Participe da discussão

42 comentários

  1. Eu acho o futebol algo tão simples… É só olharmos pro plantel do Grêmio e ver que não temos NENHUM (isso mesmo: NENHUM) lateral marcador, apesar de já termos certeza de que o Junior é muito bom apoiador, e notarmos que o Galhardo também sabe apoiar razoavelmente (isso só pra comentar dos titulares, Raul merece ser testado ainda e o Matias não me passa tranquilidade nem muita técnica).

    Como se resolve isso? Ora, se nossos laterais são “craques”, deixe-os passar, coloque 3 volantes pra conter o ataque adversário e libera os guris, instruindo o time pra que tenham cobertura. O Ramiro fazia isso muito bem com o Pará, só que o Pará era uma naba no ataque, gostaria de ver isso com o Galhardo. Já com o Junior, talvez o Araujo resolva, mas é de se testar pra ver quem fecha melhor ali.

    Creio que com ambas as laterais bem cobertas, nossa dupla de zaga, seja ela composta por Rodolfo/Geromel ou Rodolfo/Erazo, está bem servida com um volante como o Wallace e resolve-se o problema do meio campo defensivo. E aí é só uma questão de ver quem merece mais ser o meia de ligação do time: Douglas, Giuliano ou Lincoln.

    Nosso problema real é no ataque, onde só temos incógnitas. Nem o Luan é titular nesse time. O que me deixa um pouco aflito. Centroavante precisa de confiança pra meter gol, mas com essa rotação e queimação desenfreada da gurizada fica muito difícil. Minha opinião seria jogar com mais um atacante de velocidade que desse um bom suporte e jogasse bem com o meia de ligação, e um Número 9 clássico, cabeceador, matador, tosco, já que liberamos os laterais pra ir ao fundo, que tenha alguém que pelo menos ganhe 50% das divididas aéreas nos cruzamentos.

    Era isso por hoje. Saudações Gremistas à todos!

  2. Matheus está certo. Não temos lateral marcador.

    Os laterais apoiadores deixam a equipe mais vulnerável defensivamente se o time for jogar no 4-4-2. Ao menos, um lateral teria que ser marcador ou o time teria que jogar no 3-5-2.

    Não sei se o Felipão irá jogar no 3-5-2.

    Luan é atacante. Quando veio para o Grêmio, veio como número 9. Como tinha qualidade técnica, o Mabília foi testando ele como segundo atacante e como meia.

    Na minha opinião, Luan é titular dessa equipe, falta-lhe melhor parceria para desenvolver todo o seu potencial.

    Não é um craque, mas em relação ao que temos, joga fácil, tanto que, em alguns jogos, levou nas costas mesmo sendo irregular durante algumas partidas.

    Acerca do post, penso que o Grêmio sempre terá futuro. Poderá ser um futuro ruim ou bom. Isso significa que no atual estágio, é um futuro incerto e não sabido.

    A direção diz que fará exceções para contratar bons nomes.

    Na realidade, se assustaram com as derrotas contra o Brasil-Pe e o VEC. Contra o primeiro time, a direção transformou o Brasil num clube grande. Mas a mentira teve perna curta quando enfrentou o VEC, último colocado do Gauchão até aquele jogo.

    O Grêmio vive uma situação delicada onde os times que estão na Libertadores não vão largar atletas que estão inscritos e que poderiam reforçar o nosso time. E, ao mesmo tempo, trazer jogadores da Europa, exige quantias altas.

    Os negócios de ocasião serão dentro do mercado interno, jogadores de times que estão fora da Libertadores e jogadores que possam vir de graça ou que estão livres como o Lisandro López.

    O Grêmio precisa trazer três atacantes e um meia num primeiro momento, mandar embora o Paulinho, emprestar o Lucas Coelho para pegar experiência em outro clube. Everaldo também pode ser negociado.

    Acho que o Felipão poderia olhar para o centroavante Luis Felipe e fazer um trabalho especial com ele. É um jogador limitado tecnicamente, mas é cabeceador e brigador.

    Outros garotos poderiam receber trabalhar com o grupo dos profissionais: Kaio, Dionathan e Natan.

  3. Grêmio poderia estar tentando a contratação de Andrezinho. É melhor do que nós temos aqui.

    Andrezinho tem atributos, é cobrador de faltas.

    Preferiria outro tipo de meia. É um jogador que não se afirmou no Flamengo. Não se afirmou no Botafogo e não se afirmou no Inter. Mas é melhor do que nada.

  4. meu deus, Andrezinho não! Pensei que aé já tinha se aposentado. O cara não conseguia jogar um jogo inteiro no inter em 2008, imagina 7 anos depois!

  5. a vitória foi boa, mas não me empolguei muito. e também não isso tudo que tão falando do douglas, mas pelo menos ele jogou muito mais que vinha jogando.

    e andrezinho não, né, por favor. é ex. imaginem um meio com m. oliveira, bastos, andrezinho e douglas?

  6. Contra o Ju veremos um encaminhamento de time pro gre-nal e pro fim do gauchão.
    Duvido que Geromel vá voltar então a zaga é essa com Rhodolfo e Erazo. Na direita vai ser Galhardo mesmo, joga mais que o Matias, e na esquerda o Junior.
    No meio, vejo que Walace e Giuliano devem entrar contra o Ju pra preparar pro gre-nal, saindo Araújo (muito fraco no que mostrou) e Oliveira (suspenso), ficando com Walace, Bastos, Giuliano e Douglas.
    No ataque, a dupla Pedro Rocha e Everaldo merece sequência, pois mostraram mais que Everton e Coelho, ambos sem confiança pra finalizar.
    Com o grupo que tem hoje, meu time ideal seria no 4-1-4-1, sem centroavante de área:
    Grohe, Galhardo, Rhodolfo, Geromel, Junior; Walace; Bastos, Giuliano, Rocha e Everton; Luan (quando voltar)

    Precisamos contratar um atacante matador e um lateral direito, pois parece que o Raul não vai ser testado.
    Me gusta o Lisandro Lopez, tem bom números na carreira e vários times estão atrás dele. O problema é que vem do Catar, então só vai render no meio do ano…

  7. César Pacheco!…

    O Grêmio parou no tempo, minha gente! Com todo o respeito, mais uma dose cavalar do “mais do mesmo”. O Grêmio e suas “aves fenix”. Quando menos se espera, lá estão elas ressurgindo das cinzas. Que tremenda falta de opção dos dirigentes e que tremenda aptidão do ungido para os holofotes! Vamos ver como vai se sair o “alter ego” do diretor de futebol do clube, que, pelo jeito, será mais um “ordenança’ de confiança. É um tal de tira e bota os mesmos de sempre, a fim de ser preservada a continuidade e a unidade da “tchurma”. Tá loco! Depois dessa, vou seguir o conselho do colunista “Macaco Simão”: pingar uma gota de colírio alucinógeno em cada olho, pois não estou entendendo mais nada…
    Mas, como quero o bem do clube acima de tudo, espero que o escolhido consiga ser bem mais eficiente do que foi em sua última gestão, pois só assim poderá melhorar o seu conceito junto ao torcedor. Enquanto isso, continuemos rezando…

  8. Concordo em gênero, número e grau com o Darcilio.

    Cesar Pacheco e voltar ao passado. O grêmio não se desprender dos anos 90. Esse mesmo dirigente disse que mkt é bobagem. Ta bom?
    Então e isso minha gente o grêmio deveria fechar as portas e começar de novo.

    Bah é soda!!!!!

  9. mas afinal, por que o jogo do Grêmio é o único marcado para uma segunda-feira?

    Mais uma vez a FGF faz o que quer com o clube e nossos dirigentes aceitam?

    1. Porque segunda o público será menor. Ora, por que a a Federação iria colocar Juventude e Grêmio no domingo??

      Por que o Grenal não é numa segunda-feira.

    1. Claro que o time que investe mais não tem garantia de títulos. Tudo depende da competência dos profissionais integrantes da comissão técnica, das escolhas dos atletas a serem contratados.

      É curioso que esses dirigentes sempre pegam o mesmo exemplo do Grêmio dos meados dos anos 90.

      Vamos pegar o Exemplo do Palmeiras/Parmalat. O investimento foi muito forte no futebol e o Palmeiras ganhou tantos títulos quanto o Grêmio.

      O São Paulo é outro clube que investe forte.

      O Cruzeiro investiu para formar o elenco que ganhou o bi-campeonato brasileiro.

      O Corinthians e Flamengo brigam por maiores recursos da televisão, para investir mais no futebol.

      Nossos dirigentes são fracos e possuem pensamentos pequenos. Não estão a altura da grandeza do Grêmio.

  10. uma coisa é certa, quem não investe não vence!
    Quem investe pode bater na trave, mas a chance de levantar título é maior.
    Os times que venceram brasileiros e libertadores nos últimos anos foram os que mais investiram, seja Corinthians, SP, Cruzeiro, Inter e por último o Galo.

    Agora o inter acaba de anunciar Lisandro Lopez!
    Eles tem no mínimo 2 jogadores bons por posição do meio pra frente e, mesmo com uma zaga e laterias fracos, vai com certeza disputar o título do brasileiro.
    O Grêmio é certo que não vai disputar com esse time.

  11. O Grêmio só vai anunciar reforços depois dos jogos contra Juventude e Inter.

    Eles querem comprar uma Ferrari, oferecendo o preço de um gol.

  12. Ao se confirmar o acerto do Lizandro com o Inter, a relação que fica sobre prioridades nos dois clubes é a seguinte: “eles”, Lizandro, nós, César Pacheco. Não é preciso dizer mais nada.
    A renovação no Grêmio está difícil até no quadro diretivo. O apego aos cargos por lideranças tradicionais, está sufocando o surgimento de novas vocações
    À exemplo do cantor Roberto Carlos que se intitula: “o amante à moda antiga”, agora vamos ter que conviver com o “dirigente à moda antiga’, como se auto-definiu o escolhido. A vida mudou, o futebol mudou, mas a mentalidade de uma geração de dirigentes parou no tempo, há doze anos, não por acaso.

  13. eu não sei se o lisandro lopes seria uma boa, duvido que esteja num bom ritmo.

    e sobre o pacheco, concordo com o darcílio, o tempo passou e os dirigentes do Grêmio ficaram para trás, e acham isso lindo. 14 anos não é de graça…

    1. Concordo. Não sei se seria uma boa. De qualquer forma, o Grêmio precisa de jogadores experientes. Poderia ser ou não. Uma incógnita.

      Quando o jogador vai para o Catar é porque está no fim de carreira.

  14. BRAYAN RUIZ atacante da COSTA RICA jogou a COPA 14 . atualmente no FULLHAM inglaterra , sera que da JOGO ????????????????????????????????????????????????????????? ou + 1 naba ?

    1. Hermes já jogou de meia na base. Acho que Felipão erra em fazer improvisos.

      Acho que é uma teimosia para forçar uma situação. Felipão e a direção erraram na avaliação ao Marcelo Hermes.

      Inicialmente, há alguns anos achava que ele era promissor. Mas ao ver jogos com equipes mais qualificadas, percebi em tempo que ele era fraco.

      Da base, você poderia testar outros como o Leandro Canhoto que deve ter sido emprestado. O Dionathan, Natan, Conrado por exemplo.

    1. Esse tipo de composição foi proposta pelo Cruzeiro. E sabemos que a raposa é esperta o suficiente para enganar os bons moços salvadores da atual direção.

      Eu penso que o Grêmio pode emprestá-lo por uns 1 ano com opção de prorrogação por mais 01, mais opção de compra.

      É difícil avaliar o Mamute. Tem que achar a posição dele. é um atacante que faz poucos gols nos profissionais e na categoria dele. Até ele pode ter corpo de centroavante, mas falta muito para ser um centroavante. Inicialmente, precisa a aprender a fazer e gostar de fazer gols principalmente.

      O Mamute tem vários defeitos.

      O Lucas Coelho segue o mesmo caminho. Centroavante com poucos recursos técnicos que não chuta e não se enfia entre os zagueiros para tentar concluir as jogadas não me serve.

      Na base, é preciso trabalhar mais os atacantes. Muitos jogadores com potencial se perdem por ser mal trabalhados.

  15. Se não queriam o Mamute aqui, por que renovaram o contrato por 5 anos?
    Esse é outro que mal teve chance no profissional e já foi tachado de jogador ruim.
    Mas tem um cartaz enorme pela seleção e na Europa, não é tão desprezível assim. Não consigo entender emprestar o cara por 5 anos, no máximo poderia fazer por 1 ano pra ver como se sai em time grande e aí depois vende ou aproveita aqui. Em todo caso não deve ter salário tão alto pra se livrarem dele.

  16. gremio lancara amanha 1 NOVA ASSOCIACAO === FA CLUBE 1903 ha R$ 10 pila ! ok . sera que o TORCEDOR agora ira AJUDAR o CLUBE ???????????????????????? ou ira ” RECLAMAR ” denovo que o preco e muito CARO pra se associar ?

  17. Bem, vamos ao jogo de hoje. Quero só ver quais os setores com maior público. É dia para o gremista de fé. Motivos para não ir são muitos: a desconfiança do torcedor ante os últimos resultados, os desfalques, as incertezas do treinador que ainda está procurando formatar e dar padrão de jogo a equipe, a pouca credibilidade da direção de futebol, etc, etc. Quero ver a volta do Juliano mesmo fora da forma ideal e sem o entrosamento necessário com os novos companheiros. Resolvida a questão das dores pubianas que tanto o incomodaram, poderá ser um acréscimo de grande qualidade, a se comprovar dentro de campo. A manutenção dos atacantes me parece uma decisão acertada, pois, os escolhidos para iniciar o jogo são os que tem dado uma boa resposta quando chamados. Não se pode negar que o treinador está agindo com cautela e dando oportunidade aos jogadores da base para que tenham sequência de jogo, mas que entendam que nada acontece por acaso. A certeza de que seu esforço será recompensado com um convite do técnico para participar do grupo principal e estar na vitrine de um grande clube que é notícia sempre, estimula o jovem jogador a programar, com mais seriedade, sua carreira e consequentemente, seu futuro. Ainda acho que estamos (brasileiros) jogando um futebol de segunda categoria. No cenário futebolístico mundial, já não somos a “cereja do bolo”, há algum tempo. Toda essa “encheção de morcilha”, para dizer que não estamos jogando nada, mas que, ainda assim, continuo sendo gremista, apesar de tudo. Continuamos engatinhando na exploração do potencial da marca Grêmio e não é de hoje. O Grêmio tem que fazer uma campanha institucional que dê motivação a seu torcedor. Com um pouco de criatividade e o potencial da família tricolor por trás, não há como não dar certo se as coisas forem feitas com sabedoria. Tem que colocar, “na roda”, o potencial dos espaços de lazer do clube. A ilha, o Centro de Treinamento Hélio Dourado. A Escolinha, na Zona Sul, fica ao lado do pier do Catamarã. Uma placa saudando os passageiros e chamando a atenção para a Escolinha e para o símbolo do clube, seria uma boa ação de marketing. Vou parar por aqui por não ser especialista em mercado. Tampouco posso criticar o trabalho dos outros sem conhecimento de causa. Pequenas ações tem sido feitas pelo marketing do clube com uma boa receptividade de público e valorização da marca Grêmio, embora a baixa remuneração que cabe ao clube no resultado financeiros da parceria. Mas, esse é um esforço válido, embora ainda aquém do potencial institucional. São estas ações de médio e pequeno porte que devem ser implementadas pelo clube para criar um clima de união e promover uma maior aproximação entre os torcedores, o que vai bem mais além da finalidade esportiva. Massagear o ego do sofrido torcedor gremista, cutucar a sua paixão e traze-la para dentro do clube. Mas, isso não é tarefa de uma diretoria apenas. É tarefa de todo gremista. Logicamente, é preciso que os comandantes voltem a conquistar a confiança do torcedor. Olho no olho, transparência e mãos á obra! Sem essa conscientização, não há solução.

  18. Grêmio jogou 45 min e o Juventude 90, assim fica difícil. Felipão novamente perdido, fez outra pardalice que amarrou a armação do time no 1º tempo.
    Quando ajustou cada jogador na sua posição o time cresceu e levou perigo, mas daí ficou claro que falta qualidade pra matar o jogo.
    Tá difícil, quando eu achava que o time seria repetido com uma lógica visando a continuidade, o Felipão muda tudo. Vem aí o gre-nal e só o que consigo pensar é que seremos atropelados. Ainda mais se eles ganharem o jogo da libertadores, virão com mais força ainda.
    Queria acreditar que em gre-nal tudo fica parelho, mas o Grêmio tem tido dificuldade contra qualquer time, e já são 3 jogos sem fazer gol em casa!!
    A realidade tá batendo à nossa porta, e não passamos nem de fevereiro ainda…

  19. 10 pontos em 21.
    Em outros tempos teríamos uma limpa no vestiário!
    Por muito menos o Mancine foi mandado embora, Caio Jr idem.
    Falta indignação, direção se conformou que é isso mesmo, que não temos time pra vencer clubes do interior em casa, no gauchão!
    Felipão tem sinal verde pra fazer seus absurdos e nada muda!!!!

  20. Tenho 37 anos.
    Esse time montado para 2015 é disparado a pior montagem de planteu que eu já vi.

    Nunca vi nada igual.
    Está pior que futebol amador.

    Sem chances de algo para esse ano.

    Oremos

  21. O que dizer depois de mais uma atuação deficitária que acabou em vaias merecidas do torcedor que se dispôs a ir em plena segunda-feira assistir seu time jogar essa bolinha numa véspera de Grenal?

    Corremos sérios riscos nesse clássico. O time não encontra alternativas do meio pra frente, principalmente no ataque, e o treinador ao invés de buscar alternativas viáveis prefere inventar Marcelo Hermes de meia. É de doer. Time não criou nada no primeiro tempo. Douglas omisso, desaparecido em campo e Everaldo liquidando com as jogadas de ataque. Pedro Rocha um pouco mais arisco mas muito aquém de aparentar ser mais incisivo, muito ciscador. Aliás,vejo muito empolgação em torno de Araújo e Pedro Rocha, mas a amostra de ambos ainda é muito pequena e a mim, não empolga.

    Everaldo está tendo a sequência que Lucas Coelho deveria ter. Everaldo não se firmou nem no Figueirense, só o Felipão e essa direção fraca acreditam nele, talvez por ter bom empresário, já que o clube está virando numa “ação entre amigos”, Marcelo Hermes idem, até de meia ganha chance. O bom desses garotos é empresário, mesmo na base nunca jogaram nada, nem foram destaque.

    Enquanto isso nitidamente o menino Éverton que é bastante tímido sentiu que não conta com a simpatia do treinador. na época de Enderson entrava bem nos jogos partia pra cima e hoje só tocou pra trás, sem confiança e inspiração nenhuma. Felipão liquidou com todos os velocistas do plantel. É sua vingança contra o pesadelo alemão que o atormenta.

    De bom, o segundo tempo com a entrada de Giuliano, a equipe até chegou a ter momentos onde pareceu – mas só pareceu – um time de futebol, com algumas tabelas, até o Barriga de Cadela resolveu se movimentar e jogar – porém como é apenas um vagabundo habilidoso – o gás logo acabou e pediu pra sair. Vergonha um time da grandeza do Grêmio depender de um (ex)jogador desse. Até o mesmo o Paulo Bayer já seria melhor… pra ver como alternativa tem, o que falta é eficiência nas escolhas de treinador e direção. Mas ultrapassados escolhem ultrapassados…

    É claro que Felipão vai com 5 volantes pro Grenal… e é claro que o Inter é favorito até com o time reserva. Muito favorito, diria. É um time de futebol (com suas deficiências) contra um arremedo sem jogadas armado pelo Felipão. Uma vergonha.

    Só espero não darem vexame no clássico. Oremos.

    E oremos de novo pois Rui Costa e Felipão vão as compras, Grêmio está a procura de 3 a 4 jogadores.

    Oraremos muito ao longo desse ano. Essa direção é conformista e derrotista, o presidente Romildo Lero está convicto do seu planejamento e de sua politica austeridade. Tão convicto quanto era o Obino. Oremos muito.

  22. Complicado. O Grêmio está num marasmo ofensivo.

    Quando você ouve o Rui Costa lembrar do Ramiro, aí o suicídio é um dever. Eles consideram o Ramiro um grande jogador.

    Estou atônito!!

    O Grêmio vai contratar qualquer um por causa da matriz financeira.

    Felipão deu a letra que ele não decide diferença de R$ 20 a 30 mil.

    Oremos porque, se essa direção continuar com essa matriz, cairemos para a segunda divisão.

    Se o Grêmio não contratar agora, quando correr o risco no brasileiro, eles irão contratar 40 jogadores.

    Reclamam agora do mercado, mas a época em que tinha opções eles não moveram um dedo por causa da matriz financeira.

    Agora, estão sofrendo as consequências.

    Oremos!

  23. Bom pessoal vamos acreditar no projeto o mesmo está sendo seguido a risca então vamos acreditar temos que ter muita fé no projeto se o Sr. Rui Costa disse que o projeto e magnifico quem somos nós para duvidar e só esperar e começar a colher os frutos do projeto quem viver verá.E viva o projeto.

  24. Até agora, todos os projetos apresentados pelo sr. Rui Costa não deram sorte.

    Claro que o projeto não é do sr. Rui Costa, mas da atual direção.

  25. O diretor de futebol Cézar Pacheco e o vice-de-futebol Fábio Koff não apareceram no vestiário.

    O Grêmio definitivamente terceirizou o futebol. E o pior é que entregou nas mãos de office boy que leva o projeto de um lado para outro e não resolve nada.

  26. E o sr. César Pacheco? E o Sr. Fábio Koff?

    Eu acho que César Pacheco pediu férias. E Fábio Koff pediu alguns dias para descansar após as longas férias gozadas.

    A pior entrevista que ouvi foi a do executivo Rui Costa.

    Mais uma vez ele falou no tal projeto.

    Quando trouxe o Vargas, ele falou no projeto.

    Quando anunciou o Giuliano, falou no projeto.

    Cada contratação o sr. Rui ficava entusiasmado porque os jogadores vinham para o Grêmio aceitando a proposta menor do que outros clubes por causa do projeto.

    A quem diga que jogadores procuraram o clube para pagar para jogar e tudo por causa do tal projeto.

    E qual é afinal o projeto que o sr. Rui tanto apregoa?

    O PROJETO DO GRÊMIO É NÃO VENCER.

  27. – Terceira partida seguida em casa sem vitória – em pleno Gauchão – imaginem essa campanha no Brasileirão, é campanha de rebaixamento. Oras, ninguém aqui quer fazer terrorismo, é só olhar as atuações e o números. Outro dado, nossas vitórias foram contra os últimos colocados do ruralito.

    – César Pacheco no futebol é de doer na alma. Não entende absolutamente nada do riscado, neófito total. E muito menos tem a personalidade e o pulso firme que se fazem necessários no vestiário e no comando do futebol. É mais um leva e trás pro Koff Tutancamon não precisar ir de sua tumba. Presidente Koff, a Arena não era nossa, dos filhos, dos nossos netos? Bi-estelionatário eleitoral. O campeão voltou. Realmente. Campeão do estelionato eleitoral. Tri se computarmos a eleição do Dudinha. Agora só falta o tri rebaixamento.

    – Logo, logo o Felipão vai abandonar essa barca. O próprio Koff vai acabar pulando fora… e a rainha da Inglaterra terá de assumir – ou seria Rei Momo? – o tal de Bolzan, que me desculpe, mas a cada entrevista sua vejo total falta de conhecimento do que seja administrar um clube da grandeza do Grêmio, é de uma ingenuidade que só me vem a frase: – sabe de nada, inocente! – ao ouvi-lo falando. Que medo!

    – Dá dó de ver o Grêmio nesse abandono! Virado numa irresponsável “ação entre amigos”, nessa quase que hacatombe de falta de profissionalismo. O futebol gremista está jogado as traças. Ou parafraseando o AVM – que escreve melhor do que dirigia o futebol – o Grêmio está entregue aos ratos.

    – O mais assustador é ouvir – em tom de naturalidade, conformidade, aceitação, prostração da direção – que tudo faz do planejamento, do projeto, da politica de austeridade que vai sendo utilizada para encobrir a incompetência, a fragilidade e inaptidão dos nossos comandantes para suas responsabilidades e a formatação do pior time da história tricolor em campeonato gaúcho. As perspectivas são aterrorizantes e o torcedor tem que ser muito “avestruz” para não ver que todos os sinais, indícios ou indicativos de rebaixamento estão presentes no clube atualmente. O quadro ainda é reversível, o problema é onde estão as vivas almas dentro do clube para fazê-lo? Dentro dessa gestão, não estão. Assim como estamos, somos fortes candidatos ao rebaixamento.

  28. Felipe Neri escreveu:

    “O mais assustador é ouvir – em tom de naturalidade, conformidade, aceitação, prostração da direção – que tudo faz do planejamento, do projeto, da politica de austeridade”

    Outra expressão do sr. Rui Costa que poderia vir depois de austeridade:

    “A matriz financeira”.

    Genial, a cada dia eles se superam com suas expressões para demonstrar a fiel firmeza de contenção de gastos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.