O gramado em péssimas condições já era indício que talvez o Grêmio não repetisse suas duas ótimas últimas apresentações, check porém, drug ninguém imaginava que o futebol apresentado seria semelhante e estreia contra o Huachipato – principalmente no segundo tempo.

Raro foram os lances em que o Grêmio lembrou o time que goleou Caracas e Fluminense. O time estava acomodado dentro de campo e em alguns momentos parecia que faltava até vontade em disputar a bola – o que é inadmissível que ocorra.

Mas o que de fato aconteceu? Soberba? Gramado? Caracas jogou demais? Não sei. Só sei que internamente o Grêmio precisa saber por que fez uma partida tão medíocre como a de ontem quando o esperado era, no mínimo, um empate frente ao fraco time venezuelano.

Foto:  Luis Acosta
Foto: Luis Acosta

Falando especificamente do gramado, ele pode atrapalhar o toque de bola, mas não nos movimentos táticos da equipe e na sua atitude dentro de campo, e este último item é o que mais me preocupou no jogo de ontem.

Contra Fluminense e Caracas não ganhamos só no futebol, ganhamos também na atitude, na entrega, na dedicação, na concentração. Onde ela esteve na Venezuela?

Um time ligado acerta um passe para pifar o centroavante. Uma equipe atenta não erra um passe no meio-campo e não dá espaço para o adversário concluir tão facilmente.

Time que quer o caneco da Copa precisa ganhar de tudo e de todos e jogar cada jogo como se fosse uma final, pois só assim se chega no topo. Agora, o jogo contra o time carioca virou final de campeonato. Será preciso fazer os três pontos em casa para que o pior não ocorra.

Nada está perdido, mas ficará muito complicado se voltarmos a jogar deste jeito.

Abração hein?!
@alemaopizoni

Participe da discussão

1 comentário

  1. Ficou realmente complicado, teremos várias finais até a decisão da Copa e contra o Fluminense será a primeira delas. Nosso time é melhor do que o dos cariocas, nosso treinador é melhor do que o Abel, o problema é que teremos a obrigação de vencer, a obrigação de jogar para frente por estarmos jogando em casa e precisando do resultado, a obrigação do resultado para não dependermos de terceiros na última rodada… Tudo isso certamente promoverá muita ansiedade nos jogadores e na torcida, ansiedade essa que exige maturidade para superá-la e essa é uma característica que infelizmente o time, apesar de experiente, ainda não adquiriu. Esse grupo gremista, infelizmente, tem tido muitas dificuldades diante de reverter situações contrárias. Acredito que esse é o jogo chave para vencermos tal adversidade e embalarmos no campeonato…

Deixe um comentário

Deixe uma resposta para Renan Delvaux Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.