que alguém vá na casa dele dizer para atual esposa que ele na verdade prefere morenas e não loiras…
Então quando se fala que a torcida do GRÊMIO anda muito chata, que ela reclama de tudo, que ela está sempre inconformada, existe um erro crasso de avaliação. A torcida do GRÊMIO, assim como qualquer outra, está apenas expressando sua avaliação de momento. Porque se o GRÊMIO vence a Libertadores e perde o jogo seguinte é óbvio que vamos reclamar do time, da escolha do técnico, do presidente… Mas isso só acontece porque agora vocês podem ler o que estamos estou pensando naquele momento exato. É como se todos nós estivéssemos no mesmo bar, tem os que reclamam, os que ficam quietos, os que nem ligam, os que falam muito… É um mundo onde todos podem expressar sua opinião e mudar de ideia em 2 segundos, onde ninguém está atrelado ao que disse sobre alguma coisa, salvo alguma ofensa mais grave e ainda assim com sérias ressalvas.
Defendo com tese final que a torcida do GRÊMIO não reclama muito, ela fala bastante. Se o time está mal ela fala mal, se o time está bem ela fala bem e é só isso! No twitter, assim como na nossa cabeça o herói de hoje é o vilão e amanhã.
Então, vamos seguir corneteando, aplaudindo, festejando e reclamando no twitter porque se tu não gostou é só parar de seguir. Simples!
Beijo e me sigam lá, @Anderson Kegler, porque eu também quero ser uma celebridade do twitter e não esqueçam que eu sou apenas um comentarista de comentários. ahahahhahahahaha

 

Anderson Kegler
Sempre Imortal, o blog da torcida GREMISTA!

Participe da discussão

20 comentários

  1. Esse foi o melhor post daqui em muito tempo. parabéns.

    Chega de ombundsman de torcida! deixem o torcedor se expressar, já que comemorar não dá mais!

  2. Estou esperando ainda o dia que uma rede social será usada para comemorar um grande título do Grêmio! A casa virá abaixo.

  3. Está faltando dirigente corrigir os problemas da equipe.

    O Grêmio andou ganhando e, mesmo assim, foram feitas ressalvas e apontadas a deficiências do time.

    Desde o ano passado, o Grêmio vem jogando mal na Arena.

    Não é fácil achar um jogo em que o time jogou muito bem na Arena.

    Quando enfrentamos um adversário da mesma grandeza, as dificuldades são imensas a ponto de corrermos risco de derrota.

    Um time que possui deficiências gritantes dificilmente será campeão. Isso ficou comprovado no gauchão.

    Ano passado também. Tínhamos deficiências e não ganhamos nada.

    Às vezes, o time pode ter jogadores uns três jogadores de nível técnico mais fraco, mas a qualidade dos demais supera as carências. No caso do Grêmio, não qualidade técnica que possa suprir tantas deficiências.

    Na zaga, só temos o Rodholfo. O Pará é um lateral de baixa qualidade técnica. Temos o Edinho que é eficiente na marcação, mas com a bola no pé é um desastre. Ramiro poderia ser uma boa aposta, mas erra muitos passes e tem dificuldades na marcação. Riveros não dificuldades na marcação e na criação.

    Sobrou Dudu, Luan e Barcos. O centroavante é muito irregular. Dudu não sabe se é atacante ou meia por causa das invenções do Enderson.

    Luan é um grande jogador, joga no meio ou no ataque.

    Lateral esquerdo está vendido. Depois da venda, sua produção caiu muito.

    Há erros na formatação do time e do grupo.

  4. O técnico do Grêmio está tão perdido que num jogo ele coloca o Busatto. Noutro, ele treina com o Tiago de titular.

    É um treinador sem critérios.

  5. quando a pessoa não se apropria da verdade ou, mais claramente, quando não se acha dona da verdade, permite-se fazer uma primeira, uma segunda, e uma terceira leitura se for necessária, e pode relevar, entender o contexto e saber que amanhã tem mais e só não tem quando a gente já foi. Eu não tenho twitter, mas imagino que deve servir para alguma coisa, até para xingar todo mundo…deve funcionar, eu acho!

  6. a unica coisa que nos restou eh reclamar, pois comemorar nao eh mais coisa de gremista. Ainda assim tem gente que quer proibir o cara de reclamar, vai nos restar o que dai???

  7. o projeto de treinador vai de para, werley, geromel e leo gago; edinho, ramiro, riveros e ze; dudu e barcos. Ta pedindo pra ser demitido, nem assim a direçao faz o serviço. Era jogo pro Ze na esquerda e 3 zagueiros, Maxi no meio e alguma vida no ataque. Mas vamos repetir a CB e o jogo tenebroso de Curitiba. Ja vi esse filme, jogar pra empatar e ser eliminado na 1a partida.

  8. Kegler, pra mim esse texto é precaução tua pois estás prevendo que o Barcos vai desandar a fazer gols e nos colocará novamente no topo da América kkkk….
    Sério, que baita texto!! Eu acrescentaria ainda as vezes que os fiscais te cobram por algo que tu disse de forma irônica mas eles não entenderam a ironia. Sem contar quando distorcem tuas palavras (mais ou menos como faz a IVI).

  9. Piratini agiliza contato para bancar obras temporárias da Copa

    Gerdau e Vonpar já manifestaram interesse em custear estruturas no Beira-Rio em troca de isenção fiscal.
    Fonte..Correio do Povo

    POIS É…..

  10. ARENA COMECA A ” DESLANCHAR ” ENFIM . 2 EMPRESAS ESTAO PARA ASSINAR contrato , PARA SE INSTALAR nas AREAS COMERCIAIS ok . E MAIS 1 ESTA NA ( MIRA tbm ) . ” OTIMAS NOTICIAS enfim ” .

  11. Gerdau, vonpar e fortunatchê: conselheiros que nunca vão em reunião e ajudam o sci.

    Mas o problema da secura é a torcida corneteira. Claro…

  12. Discordo do Professor Kegler no quesito “rede social não pode ser utilizado para medir caráter”. Na real, TUDO serve para medir caráter. Escrever asneiras monumentais A SÉRIO no twitter e depois que dá merda dizer que tava pela galhofa é cagalhonice e mau caratismo.

    Agora, se o cara usa suas contas nas redes CLARAMENTE para ironias e piadas, beleza. Neste caso, quem acompanha vai julgar baseado nisso.

    Senão, fica uma barbada: entro no twitter, acuso e xingo e, quando apertar o calo, digo que tava brincando ou reclamo que estão me censurando. Aí não, magrão!

    Quanto ao quesito “usar as redes para desabafos”, assino embaixo. Hoje, posso estar chateado com uma derrota e quero poder desabafar. Amanhã, posso estar feliz com uma vitória e quero poder expressar isso sem ter ninguém no meu pé pra fiscalizar.

    Abraço de gol!

  13. dá pra acreditar em um time com Tiago, Pará, Werley, Geromel e Leo Gago?
    Mais Edinho, Ramiro, Riveros e Zé no meio?
    e um centroavante que nunca decide?

    Esse time tá quase batendo o de 2011… ainda vai me dar saudade de Lins e Viçosa

  14. Muito bom o conteúdo do post, Kegler. Temos o direito de desabafar – derrotas – e ou de ficarmos felizes nas vitórias. Censura é uma dos “cânceres” da humanidade doente!
    No mais, registro a impressionante indignação de quase todos os gremistas com o que fazem ao clube Grêmio. Disputar uma LA com o atual grupo de jogadores, antes de “insanidade” é uma irresponsabilidade (não temos opção ao Grohe, não temos lateral direito, não temos zagueiro para jogar com Rodolfo, não temos um DEZ, não temos opção ao Barcos,……SUGESTÃO para a reserva de Grohe: EDUARDO MARTINI.
    Infelizmente hoje Odone e Koff aproximam-se em função de gestões pífias que comprometem o Grêmio enquanto Instituição. O primeiro, arromba o clube com um contrato “leonino” (o estranho é que ícones gremistas, inclusive desta atual gestão, acompanharam o contrato DESDE SUA ORIGEM. Tenho profundo respeito especialmente por 2 desses, todavia jamais ouvi críticas em relação a qq cláusula desse referido contrato. Participei de reuniões, discussões, palestras,…a respeito desse contrato e nada foi comentado. Tão somente Koff apontou sérios problemas. E o pior é que Koff parece estar com a razão. Então porque essas pessoas – desta gestão inclusive – não apontaram as cláusulas “leoninas”? Por favor, corrijam-me se eu estiver enganado). O segundo, por escolhas muito mal feitas (profissionais, abnegados e membros do CA) o clube encontra-se num momento “quase desesperador” (humilhado nos Grenais, saída iminente da LA 2014 e um BR 2014 que preocupa em função da baixa qualidade do plantel).
    SUGESTÃO: rompimento do CONTRATO COM ARENA e que a “justiça” resolva. Recuperar o Olímpico – capacidade para 30.000 – e bola prá frente. Mas teremos de ter “homens” na administração, conforme não cansa de referir a amiga Maria REgina.
    E hoje! Não declinarei o resultado!!!! Acho que hoje vazam EM e os 2 diretores……….Mas torcerei sim por um bom resultado……..

  15. – E o Grêmio, hein? mais uma vez, caindo pelas tabelas. Fico preocupado quando ouço que os dirigentes do futebol estão de olho no mercado. Isso é para rir ou para chorar? Provavelmente estão em busca de um jogador para o meio de campo, mais precisamente, de um “troglodita” exímio em dar porrada e com pouco futebol no corpo. Acredito que o pensamento reinante é: “afinal, já que não temos qualidade para fazer gols, melhor é garantir lá atrás, aos “trancos e barrancos”, o “bicho” nosso de cada dia”. Nada com relação às nossas carências em posições onde é visível a falta de qualidade. Olhos enganadores, esses. Passa ano, passa direção, passa boi, passa boiada, passa tudo… e nada!
    Afinal, o que está acontecendo com o Grêmio?

    – Nesses anos todos fomos bombardeados pelo “Planejamento Estratégico”, pela “Governança Compartilhada”, pelo “Choque disso, choque daquilo” e… continuamos na estaca zero.
    Mais do que remendar o que está errado no futebol, urge buscar as causas dessa inapetência que tomou conta de nossos quadros diretivos e que se arrasta administração após administração. A coisa vem de cima e estoura lá embaixo.

    “Estamos à deriva. Marinheiros de primeira viagem foram alçados ao comando em meio à tempestade.
    “Navegamos, num mar de turbulências, desprovidos de bússola e sem o auxílio de bons ventos que nos conduzam a um porto seguro”.

    – Bem, tentei resumir, com esta figuração, o meu pensamento a respeito do momento atual do “nosso” Grêmio.
    O estranho, é reconhecer que não falta trabalho e esforço. Mas, infelizmente isso não é tudo. Também não se pode creditar à falta de sorte tantos anos de administrações ineficazes.
    Uma vez li um comentário do Dr. Josias, onde ele relatava as dificuldades de se dirigir um clube da grandeza do Grêmio, porque, na qualidade de diretor, vivenciara esta experiência. Dizia mais ou menos assim: não é fácil a vida de quem está lá dentro…
    Realmente deve ser um inferno, principalmente quando as coisas não dão certo.
    Mas, ter a oportunidade de colaborar com o clube e ver seu nome eternizado na sua história, é algo que seduz e comove aos que se lançam a essa empreitada. Mas, nem sempre são talhados para desempenhar satisfatoriamente a árdua tarefa a que se propõem. O furo é mais embaixo.
    Falta alguma coisa ao Grêmio. Não é, como já vimos, falta de trabalho e/ou dedicação, nem tampouco sorte.
    O que será, meu Deus???…

  16. jogadores de meio campo nós temos, Rodriguinho, Maxi e Everton. Mas ficarão no banco…
    Pelo jeito a estratégia é jogar pra empatar mesmo, meio com 4 volantes e mais um na lateral esquerda. Dois péssimos zagueiros e um lat. direito que não sabe apoiar.
    A esperança é o Dudu e uma provável entrada do Luan no 2º tempo.
    Nem bola parada é esperança de gols, o que fizeram com o Grêmio?

  17. Caro Darcílio, o que falta ao Grêmio pode ser traduzido numa única palavra: “comprometimento”. As sucessivas gestões – com exceções pontuais/pessoais – assumem o clube como se fosse extensão de suas residências e ou trabalhos. Holofotes, entrevistas em rádio/tv, reconhecimento num restaurante qualquer, relação a pratos ou vinhos (ah, essa garrafa é a que o “fulano” pede/gosta; ah, essa “polenta brestolada” é a preferida do “cicrano”,…), divulgação de marcas/ofícios, divisão de “luz” com amigos e familiares (eu participei da contratação do tal jogador, eu acompanho o laboratório que está sendo feito com o jogador tal,…..), agrados a uns e outros (independente de simpatia por clube de futebol),….E depois, com a maior cara de pau, passados alguns anos (muitos esquecem de tudo), dirão que prestaram serviços ao Grêmio. E QUANDO COBRADOS, INQUEREM: “o que tu fizeste pelo Grêmio?”……… Isso então, caro Darcílio: comprometimento com a Instituição Grêmio. Não há!!!!”

  18. Brabo ser comprometido nos dias de hoje sem receber salário…

    Ninguém busca problema/incomodação de graça, só um trouxa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.