Feitoria!

 

147

Mais um podcast do MBG e essa semana o programa deveria ter sido gravado com o patrocínio de uma farmácia e não de uma sorveteria, order tamanha a quantidade de remédios para ressaca que foram necessários.

Programa de hoje com o DREAMTEAM skype, Fane Webber, Gabriel Pinto e Rodrigo Azevedo. Fazendo reflexões e perdendo o foco sobre o assunto da semana, Grenal.

Por isso, em homenagem a esses bravos guerreiros que resolveram falar sobre esse jogo, você deve ouvir e passar para seus amigos.

 

Escuta aí e espalha a palavra do Mesa de Bar do Grêmio!!

—-

Se quiser, faça o download do programa clicando aqui com o botão direito e escolhendo salvar como.

 

 

Participe da discussão

72 comentários

  1. Sonho ainda que alguma direção acabe com esse estado de letargia, medo, covardia que se apossou dainstituição GFBPA.

    Primeira atitude é cortar relações com a FGF e com esse novelhaco. Outra é colocar este tal de Seabra do MP no seu devido lugar. Mas ainda deve estar para nascer um dirigente ou uma direção que nao tenha medo e submissão contra essas coisas.

  2. GOL DO FORTALEZA!!!! Tinga faz lançamento despretensioso para o campo de ataque e o zagueiro Leandro Almeida falha feio. Wanderson pega sobra, bate no alto e abre o placar.

    Bem que Matías Rodrigues poderia fazer um lançamento despretensioso…

  3. O fato do centroavante Luís Felipe comprova uma coisa. Os dirigentes prometem que os jogadores vão receber oportunidades e vão jogar.

    Está nítida a manipulação entre os empresários e dirigentes.

    Esqueceram de combinar com o técnico.

    Amadorismo total dos dirigentes e do jogador.

    Então, joga fora um salário melhor para trabalhar atrás do balcão??

    Cara, se fosse um fenômeno, o clube teria que fazer todo o esforço. Mas é o Luís Felipe, um jogador que precisa amadurecer.

    Tem que levar na cabeça. O Clube teria que ingressar na Justiça e cobrar a quebra de contrato dele e do empresário.

    1. Essa súbita desistência do Luis felipe da carreira está me cheirando migue. Como ele tem contrato até 2017, o empresário dele deve querendo que o grêmio de o passe de mão beijada (como ele está abanando a carreira) para ele ir de graça e acertar com outro clube.

      1. Evidente, ele é um jogador jovem. Mas dois anos passam rápido. Daqui a dois anos ele terá 21 anos.

        Mas o clube pode denunciar o contrato a FIFA e comunicar que o empresário tem responsabilidade na atitude do atleta.

  4. To levando medo. Eles estão com aquele c@ de ligados. A bola bate nao entra. O cara entra e primeiro toque é gol.

    O pai de santo deles é forte.

  5. Se o Inter levar essa Libertadores, nada mais será do que bem-feito, infelizmente. Não pra torcida, claro, que nunca parou de apoiar nesse tempo todo.
    Porém há 15 anos eles não eram absolutamente nada, nem no RS, nem na América. Não eram menores, mas muito menores que a gente. Conseguimos nos embananar tão feio (ou tão bonito, visto que fizemos isso de uma maneira incrivelmente eficaz), que o mundo deu um giro de 180° e de ponta-cabeça, e eles nos ultrapassaram avassaladoramente. Estamos prostrados de joelhos no chão, há muito dizendo que vamos nos levantar e nada.
    Como um clube tão vencedor e tão superior a outro passa a ser tão inferior em questão de década? Só mesmo com uma competência tremenda em ser incompetente. Temos mais é que nos meter com nossos assuntos, pois temos ainda muito trabalho a fazer.

  6. Alguém conhece o Luis Felippe da base do Grêmio ??? Virou reportagem de capa de Clicrbs porque quis ir embora do Grêmio.

    Imprensa também é f…

  7. Eu vi o Luis Felippe jogar a Copa São Paulo. É um centroavante que pode ter futuro se trabalhar bem os fundamentos.

    É um centroavante brigador com dificuldades com a bola no pé. Tem um ótimo cabeceio. Incomoda bastante os zagueiros, porque é centroavante trombador.

    O problema não é largar de mão, mas o investimento que o clube ou o investidor fez. E simplesmente o atleta resolve sair sem dar satisfação.

    Como eu disse, o clube tem que comunicar a FIFA para punir o atleta.

    Outra situação curiosa é a promessa dos dirigentes de que seria aproveitado no grupo de profissionais.

    Quando o jogador da base estiver em ótimo momento, pode subir o garoto caso o grupo de profissionais carece de qualidade no setor. Como seria os casos do Júnior e do Raul.

  8. concordo que faltam chances pra gurizada, mas isso não é motivo pro Luis Felipe querer sair do clube. O Grêmio deve agir com firmeza e deixar o cara na geladeira pra aprender. Se mesmo assim continuar perturbando que fique até 2017 encostado e vai acabar com sua carreira.
    Jogador é profissional, tem que saber a sua hora. Cabe a nós cobrarmos das direções que mudem a postura de investimento na base. Nessa aí temos culpa, o apoio incondicional deixou o Grêmio em estado de hibernação, falta uma pressão por resultados da torcida, falta a vaia forte em treinador e jogador fracos e também um ‘sangue nos olhos” da direção pra querer mudar.

    Coisa que vi ontem no time do inter, candidato sério aos títulos do Brasileiro e Libertadores. Há muito tempo que falo que eles podem até ter anos ruins, mas são constantes no propósito. É bem a clara a política de formar e contratar jovens revelações, dar espaço pra crescerem e depois revenderem por milhões. Assim conseguem sempre investir nos melhores. Podem ter anos sem resultados, mas sempre disputam entre os candidatos.
    Passou da hora do Grêmio definir uma política voltada pro futebol moderno. Estamos trabalhando com conceitos dos anos 90 ainda, de contratar refugos, jogadores experientes, pesados e decadentes e fechar os espaços pros guris e pra velocidade.
    Segue o pensamento mágico de encontrar aquele time de 95 de novo.

  9. Hoje no treino, o titulares perdiam por 2 a 0. O técnico teve que reforçar o time titular para poder mudar o placar.

    Um dos gols dos reservas foi marcado por Júnior após receber passe de Lincoln. Enquanto isso, o time fica com o Douglas.

    Luís Felipe não é mais o mesmo. Nem time ruim ele consegue fazer jogar.

    Em outros tempos, os times de Luís Felipe tinham alma. E se entregavam em campo. Hoje, vimos aquele marasmo em campo.

    Assisti um pouco de Guarani e Corinthians. O time do Guarani não é bom, mas tem alma. Se entregou dentro de campo e conseguiu o resultado na força e na transpiração aliada a qualidade de alguns jogadores.

    A faixa diz uma verdade. Alguns jogadores do Grêmio são vagabundos.

    1. Realmente, a instituição GFBPA se tornou letárgica, acomodada. Se ganhar, ganhou. Se perder, perdeu. E assim vamos há quase 15 anos. O bolo de debutante está quase pronto.
      Aqui jogadores saem de graça, por falta de recolhimento do fgts, por falta de pagamento de salários e etc. Aqui jogadores fazem biquinho, choramingam e o clube abre as pernas. A estrutura administrativa é caótica, não se consegue com que nenhuma administração reestruture o clube, entram e saem e a coisa não muda. O Grêmio parou no tempo, pois ainda acha que se administra como nos anos 90.

      1. E tem mais qualquer um chuta a bunda da instituição, faz o que bem entende, fala o que quer e não tem nenhuma voz para contrapor quem seja para nos defender. É BM, Bombeiros, FGF, IVI, MP, a mãe do badanha deitam falação e ordens e o Grêmio põe o rabo no meio das pernas como guri cagado. O porque desse acovardamento? não sei.

        1. Concordo. Está faltando alguém que ponha cada instituição no seu devido lugar.

          O Grêmio não vence título no regional. Qualquer um perde respeito.

          Desde a história das ovelhinhas, o clube perdeu o respeito.

          Tínhamos um Presidente omisso e ultrapassado que deixou fazerem o que quiser com o clube numa fase decisiva.

          Tiveram sua privacidade violada por jornalistas antiéticos e nada fizeram.

  10. Isso tudo que está acontecendo no Grêmio, não acontece de graça. Imaginem uma empresa qualquer com uma década de “azar” nos seus negócios. Inevitavelmente entraria em falência. Mesmo descontando os fatores externos que volta e meia aparecem e que se sobrepõem a vontade dos dirigentes, fica evidente que o Grêmio vem atravessando uma séria crise de gestão. O cenário atual é o retrato de uma visível e preocupante involução, que tem causado perplexidade não só aos gremistas, mas, a todos que acompanham o dia-a-dia do futebol. Não se pode creditar ao acaso esta preocupante situação. As causas desse descontrole são conhecidas e cabe aos seus mentores encontrar uma maneira de reverter os seus efeitos, se é que tem essa preocupação. Não fosse o apoio incondicional do torcedor, inevitavelmente, já teríamos fechado as portas. Parece que os nossos dirigentes lá estão somente para fomentar crises em prejuízo da imagem do clube. Ações, no mínimo questionáveis, evidenciam a “pouca prática”, o despreparo e até o desconhecimento do “métier”, ao mesmo tempo em que se revestem da arrogância característica dos que acham que está tudo bem e que as críticas não passam de intrigas da oposição. “Palavras ao vento são tiros sem bala”, já dizia, sabiamente, o Pe. Vieira. Muita promessa e pouca ação dá no que dá. Consequentemente, a “desgraça” vem à galope, alastra-se pelos diversos setores do clube e deságua no futebol que é a “Geni” de toda essa história. Haja, coração!

  11. hahaha, o galhardo está treinando com os titulares!

    voa daqui, raul, e de uma vez!

    viva o bruxismo! viva o aproveitamento da base! viva o diretor remunerado! viva os 14 anos na fila! viva o técnico que não pode ser criticado!

  12. Se não fosse a grandeza monstruosa do Grêmio todas essas aberrações administrativas já nos teria transformado num Guarani de Campinas, Portuguesa, Botafogo, clubes que beiram a falência.

  13. Felipão não deve ter visto Barça x Bayern e Galo x inter ontem.
    Se assistisse esses jogos provavelmente não conseguiria acompanhar a sua velocidade.
    Se continua treinando com o mesmo time que não fez nada em dois gre-nais e ainda por cima com o “reforço” do Galhardo é porque não entendeu nada do que aconteceu.
    Pobre Grêmio!

  14. Vejam só o São Paulo. Um clube de tradição na América. Faz uma primeira fase sofrível, mas cresce assustadoramente no mata-mata. Teria esmagado um acuado Atlético-MG em 2013 se não fosse a expulsão do Lúcio, que desandou o ótimo jogo que o São Paulo fazia.
    A camisa pesa. A nossa não mais. Quando isso acontece, tem algo errado. Vi outros times ganharem títulos absolutamente só na camisa, com elencos até piores que os nossos. A última vez que vi nossa camisa pesar foi naquela Libertadores surreal de 2007. Irônico, porque desde lá tivemos times melhores que nunca nem conseguiram passar das oitavas. Ou mesmo chegar numa final em qualquer outra competição. Vejam só, o time do Silas nos representou com mais dignidade no estadual e na Copa do Brasil do que os mais recentes.
    Não temos mais essa identidade de copeiro dos pampas. O torcedor torce por um título de copas, fala que a Copa do Brasil é a nossa competição, mas nós não somos mais esses copeiros, temos que nos reinventar, talvez até com nova identidade. Somos líderes no ranking de pontos corridos da CBF. Ainda assim, não ganhamos um título do Brasileiro.
    Adoro a fama e a identidade de copeiro, mas estamos precisando mais desesperadamente renascer do que voltar às origens. Por isso qualquer título sem ser estadual me serve, nem precisa ser uma copa.
    A zica é tamanha que às vezes acho que o ex-dentuço e seu irmão materialmente desapegado nos rogaram uma praga quando saíram, hahaha.

  15. a praga E que nossos ABNEGADOS DIRIGENTES ” HAAAAAAAAAAAAAAAA ” sao INCOMPETENTES . mas BONS em APARECER na MIDEA ivi , urubulina , ( como dizia o ANTONIO AUGUSTO ne ) .

  16. O jurídico do Grêmio é tão ridículo que aponta uma suposta falha ou brecha no contrato do Kléber que teria determinado a sua liberação. E, ainda, tem a cara de pau de dizer que deve ter sido imposição do jogador na época.

    Ora, as cláusulas são para serem cumpridas seja quem estiver na administração.

    A falha foi da atual gestão ou do departamento jurídico atual que não leu o contrato ou não previu que o descumprimento do Grêmio acarretaria numa ação trabalhista.

    Beira o ridículo tais argumentos!! Por isso, o clube precisou contratar advogados de outros clubes para fazer defesa no STJD.

    Está na hora de acabar com ações entre amigos e colocar profissionais competentes e especializados para defender os interesses do clube.

    O Grêmio que tem história de ser representados por bons advogados. O jurídico nos pregou muitas peças, condenou o clube antes de um julgamento.

    Aí o cara vem ao público dizer que foi uma brecha no contrato que não protegia o clube. Uma atitude totalmente antiética, porque quem descumpriu foi a atual gestão. Quem errou na interpretação foi o atual departamento jurídico.

    Esse tem sido o problema do Grêmio. Quem assume não pensa em administrar o clube. Pensa em criticar quem esteve no poder. Pensa apenas em ficar fazendo críticas a gestões anteriores.

    Todo mundo está careca de saber que os direitos de imagens possuem natureza civil que se reveste como acessório ao contrato de trabalho na CTPS, portanto, possui a mesma natureza salarial.

    Os tribunais possuem esse entendimento. O Grêmio está muito mal defendido. por essa direção. Uma vergonha!!

    Os caras não conseguem olhar para o presente, nem parao futuro. Só olham para trás par ver os erros dos outros.

  17. Eu acho que o Grêmio estava torcendo para o jogador entrar logo na justiça. Agora acabou as discussões. O jogador não joga mais pelo Grêmio e o Grêmio não paga mais seu salário. Pronto, cumpra-se depois o q

  18. Eu acho que o Grêmio estava torcendo para o jogador entrar logo na justiça. Agora acabaram as discussões. O jogador não joga mais pelo Grêmio e o Grêmio não paga mais seu salário. Pronto, cumpra-se depois o que a justiça em última instância determinar, ou que se faça um acordo bom para ambas as partes. Tudo o que puder ser empurrado pra frente será feito pela direção, porque hoje o Grêmio não tem condições de pagar mais nada. E dane-se o mundo.

  19. Até quando o Sr. Romildo “Lero” Bolzan vai bancar o lacaio do ex-presidente Fábio Koff e manter a estrutura de clube, dep. de futebol e comissão técnica já fracassada com seu antecessor e que está colocando em contradição a politica de austeridade e o aproveitamento das categorias de base?

    Olhe os prejuízos que estão sendo causados pelo ego do Sr Scolarissauro em sua rixa com Kléber? Jogador esse que por pior que seja não é inferior a Braian Rodriguez? O Grêmio está torrando dinheiro com esse jogador apenas pra culpar a gestão Odone? É isso?

    Scolarissaruro hoje é um estorvo a qualquer projeto de futebol que se preze pois é um treinador boçalizado, envaidecido, enfarado e que não tem a mínima paciência com os garotos da base do Grêmio que vem sendo FRITADOS pelo mesmo em detrimento a verdadeiras medíocridades indicados por esse futuro treinador de clube chinês… Vá treinar na China Felipão!!! Vá ensinar chinês a jogar bola! E leve suas indicações com o senhor!

    Até quando a torcida do Grêmio ainda vai acreditar nesse treinador medalhão caro e prepotente? E que se acha acima do clube e de todos em suas entrevistas dando lições de moral de cuecas com seu projeto de futebol ultrapassado e perdedor em detrimento a revelações da base que vem sendo dilapidadas por esse senhor desde o inicio do campeonato onde seus bruxos indicados não davam conta do recado e a culpa recaia na gurizada pois o problema não foram os garotos que tiveram atuações menos piores no comparativo que os experientes, mas sim, o problema foi de fato MESCLAR GAROTOS COM OS JOGADORES MEDÍOCRES INDICADOS PELO FELIPÃO.

    Aí tiraram os meninos do time e deixaram os medíocres com os outros mais experientes que chegaram sendo que o único que aprovou foi o Maicon que deu experiência e toque de bola ao meio, o que coincidiu com o retorno de Giuliano que voltou de lesão e deu mais qualidade a equipe.

    Felipão mandou todos os velocistas embora, nunca gostou de Alan Ruiz que nos deu nossa última alegria em cima deles, queimou Fernandinho que quase não atuou no clube, barrou Gladiador num time SEM ATAQUE, preteriu Wallace, Júnior, Raul, Lincoln, Lucas Coelho, Pedro Rocha, Éverton, entre outros me favor de nabas como Douglas, Matias Diarreia Rodriguez (filhote do perdedor imortal remunerado Rui Costa), M. Oliveira, etc.

    Tem jogador saindo do Grêmio ganhando milhões graças ao Felipon, jogador da base abandonando o clube, outros sem querer renovar, lateral melhor da Copa SP sendo ofendido e chamado de mocinha… é o caos instalado no futebol e onde anda o Sr Romildo Obino Bolzan? No mundo da Lua? No mundo de Bob? E onde anda o Pacheco que nunca foi primeiro dirigente no futebol e sempre ganhou como coadjuvante e fica cantando de galo com currículo vitorioso?

    O Grêmio está uma vergonha, perde, perde, perde e parece que está tudo bem! Será que tem algum dirigente com sangue nas veias nesse clube?

  20. Nossa Felipe Neri, que saraivada. Eu não sou muito fâ do Fabio Koff, mas chamar o homem de lacaio, acho um pouco forte. O Presidente vem fazendo um bom trabalho, e acho que ele está agindo pela cabeça dele e do Conselho de Administração. O Dr. Fabio já estava totalmente afastado mesmo antes do Romildo assumir, no final do ano. Mas a tua revolta tem procedência e tens todo o direito de esbravejar, principalmente contra o treinador. Se ele tivesse feito apenas uma modificação na escalação do Grenal, escalando o Walace no lugar do Felipe Bastos a história teria sido diferente.

  21. Marcelo afirmei que o presidente Bolzan está agindo feito lacaio da gestão passada que foi presidida pelo ex presidente Koff, e não chamando Koff disso pois esse nunca foi lacaio de ninguém mas sim uma liderança natural que mesmo tendo tido uma gestão passada péssima ainda é o presidente mais vitorioso da história do Grêmio.

    O problema é o entorno politico que veio no embalo do nome Koff e o usou pois hoje vemos que as condições de saúde do presidente eram delicadas mesmo como se suspeitava pois ninguém desaprende de futebol e Fábio Koff até hoje é o dirigente que mais entende de futebol que vi. Que olhe possa se recuperar e quem sabe anda ver o seu Grêmio campeão mais uma vez.

    Agora o atual presidente tem de ter personalidade própria e mudar essa herança da turma do Obino antes que seja tarde. Do jeito que está o dep. de futebol, continuamos estruturados pra perder, com Pacheco, Rui Costa e Felipão e sua comissão técnica que parece odiar jogadores técnicos e refinados, assim como os velozes desde o massacre alemão do Mineirão, talvez porque Felipão enxergue ali seus fantasmas… é um treinador traumatizado que não se deu tempo para elaborar a sua parte naquela trágica partida e que está descontando seus recalques nos meninos da base, em jogadores menos disciplinados taticamente e em quem ousar imprimir velocidade… é a antítese do futebol moderno.

  22. Quero acreditar que Bolzan esteja engessado pela herança do entorno politico da gestão passada porque se o que estamos vendo é fruto de suas convicções então está mais perdido que cego em tiroteio… e aí 2015 já era…

  23. Certo é que o conformismo que se vê com o FRACASSO no clube e a insistência BURRA na ideologia messiânica do salvador (agora encarnado pelo Sr Scolari) são de desanimar e tirar as esperanças de toda e qualquer reação do clube a curto, médio e longo prazo.

  24. Hahaha, agora o Kléber não só quer o dinheiro do contrato, mas quer 17,5 milhões a mais por danos morais porque treinou separado e, segundo ele, “sozinho”. É mole? Queria processar uma empresa assim quando me colocasse pra trabalhar só num cubículo.

  25. Não dá para o Grêmio entrar com uma ação de danos morais contra o Kleber, por tudo que ele deixou de fazer e pelo prejuizo que ele causou ao Grêmio.

    O Felipe Neri tem razão na questão do lacaio . Depois que eu escrevi é que constatei que estava errada a minha leitura, mas aí já era tarde.

  26. Essa do Kléber é a cereja do bolo de todas as administrações passadas e presente e dos grupelhos políticos que se matam por cargo e destroem o clube.
    Passa por Odone, depois Koff e agora Bolzan.
    Todos erraram nessa história, não tem mocinho, só vilão.
    Erraram na assinatura do contrato, como Duda já havia errado com Jonas e também perdemos patrimônio.
    Erraram na condução do contrato, afastando jogador que de fato poderia estar atuando.
    Erraram no entendimento do contrato que haviam assinado! Essa é demais, mais uma do jurídico que só toma paulada nos últimos anos! No caso Aranha a atuação do jurídico já havia sido ridícula, infantil, agora eles atacam de novo.

    Não duvido que recebam um aumento, afinal no Grêmio se valoriza a incompetência, vide a longevidade nos cargos do Rui Costa e do Márcio Bolzoni, o craque nas más avaliações de jogadores machucados.
    É impressionante o que acontece no Grêmio, é um case de má gestão! É um dos poucos clubes que consegue perder vínculo de jogador na justiça.
    O Santos estava em crise pior no início do ano e mesmo assim não perdeu vínculo do Arouca e Aranha, que entraram na justiça. Também segurou o Lucas Lima, mesmo com meses de atraso de salário. Fosse no Grêmio todos eles teriam conseguido se liberar.

  27. o resultado de tudo isso estamos vendo nos números do balanço, aumento da dívida em 200 milhões no período da gestão Koff. Claro que não é só culpa dele, recebeu a herança do contrato da Arena e do Kléber, duas bombas. Mesmo assim, não soube em momento algum potencializar o negócio Arena, reduziu o quadro social e investiu mal o dinheiro do clube com o festival de gastança em jogadores decadentes.
    O Grêmio era um clube relativamente equacionado em 2012, com 180 milhões de dívidas, uma das menores entre os grandes clubes, e agora tem 380 milhões em dívidas!

  28. o Grêmio agoniza como clube e como ideia de futebol. Um dado simples mostra como o principal item do futebol vem sendo negligenciado nos últimos anos, o gol.
    Em 2014 tivemos a pior média de gols do Grêmio na história do Brasileiro, 0,95 gols/jogo. Em 2013, com o retrancão do Renato, ela já havia batido recorde, com 1,11 gols/jogo, mas Felipão conseguiu superá-lo.
    Agora em 2015 tivemos a pior média de gols no gauchão (de 2009 a 2015 que levantei). Conseguiu fazer menos que o mistão pavoroso do Luxa de 2013, 1,25 gols/jogo. Média que já foi 2,14 com Jonas em 2010.
    Na Libertadores 2014 média de 1,13 gols/jogo.

    Claramente o problema tá na formação de ataques e um esquema que privilegie o jogo e não só a marcação. O Grêmio precisa voltar a jogar futebol, a acreditar que pode ser agressivo atacando.

  29. Enquanto os dirigentes não forem responsabilizados diretamente com seu patrimônio, veremos contratos desse tipo e descumprimento dos contratos.

  30. essa do cebolla foi pra matar. que somos amadores é fato, mas o azar também tá grande. pqp.

    e o rui costa vai ficar até quando, hein? só por que ele é dono do jurídico do clube? lá isso é motivo pra manter um fracassado caro e incompetente?

    e domingo vamos de galhardo, porque o raul é mocinha! sabem o que é engraçado? o inter gastou os tubos em contratações e o Gremio “investiu” na base. resultado? eles revelaram ou afirmaram dourado, alan costa e valdivia. nós? ninguém, e ainda queimamos raul, junior e luan. é mole ou quer mais?

    viva o Grêmio! viva o diretor muito bem remunerado e perdedor! viva o planejamento! viva a base! viva o goró do douglas! viva os blogueiros com medo de atacar a direção porque senão não irão mais de graça da arena! viva todo mundo!

  31. É impressionante como o Grêmio consegue se afundar.
    Não podemos ler um meio de comunicação tudo está ruim para o nosso lado.

    Não temos continuidade de coisas boas… o que está bom hoje, amanhã não é mais notícia e outras tantas negativas entram com um furacão.

    Por que as coisas não acontecem para nós, onde está o erro, quem pode mudar tudo isso.

    Não temos semanas positivas em sequencia. Se uma for boa, AS seguintes serão ruins. Nada é constante para nós.

    A cada uma coisa boa que surge, 10 ruins aparecem..

    E assim vivemos essa vida de gremista.

  32. no primeiro obstáculo que surge o Grêmio desiste do único jogador diferenciado do seu grupo, vai embora o Cebolla.
    Era um jogador pra ser símbolo do Grêmio, pra investir com todas as forças, pois, se não pode jogar até agora certamente vai acrescentar quando estiver apto. Mas não, vão desistir dele pra trazer 6 nabas “experientes”, “jogadores de confiança do treinador” que no somatório custarão mais que o Cebolla.

    Tem que largar de mão, cada vez mais o Grêmio vira uma piada, é uma paulada atrás de outra que a gente recebe dos abnegados!

    Vai embora o Cebolla mas fica no clube o médico abnegado que só faz cagada. Fica também o diretor remunerado que não bate nenhuma meta! Incrível!!!

  33. Não existe jogador caro, o que existe é jogador ruim. O D’Alessandro ganha salário de jogador europeu e ninguém reclama. Um milhão para um grande goleador é pouco e 150.000 para o Douglas é muito. O Kleber, em tese, foi uma grande contratação. Alavancou sócios, mobilizou a torcida, começou bem, mas aquele jogo em Novo Hamburgo, em que o zagueiro acertou o tornozelo dele e o juiz nem deu falta, acabou com a carreira dele e o prejuizo ficou com o Grêmio. O resto, todos nós sabemos, merda em cima de merda. A bomba sempre estoura no colo de alguém. Com relação ao pedido de indenização por danos morais, o papel aceita tudo e na justiça do trabalho os reclamantes costumam pedir tudo, até mesmo o que não tem direito, para dar o primeiro choque no empregador, e depois levam menos da metade e ficam satisfeitos.

  34. promovam a zueira de uma vez e contratem o boxeador Clemer pro lugar do Felipão.
    Pelo menos é alguém que tem paciência com a base e seria uma economia de salário, já que só isso importa no Grêmio.

  35. Os médicos do Grêmio prejudicam o clube. Ano passado, Giuliano poderia ter feito cirurgia no púbis e estar apto para a pré-temporada. Eles postergaram até o fim. O Grêmio ficou sem o jogador no início do Gauchão.

    Mario Fernandes teve luxação. Eles postergaram a cirurgia até ele ter outra, o que levou a fazer cirurgia num momento em que o time precisava.

    Caso do zagueiro Gabriel. Jogador teve lesão no joelho. E por onde ele anda??

    Dá para fazer um relatório de todos os erros que o departamento médico cometeu.

    O Émerson foi vendido porque o médico disse que a carreira dele era curta por ter uma perna mais curta.

    Mas a confraria dos amigos mantém um departamento médico para seus amigos.

  36. http://www.gremiolibertador.com/nao-e-culpa-do-cebolla/?utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter

    tá aí o que eu penso!

    Levantamento rápido das contratações do Rui Costa (33 no total):
    2013:
    Dida, Bressan, Gabriel, Rhodolfo, Moisés, Telles, Ramiro, Wendell, Riveros, Adriano, Deretti, Maxi, VargasBarcos, André Santos, Willian José, Cris, Welliton
    2014:
    Edinho, Paulinho, Geromel, Matias, Bastos, Alan Ruiz, Giuliano, Rodriguinho, Dudu, Fernandinho
    2015:
    Erazo, Galhardo, M. Oliveira Douglas, Braian, Maicon, Cebolla, Grassi

    Desses somente 13 permanecem no Grêmio (39%). Somente 3 deles (9%) foram vendidos (Telles, Wendell e Barcos), sendo que o Barcos praticamente saiu no zero a zero e não lucramos com a venda.
    E, pra mim, somente 6 (18%) do total foram grandes contratações: Vargas (empréstimo), Rhodolfo, Geromel (empréstimo), Giuliano, Maicon (empréstimo) e Cebolla (empréstimo).

    Mas o pior de tudo é a quantidade de jogadores com vínculo no Grêmio ainda e com valor de mercado de possível venda: Rhodolfo e Giuliano (6% do total de contratados!)

    Esses números justificam 3 temporadas e o alto salário pro Rui Costa?

  37. Cristiano,

    põe na lista também:
    – lateral Julio Cesar, lesão no gre-nal, ficaria 3 semanas fora para tratar. Erraram diagnóstico, teve que fazer cirurgia depois das 3 semanas, ficou 4 meses fora.

    Fora os casos Sorondo e Fábio Aurélio, que alguém do dep. médico deve ter dado o aval positivo para contratação.
    Se o dep. médico não se manifestou nessas contratações a situação é ainda pior.

  38. segundo falam, na quinta feira antes do grenal o luan fez um festão na casa dele, com direito a presença nada ilustre do índio…

    muita coisa se explica…

  39. Incompetência no dep. de futebol. Incompetência no dep. jurídico. Incompetência no dep. médico. Incompetência na comissão técnica. E o que faz a respeito o sr. Bolzan? Nada. Mantém tudo como está. Pra mim, ou age urgentemente ou é o maior incompetente de todos!!! Cada vez mais difícil acreditar que um politico saiba administrar algo… é só lábia e, claro, relações de apadrinhamentos… os amigos do rei. Tudo agarradinho no poder. O Grêmio que se exploda. A torcida que se dane! Mas continue pagando parte das contas…

    O Grêmio é o time do quanto mais incompetente melhor. Só falta darem aumento por incompetência pra completar esse quadro trágico de inaptidão. Competência pra quê? Basta ser amigo ou da turma do Rei. O Grêmio vem sendo gerido pelos bobos da corte…

    Ou então, os bobos da corte somos nós…

  40. Felipão toma 7 x 1 e o que o Grêmio faz?

    Contrata logo em seguida, premiando o seu momento de maior incompetência. Quanto mais incompetente melhor.

    O Grêmio é um dos maiores “Cases” de má gestão e mau aproveitamento do seu potencial e de dua torcida no mundo atualmente, já é possível escrever livros e mais livros, bíblias talvez, sobre tudo o que NÃO deve ser feito em gestão de futebol.

    “As Crônicas do Fracasso: A bola não entra no nosso gol por acaso”, coletânea de artigos Obino (org.), colaboradores, Odone, Duda, Meira, Rui Costa, Roth, Vicente Martins, etc, e prefácio de Felipão 7×1. artigo em fase elaboração: Bolzan “A arte de chegar a presidência pela oratória ao invés de vitórias”.

    O time da piada pronta.

  41. É dificel no futebol encontrar um jogador com o caráter do Cebolla. Pediu rescisão para não prejudicar mais o Grêmio e espera um dia retornar.

    Quanto ao Munhõz que o Grêmio está tentando contratar, parece ser um bom jogador. Pelo menos tem um curriculo melhor que o Braian. Não dá para contratar atacante que faz cinco ou seis gols numa temporada.

  42. OUTRA TOTAL INCOMPETENCIA e este = DEP. MEDICO do GREMIO . PQ NAOOOOOO DEMITEM TODOS ???????????????? E O RUIM costa TBM ????? ACORDA BOLZAN , TA NA HORA ! CADE O odone PRA PAGAR o kleber AGORA ? QUANDO O GREMIO TERA 1 ” MECIAS ” PROFISSIONAL e RESPONSAVEL la DENTRO DA ARENA ?

  43. O Targa tem razão: “O Grêmio precisa voltar a jogar futebol”. Para tanto, está faltando comando! É que confundem comando com prestação de serviço, abnegação, etc. O Grêmio tem que se reinventar. Acabou a era dos grandes administradores. Hoje, ficamos com a “rapa do Tacho” e o resultado é isso que está aí. Vou na Arena amanhã. Vou pelo Grêmio, somente. Não confundir a instituição centenária e vitoriosa com a sua representação atual, medíocre e perdedora. Não vou atirar a toalha, mas, não vou levar livre esse pessoal que já demonstrou que não é do ramo. Larguem o osso, antes que seja tarde!!!
    O que está acontecendo com o clube, são os primeiros sintomas e a acrônica de uma morte anunciada”. E não foi por falta de aviso!!!.

  44. Grêmio negocia com Carlos Munhoz (oi? quem?)….mais um bacamarte que habla espanhol????

    Detalhe do mucha lucha tem 1,73cm.

    O único centroavante nanico que deu certo foi Romário.

  45. Acho que o Calors Munoz tem características de atacante. Não é bem um atacante. E a média de gols dele não é ruim. Ao menos, a média dele é superior ao do Brian.

    Um excelente atacante possui uma média entre 0,7 a 0,9 gols por partida. Um atacante razoavelmente bom possui uma média entre 0,5 a 0,6 gols por partida.

    Carlos chegou a ter uma médica de gols de 0,5 gols.

    Os últimos atacantes que o Grêmio trouxe tinham uma média de gols entre 0,2 a 0,3 gols por partida.

  46. Eu queria o Felipão no Grêmio. Aquele Felipão dos anos 90.

    O atual mostra-se um técnico medroso, teimoso, rancoroso e com baixa autoestima.

    O Felipão dos anos 90, conseguia fazer frente aos adversários mais qualificados. Conseguia reverter resultados. Conseguia apostar nos jovens jogadores. Tinha comando no vestiário. Tinha liderança. Conseguia tirar leite de pedra.

    O atual Felipão não consegue mais tirar leite de pedra. Não consegue mais armar um time ajeitado com forte marcação. Não consegue montar uma equipe com força aérea. O Felipão atual tem muitas dificuldades.

  47. O que ganhou tudo tinha como auxiliar técnico o Zeca Rodrigues.

    O Felipão dos anos 90 conseguia fazer jogar o Zé Afonso.

  48. Darcílio, essa questão de “jogar” o jogo se reflete no comportamento da torcida. Como ficou difícil de ter prazer em ver o Grêmio jogar de 2012 pra cá. Cada vez mais o que reina é a ideia de não jogar, de armar o time com o máximo de marcadores, botar um meio e ataque lentos, que tranquem o jogo.
    Com Renato, depois Enderson e agora Felipão, a média de gols cai a cada ano e só reduz a vontade de ir nos jogos.
    Por traz dos treinadores medalhões, como Renato e Felipão, se forma a cultura de que o Grêmio só pode jogar se for com “garra” e muita marcação. Uma geração inteira se forma nesses conceitos e cobra jogadores pegadores.
    Os símbolos disso ganham espaço. Pará servia e enganou muita gente pois tinha “raça”. Ramiro é referência pois corre muito e se dedica.

    Eu não sei vocês, mas quero jogador de futebol no Grêmio, não gladiador, guerreiro imortal, Ramiro pequeno guerreiro.
    Quero goleador, coisa que não temos desde o Jonas, que a torcida odiava! Aqui era cheio de pegador de pé do Jonas. Hoje pegam no pé do Luan, querem mais um pegador no time…

  49. Assisti o jogo Atlético-MG e Inter.

    O Rafael Carioca foi um monstro. Que volante o Grêmio formou!! Se ofereceu para retornar e a atual gestão não fez um único esforço.

    O aproveitamento da base é conversa para boi dormir.

    O volante Kaio joga muita bola. Foi um dos destaques do Grêmio na Copa São Paulo.

    Volante moderno que levou o time nas costas na marcação.

  50. aproveitamento da base é conversa pra boi dormir. Agora querem trazer o Helder do Juventude pra direita. O Grêmio tinha o Tinga e tem o Raul, que são no mínimo do mesmo nível. Mas só vinga quem vem de fora.
    Já trouxeram Matias, Moisés e Galhardo em menos de um ano e jamais tentaram alguém da base…

  51. Presidente Romildo rasgou elogios ao atacante Gustavo Lorenzetti.

    Realmente, o Grêmio está cercado de dirigentes que não entendem de futebol.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.