A-Arena-do-Grêmio-em-POA-3

O Grêmio recebe o Glória de Vacaria em casa, viagra ótima oportunidade para provar para a torcida que a equipe não está a passeio e que o mau momento está no fim.

Roger chama esse momento de período de instabilidade e mostra-se consciente que a equipe está com dificuldade.

A arbitragem está na mão Jean Pierre Lima, stomach auxiliado por Max Augusto Guimarães Vioni e Fabrício Lima Baseggio.

Uma ótima opção de pré-jogo é ouvir os drops feitos depois do jogo contra o Toluca(Edição 1), case Novo Hamburgo (Edição 2) e São Paulo de Rio Grande (Edição 3).

 

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO GAÚCHO

GRÊMIO x GLÓRIA-VA

Data-Hora: 27-02-16 – 17h
Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Jean Pierre Lima (RS)
Assistentes: Max Augusto Guimarães Vioni (RS) e Fabrício Lima Baseggio (RS)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Wallace Oliveira, Geromel, Kadu e Marcelo Oliveira; Maicon, Kaio, Giuliano, Douglas e Everton; Luan. Técnico: Roger Machado

GLÓRIA-VA: Rafael (Simão); Jhon Lennon, Danilo, Alisson e Márcio Goiano; Pedro Victor (Elyeser), Luanderson, Eder e Cleiton; Cleverson (Leandro) e Baré. Técnico: Rodrigo Bandeira

 

Participe da discussão

8 comentários

  1. Roger repete o time da Libertadores, com Kaio de volante. Mais uma chance a Douglas, afinal é o craque incompreendido, merece todas as chances e sequência.
    Mais um jogo pra vaiar o Luan perna de pau e soneca, além do Everton ciscador.
    Mais um jogo pra deixar o Lincoln no banco, afinal não está pronto.
    Mais um jogo pra colocar o Fernandinho e o Bobô no 2º tempo e seguir nas mesmas soluções consolidadas.
    Mais um jogo pra arquivar Pedro Rocha e Tontini, afinal gauchão não é lugar para fazer testes para os grandes jogos que virão e o time está rendendo tanto que não é preciso fazer testes.
    Mais um jogo pra postar algumas ironias do Grêmio.

  2. Resultado saiu melhor do que a encomenda. Mais uma atuação de altos e baixos, inconstante e vacilante. A defesa segue um problema e desta vez não foi pela bola área. Maicon estava nervosinho demais para um capitão.

    O Grêmio deste ano não tem a mesma intensidade e é frouxo demais na marcação em alguns momentos na partida, é um time que relaxa muito e cede generosos espaços ao adversário . Wallace tem feito falta, embora o menino Kaio esteja se saindo muito bem, o volante fica sobrecarregado pois temos muitos jogadores sem combatividade ou característica de marcação e isso também estoura na defesa. Tenho gostado do Fred. Mas insisto que a precisamos um zagueiro de imposição na bola alta.

    A lateral esquerda segue um drama, M. Oliveira é improdutivo no apoio e todo jogo leva bola nas costas. Já Wallace Oliveira hoje teve boa atuação no apoio, fez boas passagens e cruzamentos, levando perigo e deu uma assistência para o gol de Luan, só que na defesa deixa a desejar, dá muito espaço.

    Grohe se recuperou da última atuação. Luan e Éverton foram bem. Douglas esteve bem tecnicamente, ainda que lento e pouco participativo na recomposição e Henrique Almeida finalmente estreou com um bonito gol .

    Mas o que preocupa é a instabilidade do time, a indolência natural com que joga em certos momentos, mostrando acomodação e desconcentração, além de não parecer suportar bem a pressão psicológica. Falta resiliência a equipe. É um time inseguro, é preciso reforçar o psicológico e isso tem de partir de direção e comissão técnica e aí o dep. de futebol pesa contra. Rui Costa e Pacheco não tem personalidade ou liderança alguma, são dois burocratas e Roger fica muito sozinho nisso, creio que seu repertório já não mobiliza mais o grupo como no ano passado e isso preocupa.

    A torcida vai ter um papel fundamental contra a LDU.

  3. Se Celso Roth fosse o treinador do time adversário, gritaria no treino: – JOGUEM PELAS AVENIDAS!!
    ´
    O Grêmio tem duas avenidas. E por esses caminhos saem as principais jogadas ofensivas dos adversários.

    Ontem, um dos gols saiu pelo lado direito, a bola cruzou a extensão de toda a área e foi parar na esquerda onde entrou o jogador do Glória para fazer o gol.

    Ah, a Avenida Marcelo Oliveira nem para acompanhar a marcação consegue. Parecia que ele estava passeando. Nem notou a presença do jogador do Glória vindo de trás.

    Na quarta, se derem mole para o adversário, vamos perder. Na Libertadores, tem que ser bafo na nuca.

    Está na hora, do Róger parar de criticar o setor ofensivo. A culpa pelos últimos maus resultados é da defesa.

    Os atacantes não têm culpa se os zagueiros batem as cabeças nas jogadas´pelo alto e as duas laterais são duas avenidas.

    O discurso tem que ser de correção dos problemas defensivos. Os quatro jogadores de defesa estão perdidos.

    Pode entrar com quatro volantes que eles vão vazar.

    É preciso modificar os nomes. Então, é preciso contratar no mínimo um zagueiro e uma jogador para uma das laterais. Assim, já diminui parte dos problemas. Claro que os jogadores contratados precisam chegar e resolver.

    O Grêmio contra o São Paulo fez dois gols. E ontem fez dois gols que deixou o time em vantagem e depois mais dois no final da partida praticamente nos acréscimos.

    Com todo o respeito ao Róger, está viajando na maionese. O ataque tem sido eficiente. O que não está sendo eficiente é a defesa.

    Se derem bafo na nuca do sistema defensivo, eles se cagam todos no campo.

    É preciso cobrar mais determinação e concentração para o sistema defensivo.

    Róger foi lateral. Tem condições de ensinar os caras a marcarem. Os adversários fazem o que querem.

  4. No twitter, o pessoal anda comentando a atuação do Kaio, dizendo que tem mais qualidade do que o Edinho.

    Infelizmente, para um jogador da base aparecer alguém tem que se machucar.

    O Ramiro a paixão dos treinadores. O jogador tático que mais erra passes. Edinho o destruidor de bolas.

    Tem coisas no Grêmio que são inexplicáveis. Ou melhor, deve haver uma explicação, mas ela ainda está oculta e ninguém consegue descobrir.

    Se os dirigentes fossem do ramo, não cairiam na lábia dos treinadores que chegam aqui. Se tivessem mais conhecimento a respeito da base, saberiam formatar o grupo de jogadores melhor.

    Kaio joga com naturalidade. E tem muita personalidade. Jogador que estava pronto há tempo.

    O Rafael Carioca só entrou no time depois que o Grêmio sob comando e Roth fora eliminado no Gauchão e na Copa do Brasil.

    Bem, aí o júnior e o Raul ficam na equipe de transição. Situação totalmente incompreensível, porque se é para ver o Marcelo Oliveira e o W.Oliveira entregando todos os jogos, então, deem chances aos garotos da base para tentar resolver.

    Róger fará isso? Não. É técnico cagão. É técnico que utiliza a base como último recurso.

    Técnico cagão=time cagão.

    Mário Fernandes estreou aos 18 anos num Grenal porque Mano Menezes não tinha outra alternativa, caso contrário ficaria na base treinando.

    Jogador da base é o último a entrar e o primeiro a sair.

  5. E vai sobrar para o Everton sair para entrar o bolanos.
    Já os cascudos seguem firme e forte no time. Roger está cavando a sua própria cova. Vai morrer abraçado com o Douglas “seu boneco”.

  6. Após Bolanõs demonstrar qualidade nos treinos, imprensa vermelha inicou a campanha em favor de Douglas. Ainda, defenderam que ele foi um dos melhores do Grêmio no sábado.

    O Grêmio teria cansado de perder gols e não aproveitar os ótimos lançamentos feitos pelo Douglas.

    Mesmo com o marketing a seu favor, Douglas deveria sair da equipe. Uma a cada 10 partidas ele joga bem.

    Tem que ficar sentado no banco para ter mais responsabilidade dentro de campo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.