Não deu nem pro gasto

Olha, eu não vou fazer a tempestade em copo dágua que rolou nas internet ontem após o jogo, mas também não defenderei a postura do time em campo. Foi uma partida sonsa, sem graça, com um gol logo no início e com dois times que parecia cansados em campo, com preguiça de jogar. Pior para o Grêmio, que tomou o gol e não teve capacidade para pelo menos empatar.

Se considerarmos a equipe titular aquela das vitórias de goleadas, ontem o Grêmio entrou em campo com nada menos do que 4 reservas. Quase meio time. E isso faz a diferença, principalmente no meio e ataque. Não acho que a culpa do gol tenha sido da zaga de maneira contundente. Com 1’de jogo tu não pode deixar o outro time chegar no fundo da lateral direita com velocidade e colocar a bola na cabeça do centroavante adversário. Foi desatenção, ratiada.

Depois disso o Grêmio dominou o jogo, mas não teve efetividade. Controlou a posse de bola, girava de um lado a outro mas não encontrava os espaços para empatar. Alguns lances casuais, uma bola na trave, e belas defesas do goleiro adversário acabaram com as esperanças da torcida tricolor que se fez presente em Pelotas. Pra mim, Vilson é o melhor zagueiro do Grêmio e o Pablo, coitado, já começou sendo criticado. O Marquinhos tá em fim de carreira, não aguenta mais o tranco do futebol, passou o jogo todo escondido e nos fez sentir falta do Marco Antônio, quiçá do Douglas, aquele gordo ruim de bola.

Confesso que não entendi as substituições do Luxemburgo. O Edílson no lugar do Gabriel até que surtiu um efeito, pois o lateral reserva do reserva fez muito mais que o titular e o Pará juntos, que até agora não entendi sua contratação. André Lima e Leandro, coitados, entraram numa fria e obviamente não iam resolver nada, a bola não chegava ao ataque, André Lima ficou isolado com o Marcelo Moreno e o Leandro, bom, o Leandro não ganha sequência, não dão confiança e a torcida só o vaia, tem tudo pra dar errado.

Quarta, agora, tem Copa do Brasil, primeiro jogo da segunda fase contra o Ipatinga, lá em Minas. O resultado positivo é importante para garantir a classificação sem muitos problemas. Não vai ser fácil, ainda mais com o desfalque do Kleber, mas há de melhorar.

Sigamos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.