Paulo Cézar Caju: injustiçado ou amargo?

Pouco lembrado por nós Gremistas, viagra Paulo Cézar Lima ou Paulo Cézar CAJU, vialis 40mg foi fundamental para a nossa conquista.

Criou-se para o futebol no Botafogo no final dos anos 60. Foi para Copa de 70, era reserva do time do Zagallo. Não foi titular apenas por preferências do treinador, o cara tinha muito futebol. Era craque. Ganhou o apelido de “Caju” em 1974, graças ao fato de ter comprado um carro com a cor dessa fruta com o dinheiro que ganhou numa transferência para o Flamengo e de ter usado os cabelos descoloridos, para combinar com o carro em suas saídas pela noite carioca.

O carro "caju"
O carro “caju”

Em 78/79 teve sua primeira passagem pelo Grêmio, deixou muito boa impressão.

Chamado exclusivamente para jogar a final, quase apanhou do Renato Gaúcho na véspera do jogo contra o Hamburgo porque estava “mole” no treino. Renato reclamou e ele saiu, calmamente e sentou-se ao lado da goleira de onde disse: – garoto, me respeita, sou experiente, joguei na seleção de 70… ao que o Santo respondeu: – e eu vou quebrar tua cara!

Mas a turma do deixa disso chegou e nada demais aconteceu.

No jogo, Caju foi Caju. Cadenciou o jogo, junto com o Vesgo. Coisa que hoje não temos mais. A cadência malemolente de quem não quer, querendo. Cadenciava pra frente, sempre aproveitando uma chance para pifar um companheiro. Não como os cadenciadores de cartório do futebol, os carimbadores de bola, só passe lateral.

Espinoza disse que Caju foi extremamente importante no Mundial. E o motivo é muito simples: Caju era o GRANDE NOME daquele time. Sim, Gremistas: ninguém sabia quem era Renato até então. Não esqueçam que Portaluppi era um garoto, que tinha feito o diabo na Libertadores. Só que europeu dá de ombros para a competição continental mais importante das Américas. E Caju, além de jogador de Copa do Mundo, havia jogado na Europa. Na partida de Tóquio, designaram dois pra marcar o PC. E isto abriu espaço para o Mario Sérgio, pro Renato e etc. Palavras do nosso treinador.

Mario Sergio disse a mesma coisa, que só pode se destacar porque deixaram jogar livre, marcavam só o Caju. Em relação ao papo das boletas, o Vesgo disse que, à época do lançamento do livro, ligou pro Caju (a pedido do Seu Verardi), que lhe enviou uma cópia do livro e que não tinha nada de doping nele.

Esse cara é tão foda que sobre a reinauguração do Maracanã, largou:

“Brincadeira. Só rindo. O Ronaldo não tem história no Maracanã. É carioca, de Bento Ribeiro, mas tem o que contar no Mineirão, em Eindhoven, no Nou Camp, no Tatuapé. E o outro (Bebeto) é baiano, coordenador das divisões de base da CBF (o jogador já deixou este cargo), membro do COL (Comitê Organizador do Mundial). Qual o carisma que ele tem para tamanha representatividade? O Rio não dá valor a seus artistas. Não se ouve falar de Jairzinho, Carlos Alberto Torres, Paulo César Lima. E aí chega um tal Fenômeno, de outro estado… Que porra é essa? Onde estamos? Cadê o Zico, o Amarildo, o Romário. O Carioca não tem memória e é o povo mais racista do país. Estou de saco cheio”.

E ele ainda toca num ponto importante, o racismo no futebol:

“Nunca tivemos um treinador negro na seleção. E vem lá da década de 30. Leônidas era negro. Zizinho foi outro. E o Didi? Teve de comandar o Peru, a Turquia.. O Pelé nunca foi chamado para a seleção. Cadê o Djalma Santos? O Claudio Adão jamais teve oportunidade. Cadê o Andrade, que foi campeão brasileiro?”

Paulo Cézar Caju é um amargo. Teve tudo de bom e do melhor, só que as drogas tiraram dele. É só ver a entrevista que ele deu pro Renato Mauricio Prado. E, claramente, ele não aceita o fato de ter sido um coadjuvante (ainda que de luxo) naquela final de 83. No programa, o entrevistador pede pra ele falar daquele título e daquele jogo e ele se recusa. Diz que só é campeão do mundo pela seleção e que se orgulha do Gauchão que ganhou pelo Grêmio, pois todos diziam que o estilo dele não daria certo no campeonato daqui e ele provou o contrário. Só não disse o porquê de tanta mágoa. Absteve-se de falar.

Campeão  Gaúcho e do Mundo pelo Grêmio
Campeão Gaúcho e do Mundo pelo Grêmio

Em resumo: dois caras como Espinoza e Mário Sérgio elogiam o cara e falam da sua importância: acho que temos que dar o braço a torcer. Porém, dizer que o Caju é um “esquecido” ou “injustiçado” é um enorme exagero. Ele se fez esquecer, pois SE NEGA a participar das festividades e de qualquer coisa em relação ao Mundial 83.

Os amargos que fiquem com suas amarguras.

Quem quiser ler mais, aqui ó:

http://extra.globo.com/esporte/campeonato-carioca/o-futebol-do-rio-de-janeiro-esta-morto-diz-paulo-cesar-caju-idolo-de-flu-botafogo-8289272.html

@BlogdoMosquetei e @rafatpinto

Participe da discussão

33 comentários

  1. Murilo de Souza Felisberto, 17 anos, jogador convocado pelas seleções de base, não é mais jogador do Grêmio.

    Ano passado, o atleta entrou em litígio com o clube após saber que o Grêmio cedeu 30% do seus direitos federativos, sem dizer quem era o empresário.

    Simplesmente, o clube disse que não interessava ao atleta.

    Então, o jogador e seu empresário decidiram não assinar contrato algum e ingressaram na justiça pedindo a liberação, obtendo por liminar.

    O atleta foi parar no Cruzeiro E.C.-MG.

    Após um ano na Justiça, Cruzeiro e Grêmio entraram num acordo e agora o jogador assina contrato por 03 anos com o Cruzeiro.

    Vídeo do atleta:

    http://www.grupocorreiodosul.com.br/artv/reportagens/confirav-deodoatletamurilofelisbertofazendoumgola-o/

  2. PC era craque e sempre lembrado nos jogos do maracanã quando não era escalado. A massa gritava o nome dele.

    A questão de fundo é que o PC negro era culto, inteligente dominava várias idiomas e sempre rodeado de loiras maravilhosas, rico na época, badalava no rio. Me corrijam, mas drº Fábio tinha que busca-lo no rio para treinar isto destonteava a crônica gaucha, invejosos até hoje.

    Por onde anda?

  3. Corinthians e Grêmio escolheram o mesmo tipo de gramado, mas a tecnologia é diferente. Por isso, o gramado do Corinthians está um espetáculo e o do Grêmio uma porcaria.

    Há um sistema de refrigeração que mantém a grama de inverno na temperatura ideal. Algo que não foi inserido no custo do gramado da Arena.

  4. Esse bagaça do caju ia sempre visitar a delegação do Grêmio, pra pedir dinheiro.

    Quando o Grêmio parou de dar dinheiro, começou a falar mal.

    Ele não passa de um velho drogado e idiota, que podia ter sido grande mas não passa de uma nota de rodapé da história do futebol.

  5. Possas d´água no gramado da Arena?

    http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2013/09/16/gremio-reclama-de-pocas-no-gramado-da-arena-e-pede-explicacoes-a-parceiro.htm

    1)Gramado sem refrigeração, a mesma que possui a Arena do Corinthians;
    2) Sol na cara dos sócios;
    3) cadeiras de péssima qualidade;
    4) melhor gramado do Brasil – a grama aguentaria tanto o inverno quanto o verão
    5) Não haveria pontos cegos;

    Os dirigentes ficavam preocupados em tirar as fotos do que acompanhar efetivamente as obras.

    Lamentável as direções que passaram. Um bando de incompetentes. Posso afirmar que são incompetentes, porque o resultado está aí.

    Eles só sabem pedir explicações. Mandar arrumar eles ainda não aprenderam.

  6. Paulo Ceasr Cajú foi craque. Devemos respeitá-la, pois nos deu um campeonato gaúcho e mundial. Que deu o lançamento para o Renato fazer um dos gols? Quem chegou de avião da Comebol onde foi receber o título de um dos melhores jogadores da américa direto a Pelotas e ainda fez o único gol. Isto é profisionalismo e vestir camisa. A vida privada dele não diz respeito a ninguém, e sim, sua conduta como jogador do Grêmio. É craque, sim.Não estas porcarias que temos nos dias de hoje.

  7. Craque? Em que jogo ele jogou muito?
    Escreveu um livro dizendo que o time do GRÊMIO jogou dopado… Que suma no ostracismo.

  8. Não sei se é verdade que jogou dopado como ele disse.

    Entretanto, ano passado o Júnior jogou dopado uma competição.

    A atual gestão de forma maquiavélica tentou colocar a culpa no preparador físico.

    Os jogadores pegos foram punidos e o clube também. Nada foi provado de que teria sido o preparador físico.

    O resultado disso virá numa sentença trabalhista.

    O pai do preparador físico é jornalista e detona o Grêmio todos os dias.

  9. A direção irá contratar o Dunga ou o Roth.

    Conhecendo o Renato, ele não irá baixar o salário. Propor a ele para baixar é a mesma coisa de dizer para mandá-lo embora.

  10. Defender o caju é coisa de quem se apequena. O cara não presta.

    Quem tá com pena que dê dinheiro pra ele, o cara adora ser bancado…

  11. Mas ele escreveu que o Grêmio entrou dopado.

    Historicamente, o Grêmio é acusado e nunca faz nada. Talvez, seja verdade mesmo.

    O doping se refere a substâncias que aumentam o rendimento dos atletas.

    É por isso que determinadas substâncias são consideradas ilegais.

    O sujeito do atletismo, por exemplo, que chega em primeiro lugar, só alcançou o posto porque usou substância que ajudou a ter um rendimento anormal, alcançando uma performance superior a que teria se tivesse em condições normais.

    Os outros atletas que fazia parte do grupo de 83 desmentiram o Caju.

  12. Não sei se alguém viu o Canavésio jogar.

    Tem gente na base superior a ele. Provavelmente, tem um empresário forte para dirigentes lamberem a bunda de um jogador comum.

  13. A Arena do Palmeiras não está pronta e já quase um ano possui o naming rights vendido.

    Administração da Arena é uma vergonha e conta com o aval da direção.

  14. Talvez seja real essa informação sobre o E.Moreira por ele ter,se não estou enganado,retrospecto em trabalhar com jovens.

    Pelo que li o Koff quer apostar forte nos jovens da base por ser mais barato e no intuito de arrecadar com vendas no futuro.

    abraço.

  15. Eu gostei do Éverton. Jogador rápido e habilidoso. No segundo tempo, estava entortando o lateral do Coritiba, fazendo uma grande jogada.

    O Luan é um jogador inteligente e costuma fazer gols.

    Tinga mais uma vez foi bem.

    O Rafael Tierry é um zagueiro técnico. Trem futuro.

    Gostei do Paulista. Jogador rápido, boa técnica e boa movimentação. É o segundo jogo que eu vejo ele entrar e entrou muito bem no lugar do Vinícius.

    Não sei como o Vinícius pode ser titular. Dispensaram o Calyson e deixam uma nabas no grupo.

    Vai entender a cabeça desses dirigentes loucos.

    Não gostei do Nathan. Por enquanto, jogador comum. Veio do Vitória, mas o futebol muito pequeno por enquanto.

    Colocaram o Cleylton na zaga. Achei melhor que o argentino Caravelho.

    Gostei do Canavarros. É um jogador que entrou em outras partidas e me chamou atenção. Foi bem como volante, como lateral esquerdo e como lateral direito. E hoje fez o papel de meia direita para auxiliar o Tinga.

    Fez boas jogadas e ainda fez um gol.Mantém uma regularidade de atuação.

    Jogadores que não gostei até o momento:

    goleiro Tiago: é pegador de penaltis, mas não gosto quando goleiro costuma fazer golpe de vista. Num dos jogos ele fez e a boa poderia ser defensável. Se vai no gol, tomaria porque é goleiro que fica parado.

    Nathan: veio do Vitória-BA. Lá teve algum destaque. Mas, no Grêmio, nesse campeonato está muito fraco. Talvez, esteja voltando de lesão. Acho que pode render mais.

    Canhoto: fez algumas jogadas. Ainda parece muito tímido. Tem boa técnica. Faz o estilo armador clássico. Acho que pode evoluir

    Ângelo: deveria ser o dono do meio de campo, mas não é. Também parece tímido. É jogador que possui experiência profissional. Deveria estar sobrando.

    —————

    O Wangler teve problemas de lesão e era a referência técnica do Júnior em 2012 juntamente com o Calyson.

    O primeiro foi emprestado. E o segundo dispensado. Eu realmente gostaria de saber o que esses dirigentes têm na cabeça.

  16. Esqueci de falar do Moysés.

    Os caras adoram um alemão ruim. Jogador comum. O Canavarros é superior, ma é banco.

    Lateral Breno é um jogador interessante. Tem algumas falhas na marcação, mas é um jogador que tem ferramentas. Ainda precisa trabalhar mais um pouco.

  17. Agora só falta trazer o Valter e o Hugo de volta. Que acabe rápido o 2014 pq quero Bellini ou Antonini p presidente.

  18. Todos aqui sabem da minha adoração pelo Roth (cada maluco com sua mania), Enderson Moreira seria uma aposta perigosa numa Libertadores onde o Grêmio caiu num grupo difícil.

    Poleto também foi uma aposta perigosa numa Libertadores, em 1990, acho…

  19. Flávio,

    “Talvez seja real essa informação sobre o E.Moreira por ele ter,se não estou enganado,retrospecto em trabalhar com jovens”

    A idéia é boa, mas o problema está nas “batatas-podre” que recebem altos salários no vestiário, tendo como líder o perna-de-pau do Barcos.

  20. O luan é muito bom, mas tem um estilo displicente (estilo, ele não é displicente) que vai torcedor corneteando… tem que apoiar, ele vai ser craque…

  21. Dunga, Enderson Moreira, Roth, etc, são todos treinadores medíocres. Dunga e Roth são duas malas de aturar, não sei se terei paciência pra tano, é de largar…

    Com esses nomes de técnico e a inércia de Koff em colocar um dirigente mais tarimbado no futebol a frente de Rui e Chitolina, diria que 2014 já vai estar começando perdido…

    O cara vir aqui falar em Antonini “o engenheiro do ano” que entregou o Grêmio junto com Odone pra esta empreiteira “picareta” de origem obscura (e mafiosa na Bahia) com essa Arena cheia de problemas técnicos e um contrato criminoso contra os interesses gremistas, só pode ser lobbista pago pela mesma. Não pode ser gremista.

  22. Se o futebol profissional do Grêmio anda de arrepiar em termos de perspectivas pra 2014…

    O jeito é falar da gurizada. Vou dar aqui meus pitacos, concordando com algumas avaliações de vcs e discordando de outras:

    Tiago: não gosto de goleiro pesado, acho pouco ágil.

    Tinga: é bom no apoio. Aposto muito nesse garoto. Agora tem problemas na marcação e dificuldades na saída de bola, precisa melhorar bastante nesses quesitos.

    Rafael Thierry: Bom zagueiro. Boa técnica e presença de área. Jogador já mais maduro perto dos outros, mais pronto. Tem liderança, esses atributos podem compensar sua eventual lentidão.

    Cleylton: começou nervoso e depois foi uma grata surpresa, se impondo e mostrando qualidades interessantes. Olho nele.

    Breno: Acho um lateral comum. Tem dificuldades pra marcar e não é um grande apoiador. Não compromente tanto, mas tb pouco acrescenta ao time nas vezes que vi jogar.

    Guilherme Amorin: volante só marcador, tecnicamente limitado, cintura dura. É reserva do irmão do Mailson.

    Moisés: Hoje achei que estava bem até sair lesionado. Dos volantes todos foi o que mais me agradou. Bom passe e visão de jogo.

    Ângelo: meia habilidoso e pra mim era o que vinha melhor nesta partida até ser substituído não sei porque pelo Mabília.

    Luan: jogador esguio, rápido e inteligente. Bom drible, bom finalizador. Diferenciado dos outros, embora esteja jogando de meia e ali acabe perdendo jogadas pelo individualismo pois é atacante.

    Éverton: Ao lado de Luan, um dos melhores do time. São os dois que fazem a diferença. É menino e alterna ainda ótimas jogadas com outras precipitadas, mas é veloz e tem ótima finalização. É o que mais gosto de ver jogar. Tem iniciativa e sempre tenta algo diferente.

    Vinicius: Só o Mabília vê algo nesse rapaz. Já vi três atuações dele e até agora não entendi como farda no Grêmio, quanto mais ser titular, é pior do plantel disparado… muito ruim, nem pivô sabe fazer, só tem tamanho.

    Alguns reservas que vi nesta e noutras partidas:

    Lucas Gabriel: fica na reserva desses volantes brucutus mas é muito bom jogador. Confirmou isso quando entrou nos últimos dois jogos. Acho um motorzinho e seria titular no meu time… mas na base é aquilo: Carlos Miguel tb era reserva nos jnrs…

    Paulista: velocista, mas meio estabanado às vezes, entrou bem na última partida, hoje achei que não acrescentou. Ângelo estava bem melhor por ali.

    Natan: muito fraco, das vezes que vi entrar, foi dispersivo e tiem decaiu com ele.

    Nicolas Careca: é muito menino, mas mesmo verde não tem como jogar menos que o cone Vinicius… Preciso ver mais ele jogar.

    Leandro Canhoto: mostrou alguma habilidade. Quero ver mais pra opinar.

    Canavésio: olha, quando vi jogar achei que foi bem o argentino, espantava todas lá detrás. Tem muita imposição.

    Canavarros: lateral coringa interessante. Tem qualidades.

    Irmão do Mailson: foi transformado em volante depois de muito entregar como zagueiro… Chega junto. É brucutu, pode ser que cresça nessa função mas é limitado.

  23. Felipe Neri,

    Lucas Gabriel está vindo de lesão. Por isso é reserva. Mas nas vezes em que entrou, foi muito bom.

    É um meia que chega fácil a frente.

    Vejo ele superior ao Canhoto e ao Ângelo.

    É uma pena o Calyson ter sido dispensado. Jogador que tinha velocidade e sabia compor o meio de campo. Fazia gols. Lembrava um pouco as características do Bernardo do Atlético.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.