Feitoria, order amiguinho tricolor!

166

Mais um episódio especial e bacana sobre assuntos do Grêmio e sobre o Grêmio. No programa de hoje, Fane WebberAnderson Kegler e Rodrigo de Azevedo, batem um papo sobre a Copa do Brasil, Fluminense, Brasileirão e o adversário do final de semana, Cruzeiro.

Hoje também tem é dia do jogo contra o Flu pela Copa do Brasil (que mundo você vive que não sabe disso?). Portanto vamos ao serviço do jogo.

30/09/2015 – 22h

Grêmio x Fluminense

Copa do Brasil. Quartas de final. Jogo 2.

Trio de arbitragem mineiro. Ricardo Marques Ribeiro (FIFA), auxiliado por Guilherme Dias Camilo (FIFA) e Marcio Eustaquio Santiago

 

 

Não deixe de ouvir e passar para os amigos!

Escuta aí e espalha a palavra do Mesa de Bar do Grêmio!!

—-

Se quiser, faça o download do programa clicando aqui com o botão direito e escolhendo salvar como.

.

Participe da discussão

45 comentários

  1. É isso, amigos. Saem voando nossas chances de título esse ano. Não adianta dizer “eu já sabia”. O Grêmio é muito bem treinado e tinha tudo para vencer hoje. Porém é um time zicado. Vai ser muito difícil tirar essa zica. É muito trabalho pela frente

  2. E também não adianta chorar a falta de time… um Flamengo muito pior que esse conseguiu ser campeão da Copa do Brasil.

  3. Erazo perde um gol embaixo dos paus. Fred mete gol no meio dos zagueiros. Cavalieri faz milhares…em fim, na hora de passar a pomada o new grêmio falha.

    Grêmio tem uma caveira de mula enterrada no olímpico, na Arena.

    Grêmio nunca jogou como está jogando com bolas esticadas para o ataque….

    So se desenterrarem a caveira de mula, pq mais uma ano no quase.

    Esse new grêmio e dose.

  4. Os adversários estão em festa. Sabem que a saída do Grêmio significa muito. Esse ano o Grêmio realmente era um perigo

  5. Amigos, sou uma pessoa calma e não apoio a violência. Mas se esse juiz saísse de campo com alguns hematomas hoje, alguém choraria por ele?

  6. Era um resultado possível. Empatar fora por 0 x 0 é sempre enganoso e perigoso.

    Além do mais, a Copa Brasil é sempre mais fácil de ganhar e de ser eliminado, qualquer detalhe é fatal.

    E já havia alertado para a falta de um perfil copeiro neste atual elenco, não temos jogadores de copa, sanguíneos, indignados, catimbeiros e de mais personalidade. Hoje nitidamente o time esteve afobado e emocionalmente nervoso. A verdade é que tremeram nas bases, Giuliano foi um exército de um homem só, o único que teve lucidez e chamou a responsabilidade. Douglas, como em todas as decisões, nada fez, não foi por falta de aviso, Roger morreu abraçado ao seu armador lerdo e displicente, Maxi em menos tempo fez bem mais.

    Jogo truncado e fechado, dependíamos muito de jogadas pelas laterais e aí as limitações de Galhardo e M. Oliveira se escancaram, são muito deficientes nesse quesito. Wallace e Edinho também comprometeram pois não fazem o time jogar como Maicon e Roger paga por não testado opções diferentes. O menino Thiery sentiu o jogo de novo, foi mal na saída de bola e falhou no gol de Fred. Quando venderam Rhodolfo e trouxeram Bressan que já havia jogado Copa do Brasil, os homens do futebol
    enfraqueceram o elenco e não souberam repor, quando a gente é chato e exigente com esses detalhes, é considerado corneteiro.

    Agora está aí o resultado, adeus a mais uma Copa e desclassificados por oponente que vinha mal. Infelizmente, o futebol não tem “poção mágica”… espero que o sr Bolzan mude o dep. de futebol para 2016 ou não irá ganhar nada de novo.

  7. Time medroso, sem personalidade, jogou o primeiro tempo inteiro nervoso, jogador que não aguenta a pressão nunca ganhará nada. Isso já foi dito muitas vezes por aqui, não adianta esperar uma mudança psicológica e enquanto se contentarem com jogadores assim, nunca mais seremos campeões, continuaremos brigando só por vaga.

    Que sirva de lição, esse jogo foi perdido lá no Rio, time deles desmontado, desorganizado, desmotivado, muito mal, e o Grêmio entra para empatar, francamente! Em uma semana melhoraram e readquiriram um pouco de confiança. Roger faz um baita trabalho, muito do momento em que estamos se deve a ele, mas cometei esse grave erro.

    Toda vez que a torcida enche o estádio, vai incentivar, esse jogadores tremem a perninha, são uns frouxos!

    Eu larguei, não quero mais saber desses jogadores com espírito de perdedor. Até ano que vem pessoal, boa sorte a todos e tanto faz o que essa m* de time conseguir, pois vai se conformar com o que perdedores se satisfazem: vaga.

  8. Amigos, dificilmente reclamo de arbitragem. O Grêmio jogou mal… mas vamos combinar, aquele projétil de ser humano que apitou em todas as oportunidades que teve, amorcegou, não marcou faltas, parou ataques, mandou voltar laterais, exigiu as faltas que levamos vantagem, foi condescendente com a cera nos momentos certos e intolerante com ela nos momentos mais convenientes.

    Vejam bem esses detalhes. Não consigo engolir a desculpa do “árbitro ruim”. Se fosse mesmo por sua qualidade, Ricardo Marques teria que melhorar bigornas para chegar ao nível de ruim. Mas qual é, é um juiz experiente. Ruim ou não, manja das situações de jogo. Sabe minar um time nos instantes certos e com os melhores artifícios. Não chamaria ele de discreto. O jogo estava na mão dele.

    Pode até ser que o Grêmio não tenha merecido vencer. Mas poderia ganhar 75 de 100 partidas contra esse Fluminense mesmo trotando em campo. Mesmo muito bem treinado, o time do Grêmio era muito parecido com o do Fluminense: recheados de guris. Detalhes decidem.

  9. Time campeão supera arbitragem. Time bom passa por cima.

    O Grêmio não fez um bom primeiro tempo. Entrou nervoso e apressou o jogo. Em razão disso, tomou o primeiro gol.

    Não achei que o árbitro influenciou no resultado.

    O Grêmio deixou de se classificar porque não teve qualidade suficiente para essa disputa. E Copa do Brasil é isso. Time que joga fora tem que buscar um gol.

  10. “Time campeão supera arbitragem. Time bom passa por cima”.

    Discordo com convicção desse pensamento. Para mim é isso que perpetua a condescendência com a mediocridade da arbitragem no único esporte que ainda não usa tecnologia.

    Jogos de futebol são competições. Numa competição, nem todos os enfrentamentos são travados entre competidores de níveis absurdamente diferentes. É por isso que competições podem ser decididas em detalhes.

    Não estou dizendo que o Sr. Ricardo Marques foi o único responsável pelo resultado ruim. Mas cada lance amorcegado pelo apitador citado (procurem as estatísticas dele com o Grêmio) custou um tempo precioso que o Grêmio poderia ter usado para chegar ao gol que precisava. Sem contar a falta de critério. Pendurar um jogador-chave de marcação como o Walace logo de cara influencia no seu desempenho.

    O Grêmio nem sempre joga bem, já aconteceu várias vezes na temporada de ter que buscar o resultado e algumas vezes conseguiu. O elenco atual do Grêmio é isso, limitado, precisa estar com a chave de 110% ligada o tempo todo para conseguir suas façanhas. E todos sabemos que o tempo todo é impossível, nem o Barcelona consegue. Já é difícil fazer esse elenco render do jeito que vinha rendendo. Não preciso dizer o quanto o trabalho é complicado. Ver seu trabalho que custou tempo ir por água abaixo com o auxílio de um fator externo é frustrante.

    Os esportes são fascinantes justamente por causa do imprevisível. Algumas das maiores histórias já contadas no futebol são de vitórias impressionantes de times que de início não mereciam vencer.

  11. O problema foi nao ter arriscado mais no RJ. Lá o Flu recém havia trocado de treinador, estava bagunçado, sem confiança. Mas fomos com o Bobô no ataque e o time ficou preso, não criamos nada, perdemos a velocidade que é fundamental quando se joga fora.
    O empate sem gols traria um jogo nervoso pra Arena, isso era óbvio, Flu jogaria nos nossos erros e assim o fez. O que me impressonou foi o nervosismo dos nossos jogadores, pareceiam todos guris de 15 anos, errando passes ridículos, forçando bola alçada na área pra ninguém.
    A real é que não jogamos nada nos dois jogos, fomos perigosos somente nos dois lances que o Maxi Rodriguez criou, no gol do Bobô e no cruzamento pro Fernandinho perder o gol.
    Maxi Rodriguez, aquele que quase não entrou na temporada teve que decidir na hora da pressão. Isso é o tal detalhe, desperdício de talento no banco. Outro detalhe é o Thyere ser reserva contra o Avaí e perder a chance de encaixar melhor com o resto do time pra decisão da Copa do Brasil e ficar perdido vendo o Fred cabecear.
    Detalhes.
    Detalhe também é o Galhardo bater faltas rasteiras e sem nenhuma eficiência enquanto nosso melhor batedor, Luan, nunca bate.
    É ver os dois laterais errarem quase todos cruzamentos de linha de fundo.
    É ver o Edinho ser referência do time na hora da decisão e atrapalhar a saída de bola.

    De novo perdemos pra um time inferior, como contra Santa Fé (2013), CAP (2013), San Lorenzo (2014) e Santos (2014). De novo perdemos o confronto sem fazer gol fora de casa.
    Quando o Grêmio vai perceber que o jogo pra ser ofensivo é fora de casa, quando há a vantagem do gol qualificado????

  12. 2016 começa agora. Já não disputados títulos no ano e estamos encaminhados pra Libertadores.
    Agora é momento de montar time, pra vencer alguma coisa.
    Sem investimento no futebol não tem como vencer! Poderemos até fazer bom papel com essa base que o Roger está montando, mas faltam os jogadores diferentes, falta um Fred que decide sozinho.
    Faltam laterais de melhor qualidade, me conformo se ao menos derem chances pra gurizada aparecer, só não pode seguir apostando em jogadores limitados como Galhardo e M. Oliveira. No meio precisamos de um volante que saiba sair pro jogo, como o Maicon, que dificilmente vai permanecer.
    Acho que Erazo fica, mas falta um zagueiro pra opção.
    Na frente falta o 9, fico imaginando um Ricardo Oliveira, precisamos de um atacante que faça gols, chega de apostas como Vitinho, Braian e Bobô!

  13. Montar time? Com Rui Costa e Pacheco? Será que somente Néri e eu pendamos que esses dois senhores não possuem capacidade?
    Laterais fraquíssimos, Erazo,
    Bressan e Thiery muito ruins, Wallace piorando a cd jogo, Douglas enganando, Pedro Rocha fraco,….,
    Braian, Vitinho, Shuster, …..
    Muita ruindade junto e 2 diretores de futebol sem conhecimento.,,
    Esse é o Gremio q dá sequência a 14 anos de vergonha!

  14. Tem coisas que só o Grêmio consegue. Uma delas foi cair fora para o timeco do fluminense, dentro de casa, com a Arena lotada.

    Realmente estou começando a achar que forças ocultas pairam sobre a instituição GFPA, pois não consigo entender como não ganhamos nem copa do brasil mais.

    Está difícil levantar um caneto, mas, continuamos na luta, na torcida e sofrendo com nosso tricolor gaúcho.

  15. Ser desclassificado pelo Flu realmente é demais da conta!
    Saudade dos tempos em que era o Grêmio quem classificava “usando” o regulamento, com empates.
    Pior de tudo é que jogamos no lixo a chance de disputar a Sulamericana pra tentar a Copa do Brasil, que era visivelmente um caminho mais difícil, ontem se confirmou.
    Pois o CAP (que herdou a posição do Grêmio) vai pegar o Sportivo Luqueño, nas quartas de final, podendo pegar River, Libertad ou Chapecoense nas semifinais.

  16. Penso que o Grêmio tem que começar aos poucos. É muito difícil, para não dizer, impossível o Grêmio ganhar uma Libertadores ou Br direto. O Grêmio tem que começar a ganhar gauchão para perder o medo de jogar decisões.

    Esse time não é de todo ruim, temos depois de muitos anos uma base. Se forem contratados um zagueiro, um meia e um matador vamos pra as cabeças.

  17. Eu acho que o Grêmio já teve arbitragem muito piores do que a de ontem. Nem se compara. Já enfrentamos uma dos árbitros mais traiçoeiros do futebol: Cergueira.

    Evidente que lances capitais dificultam a vida do time bom. Nos anos 90, o clube foi muito prejudicado. Ora conseguiu superar porque tinha time bom, ora o prejuízo era imenso como a semifinal da Copa do Brasil contra o Palmeiras.

    Discordo quando é dito que a arbitragem de ontem foi o fator decisivo para a eliminação. Foram dois jogos. E nos dois jogos, o Grêmio não teve competência e qualidade para superar o adversário, inclusive usando o regulamento.

  18. O Grêmio achou um técnico que acertou a equipe. Temo uma boa base. O Grêmio tinha que trocar o departamento de futebol após garantir a vaga a Libertadores no Brasileiro.

    E já começa a pensar na Libertadores. Se conseguir a vaga de modo antecipado, já dá férias aos atletas. Coloca os reservas e quem não ficará para jogar. Até jogadores jovens para testá-los.

    A meta deveria ser essa.

    Não dá para buscar o Corinthians. A regularidade do time paulista é muito grande e a nossa não.

    Concordo com o Felipe Neri. O Grêmio perdeu o Rodholfo e não fez a reposição adequada por causa da direção.

    A bola pune dirigentes incompetentes.

    Quando afirmo que os dirigentes do futebol do clube são incompetentes, não significa que possuem qualidades ou atributos positivos. Os incompetentes também tem seus acertos. O problema é que os incompetente ora erram mais do que acertam ou erram especificamente nos detalhes.

    A eliminação não foi surpresa. Mesmo alimentando esperança, sabíamos que o Grêmio possuía um grupo deficiente de qualidade.

  19. O gol do Fluminense foi o resultado de um conjunto de falhas.

    Primeiro, Walace errou um passe na intermediária. O jogador do Fluminense avançou pela esquerda. O Grêmio tentou recuperar a bola e rebateu para o centro. A bola ficou com um atleta do Fluminense e transacionou pela esquerda para outro jogador que fez a jogada em cima da Avenida Marcelo Oliveira.

    A bola foi na cabeça do Fred. Cruzamento de qualidade para um centroavante que não costuma perder.

    Houve falha do Thiery que deixou Fred se antecipar. Na verdade, a falha crucial foi dele. Mas não dá para esquecer que outros falharam também.

    Também não pode ser retirado o mérito e a qualidade do Fluminense. O cruzamento foi perfeito.

  20. Não creio que o elenco do ano que vem será muito melhor do que esse. Romildo já disse que diminuiria ainda mais a folha. Nesse momento estamos precisando de reforços para todas as posições: laterais, zaga, volância, meia e ataque. Alguns podem vir da base

    Quero ver que truques Roger conseguirá tirar da cartola quando tiver uma temporada pra começar do jeito certo. Espero também ter um mesmo técnico durante todo o Campeonato Brasileiro pela primeira vez em anos.

    No mais, aguardo o dia em que o Grêmio não comemorará quando ganhar só um pontinho fora.

  21. Se Romildo diminuir mais a folha, acho que deverá, também, mudar toda a Direção de Futebol e colocar gente que conheça bem o mercado da bola e que acerte nas contratações. Para que não tenhamos, mais tarde, que ouvir explicações “fajutas” sobre os erros de avaliação. O suado dinheiro do torcedor que é investido no clube tem que ser otimizado e isso só acontecerá se for gasto com parcimônia e sabedoria. O modelo antigo de sair gastando “à la loca”, contratando a peso de ouro verdadeiros “cabeças de bagre”, não pode perseverar. Gastamos muito e o retorno ficou aquém da expectativa. Que os erros sirvam de lição. Há quase quinze anos estamos órfãos de títulos e o culpado sempre é o “mordomo”. Olhar para a própria barriga e fazer um mea culpa sobre tudo o que deu errado até agora, pode ser o início da volta por cima. A Arena hoje tem muitos pais. Inclusive, alguns que sistematicamente foram contra à sua construção. O mundo dá muitas voltas. Sorte? Não acredito. Destino. A Arena é uma construção de gremistas. Todos nós. O que seria o Grêmio se não fosse o seu torcedor que é quem realmente paga a conta!

  22. ####### NA BOA e na ruimmmmmmmmm !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! SO ASSIM O GREMIO TERA R$$$$$$$$$$$$$ PRA ter 1 TIME MAISSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS QUALIFICADOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO ok . A REAL . pergunta = CADE O ” EXERCITO GREMISTA com 600 mil cadastrados / CADE O TEU GREMISMOOOOOOO = pra CONTRITUIR com o CLUBE ?????????????????? so falar E FACIL ne . ajude o GREMIOOOOOOOOOO R$$$$$$$$$$$$$$$ ,,, nao importa o QUANTO ok , MAS AJUDE ok !!!!!!!

  23. Não sou de acusar ninguém nem de entrar nesse coro de que é todo mundo incompetente e de que X/Y/Z está afundando o Grêmio.

    Mas o Grêmio não é uma propriedade de alguém ou de algum grupo político em específico. Então se X/Y/Z não entendem de futebol, que se reconheça isso e que X/Y/Z saiam para que entre alguém que entenda. O importante é o que pode agregar ao clube, não o quanto X/Y/Z é honesto, fiel ao grupo político ao qual pertence ou bom de entrevistas.

    Estamos sem dinheiro, mas uma hora vamos faturar. Pode ser agora com a compra da gestão da Arena. O que menos quero é ver o Grêmio fazer aquela gastança que o Palmeiras fez e não trazer ninguém que preste. Sim, eu sei que o Palmeiras tem um time melhor que o nosso, mas só passou a ser com os reforços recentes do meio da temporada.

    1. Só resumindo para evitar mal-entendidos: estou adorando a gestão do dinheiro e o marketing do Grêmio esse ano. Mas isso não vai dispensar a necessidade de alguém que entenda de futebol, mesmo que pra isso seja preciso trazer alguém de fora desse grupo político. Essa seria a verdadeira união política/profissionalização da gestão do futebol

  24. GREMIO : reforco na zaga 2 , lateraisss , um camisa 5 ( com o maicon ) 2 bons MEIAS com GAS e PERNAS , e 2 muito BONSSSSSSS atacantes camisa 9 ok !!!!!!!!!!! EX fred e ricardo oliveira SANTOS . ########## te ASSOCIA !!! e nao ABANDONE O CLUBE .

  25. Tenho ido a todos os jogos do Grêmio na Arena em 2015. Desde o início fui favorável à sua construção pois via, no projeto, a possibilidade de crescimento do clube no plano futebolístico, social e na visibilidade. Hoje, olhando para trás, vejo o precioso tempo que perdemos com questões superficiais, saudosistas e de vaidade, quando o foco deveria ser o engajamento de todos os gremistas no projeto. Tivesse o Conselho cumprido com a sua função estatutária, ao invés de se ater a questões meramente políticas, os problemas decorrentes de um contrato feito às pressas não teria acontecido. Afinal, para que serve o Conselho? Me preocupa o fisiologismo imperante no clube, independentemente de quem esteja no poder.
    Felizmente, para todos nós, a Arena do Grêmio está de pé, firme e forte. Quis o destino que assim fosse. E digo mais: sempre foi do Grêmio, porque essa foi e é a vontade da maioria de seus torcedores! É como a compra de um carro novo. Damos o “velho” de entrada e pagamos o restante em prestações. Isso não quer dizer que não vemos com bons olhos as mudanças feitas no contrato com a OAS. Foram importantes para amenizar o impacto nas finanças do clube e tornar mais equilibrada a relação entre as partes. Isso realmente foi uma grande conquista e, como gremistas, devemos saudar o zelo e a iniciativa do Dr. Fábio Koff.

    Cumprida a fase crítica da negociação com a OAS – que foi precipitada pela “OPERAÇÃO LAVAJATO” – e bem encaminhadas as ações de recuperação financeira e de marketing do clube – diga-se de passagem, merito da atual administração – é chegada a hora de dar mais atenção e olhar com mais carinho o futebol. Entendemos que a reformulação do atual grupo não depende exclusivamente do fator financeiro ou da sorte. Uma maior atenção com as categorias de base do clube e uma melhor avaliação na garimpagem de jovens talentos Brasil afora, deve ser o dever de casa do Departamento de Futebol. Um upgrade no custo-benefício das contratações vai depender, basicamente, da capacidade de valiação de um comando experiente e qualificado.

  26. Espero que o Grêmio saia do padrão de ser um time de um zagueiro só, um meia só, vários volantes, nenhum lateral e nenhum atacante dos últimos anos

  27. “A eliminação da Copa do Brasil pode nos fortalecer no Brasileiro, diz Marcelo Oliveira”

    Não estou aqui para censurar ninguém. Entendo que cada um tem o direito de dizer o que lhe convém e que, da mesma forma, assuma as repercussões do que diz.
    Nosso lateral esquerdo – que tem sido muito irregular nos últimos jogos – poderia, ao invés de nos brindar com frases prontas, explicar o porque de sua queda de rendimento. Cansaço? Lesões mal curadas? Preparo físico deficiente? Problemas particulares? Mostrar preocupação e dizer o que pretende fazer para detectar as causas do mau momento e melhorar a situação. Parece que o jogador não vê nada de anormal no seu desempenho a ponto de achar que está tudo bem. O que está visível é sua queda de rendimento e esta deve ser a sua maior preocupação no momento.

  28. Marcelo Oliveira teve uma lesão. Depois da lesão, ele não teve o mesmo desempenho.

    O desempenho dele foi muito irregular no primeiro momento. No Gauchão, ele se manteve titular porque fez bons jogos. No brasileiro, ele manteve um bom rendimento, já que demonstrava muita vontade e esforço.

    É um jogador limitado que precisa está bem preparado para ter um rendimento satisfatório.

    Entendo que o Grêmio precisa reforçar as duas laterais. Na impossibilidade, ao menos, que consiga suprir a deficiência em uma delas.

    O Grêmio perdeu o Gauchão. E deveria ter aprendido a lição ali ou ter saído fortalecido, o que não ocorreu. Time que não alcança os objetivos em mais de duas competições possui falta de qualidade.

    Na quarta, o melhor jogador do Grêmio foi Giuliano. A torcida pegou no pé dele ano passado. Desconfiou da sua capacidade técnica. Mas, após a disputa contra o Fluminense, o Giuliano se emocionou pelo fracasso. Jogador comprometido e irresignado por causa do resultado negativo.

    O Grêmio precisa de jogadores assim; jogadores que não aceitam bem a derrota; atletas que trabalham pelo clube.

  29. Edinho é um jogador experiente. Faz o feijão com arroz. Eu só acho que pode barrar o aproveitamento de algum jogador da base melhor do que ele, mas que não tem toda a sua experiência.

    A maioria dos técnicos preferem colocar jogadores mais rodados ao invés de dar oportunidade e sequência a jogadores mais jovens.

    Eu renovaria com Edinho, desde que não barre outro jogador com melhor potencial. Pra grupo ele serve, mas para titularidade, não.

  30. Na quarta, o Grêmio precisava ganhar. No segundo tempo, o Grêmio precisava empatar e virar a partida.

    Conseguiu empatar.

    Róger colocou o Bobô que é centroavante. Jogou menos partidas do que o Fernandinho. E fez mais gol.

    Fernandinho entrou também. É um jogador que raramente faz gol.

    Entre Fernandinho e Éverton, eu teria colocado o Éverton. O garoto fez mais gol do que o Fernandinho nesse ano, sendo que o Fernandinho jogou mais partidas.

    A probabilidade do Grêmio virar a partida com um gol do Fernandinho segundo o matemático Tristão Garcia seria de 0,05%.

    Se entrasse o Bryan Rodrigues, a probabilidade seria de 0,09%. Se entrasse o Vitinho, a probabilidade seria de 0,01%.

  31. Na base, tem um segundo volante muito bom. Chama-se Darlan Mendes. Jogador que possui características semelhantes ao do Maycon.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.