Peleando! – direto do Grêmio Libertador

É Grêmio tchê. Eu sinceramente achei que o Grêmio passaria a noite tentando jogar com o Pará – que parecia que era o camisa 10 do Grêmio. Era só por ali e não chegava a nada. Faltou Kleber, pharmacy faltou Vargas, viagra 40mg faltou Riveros. Sobrou Maxi. E apareceu o Lucas. Precisa jogar mais, tem atitude e bola.

O Renato teve a luz de colocar o Maxi e mudar o jogo. Obrigado Renato. A gente precisava dele. E o Barcos precisava fazer o gol. E fez. Acho que nem ele aguentava mais bater de canela na bola, errar passe e perder chance de gol. Espero que agora venha a nova fase do Barcos.

Que venha o Barcos goleador e que a gente vá pra cima nesse Grenada. Treme colorido, treme. Tu vai precisar jogar muito pra vencer o Grêmio. O Grêmio peleador, que não desiste e que não larga o osso. Vamos pra cima do Cruzeiro até o final. Vamos sim.

Chupem!

Captura de tela 2013-10-17 a?s 00.25.07

Weide

Participe da discussão

25 comentários

  1. Bom pessoal, abaixo está nosso “dever de casa”, pois se queremos ser campeões, na minha humilde opinião, só ganhando todos os jogos.

    30a 20/10 Internacional x Grêmio
    31a 27/10 Coritiba x Grêmio
    32a 03/11 Grêmio x Bahia
    33a 10/11 Cruzeiro x Grêmio
    34a 13/11 Grêmio x Vasco
    35a 17/11 Grêmio x Flamengo
    36a 24/11 Ponte Preta x Grêmio
    37a 01/12 Grêmio x Goiás
    38a 08/12 Portuguesa x Grêmio

  2. Grande vitória!
    Temos que vencer. Se marcar bobeira já era.

    O Renato cometeu um erro ontem. Colocou o Paulinho. Deveria retornar a base porque não tem a mínima condições de vestir a camisa profissional do Grêmio. Deveria passar pelo processo lapidar

    Jogador que baixa a cabeça e joga para si não dá.

    O Mamute até pouco tempo serviu a seleção. Esse Paulinho atualmente está muito fraco tecnicamente.

    No Júnior, tem o Luan que vem fazendo a diferença. Tem o Lucas Gabriel.

    Enfim, o sujeito que possui empresário forte leva vantagem.

    Maxi Rodrigues demonstra que possui qualidades. Lembra o Raí do São Paulo logo quando iniciou a carreira e estou com 23 ou 24 anos.

    Basta colocar jogadores de qualidade no meio de campo que o time melhora.

    Nossa lateral direita ainda continua um vazio técnico.

    Se o Grêmio não tivesse algumas carências tão evidentes, estaria com pontuação igual ou superior ao do Cruzeiro.

  3. o Paulinho, eu acho, não joga tão mal assim, ontem ele entrou em 220 v e ficou meio tonto… o lucas coelho acho que deveria ter mais chances para ver se tem maior regularidade, ontem me pareceu que ele tinha uns espasmos, não achei tão bem assim, mas acho que se deve a falta de experiência.

  4. Lucas Coelho: Mostrou qualidade em alguns lances, perdeu outras jogadas, mas o que mais me chamou a atenção no guri foi a personalidade. Jogou com muita naturalidade e pareceu não sentir a pressão. É só comparar com o Paulinho que parece sentir o peso da da camisa e por isso em alguns lances se atrapalha com a bola mesmo estando sozinho.

  5. Lucas Coelho: Acertou alguns lances, perdeu outros, mas o que mais me chamou a atenção no guri foi a personalidade. Jogou com muita naturalidade e pareceu não sentir a pressão. É só comparar com o Paulinho que parece sentir o peso da camisa e por isso se atrapalha com a bola em vários lances, mesmo estando sozinho.

  6. Eu acho que o Paulinho deveria pegar a bola, baixar a cabeça e voltar para a base no projeto lapidar. Ele jogou razoavelmente uns dois jogos. Nas outras vezes que ele entrou nunca correspondeu. Errou todas as jogadas.

    Lucas Coelho é bom centroavante. Jogou ao lado de Barcos que possui mesma característica.

    Renato poderia ter experimentado outro jogador para o ataque.

  7. Agora sim…

    Lucas Coelho: Acertou alguns lances, errou outros, mas o que mais me chamou a atenção no guri foi a personalidade. Entrou em campo e jogou com muita naturalidade, pareceu não ter sentido a pressão. O Paulinho por exemplo, se atrapalha com a bola em vários lances mesmo estando sozinho, parece sentir o peso da camisa.

    Acho que o Kegler tinha me bloqueado no blog só pq o Barcos fez hehehe…

  8. Lucas Coelho foi muito bem para um guri da base.
    Vamos deixar essa gurizada se criar e fazer sucesso aqui.
    Chega de criarmos e depois olhar de camarote eles fazer sucesso em outros lugares. E olha que somos mestres nesse quesito..

  9. o time da malandragem phipha tentou nos empurrar goela abaixo os 500 ingressos, mas o koff mandou eles de volta.

    tomara que sejam punidos de verdade por esta atitude rasteira, e não fique só nas cestas básicas.

  10. Deixem a gurizada trabalhar!! Hehe, 20 jogos de sequencia pro Barcos marcar dois gols e por 30 minutos entrando nos finais de jogos e ja decretaram que o Paulinho deve largar o futebol.

  11. Concordo bastante com os comentários do Cristiano, inclusive sobre o Paulinho, Renato vai queimar o guri se insistir nele, tecnicamente é um jogador com muitos problemas, quando o cara joga com a cabeça baixa é difícil de corrigir, sei não, acho que nem mandando pro Projeto Lapidar.

    Do Pará eu nem mais comento, ele é uma das maiores razões da minha descrença no Grêmio.

    Já Maxi e Lucas Coelho são bons nomes pra titularidade em 2014. O primeiro precisa evoluir como bem disse o Renato na coletiva sobre sua participação sem a bola, na recomposição defensiva pois meia dócil e donzela na marcação no Grêmio vai parar no banco como aconteceu com ZR10 e Elano, tecnicamente bons jogadores.

    Já Lucas Coelho esbanjou categoria no primeiro tempo, mostrou que sabe jogar bola, falta finalizar mais pois só vai se firmar metendo gols.

    O Pirata meteu um golaço. Fez o gol mais difícil e perdeu um fácil. Teve boa movimentação, jogou com muita vontade mas jogou bem mais uma vez. Ele sabe jogar bola mas exagera demais em querer sempre dominar e girar sobre os zagueiros pois é lento e com isso perde muitas bolas, além de ter dificuldade no cabeceio e pouca presença de área, segue contestado, Tomara que agora sem o peso da seca de gols continue estufando as redes, agora dos vermelhinhos.

    Espero que neste Grenal nossos jogadores se imponham, não fiquem de sorrisinhos e tapinhas nas costas do Dalechiliquenta deixando ele apitar e mandar no jogo. Quero ver nossos volantes anulando essa marreca, fungando no seu cangote até ele dar chilique e quem sabe, ser expulso.

  12. Concordo com o que disse o Felipe Neri.

    Não costumo ser definitivo com nenhum jogador jovem.

    Acho que o Paulinho está sentindo a responsabilidade e poderia render mais. Mesmo assim demonstra que precisa ser trabalhado muito. Tem que colocar na cabeça que não é grande jogador, não é craque e que precisa fazer o feijão com arroz procurando ser efetivo.

    Renato deveria dar oportunidade a outro garoto como o Callison, Lucas Gabriel, Kairon, Tinga entre outros.

    Para quem reclamava do Leandro, mesmo com a torcida pegando no pé, demonstrava mais qualidade e fazia gols.

    A torcida tem paciência e vira fã fácil de argentino ruim. Quantas mediocridades argentinas foram ovacionadas aqui no Grêmio nos últimos tempos?

    Tem que ter paciência com os garotos. Renato deveria ter cuidado com o Paulinho, pois o garoto entra com muita ansiedade.

    Lucas Coelho tem bola. Precisa finalizar mais e ser mais rápido na execução das conclusões.

  13. O Grêmio continua investindo em jogadores da base.

    Trouxe um zagueiro goiano vindo do Santos. Tem 16 anos e 1,89m a.

    Trouxe outro atleta de São Paulo do Deportivo Brasil.

    Também trouxe um jogador do Inter, ex-Juventude.

    Vamos ver se isso traz resultados num futuro próximo.

  14. Quanto a chinelagem dos ingressos, isso eles fazem há anos, mas acabou a farra. Agora, temos um dirigente que tem influência nos bastidores. E o STJD já deu aviso aos morangos.
    Esse tipo de lacaiagem os dirigentes deles fazem há anos, só que nossos dirigentes aceitavam bem quietinhos.

    Outra chinalagem bem lacaia é uma rádio (a da ponta) ficar veiculando uma entrevista dada antes da reunião, ou seja, “tentando” deixar no ar que a culpa seria do Grêmio. Eta imprensa cretina!!!!!

    Olho aberto, se por acaso tiver acesso de torcida do Grêmio no GREnada, pois eles são vezeiros em armações contra a torcida do Grêmio….a torcida tem que ficar esperta com “gente” deles infiltrada para criar tumulto e depois interditar a Arena!!!!

  15. Domingo teve no programa Esporte Espetacular uma reportagem com o goleiro Jeferson do Botafogo.
    Nessa reportagem falaram de sua carreira e mostraram os lances da suas estréia.

    Nesse jogo ele simplesmente levou uns 2 ou 3 frangos e não conseguia segurar uma bola firme, chegava a ser ridícula sua atuação. Se fosse “qualquer” jogador, teria desistido do futebol.

    Mas passaram 10 anos e hoje ele é goleiro da seleção brasileira.

    Dai me vem os questionamentos:
    Como ocorreu essa evolução na carreira desse cara ?
    Será que não se pode fazer o mesmo com qualquer jogador de futebol ?

    Faço uma analogia com o Paulinho. Infelizmente desconheço sua trajetória na categoria de base.

    Em qualquer profissão, se o cara tem alguma deficiencia técnica, teoricamente deveria estudar e tentar se aperfeiçoar, para ter uma evolução na carreira.

    Logo:
    Será que um jogador de futebol tem essa percepção de suas deficiências para poder evoluir?
    Será que um jogador procura ou sabe como procurar a solução para essa deficiência ?

    Eu ainda acho que o fracasso de um jogador de futebol QUE CONSEGUIU CHEGAR AO PROFISSIONAL se deve a falta de um prepato mental para poder evoluir. Logo,está diretamente ligado ao profissionalismo dos seus “professores”.

    Então chego a conclusão:
    Jogadores não sabem “estudar” e “aprender” com os seus erros, e muito menos sabem como fazer para corrigir isso e evoluir profissionalmente. Por isso a grande maioria não da certo, pois não sabem como fazer para melhorar.

    Obs:
    Casos de Neymars e Messis são fora de série, então não contam.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.