Participe da discussão

83 comentários

  1. Vão dizer que é implicância minha …. que é pessoal … mas, como é unanimidade, que seja, vá lá …
    Nunca tinha visto uma apresentação de camisa nova tão chinfrim, não tem outra definição para o que se viu. Mais ou menos umas 40 moças entraram em campo metade com a camisa branca e a outra com a bicolor ( sim, bicolor, porque das cadeiras, aonde eu estava, não se via o branco salvo nas meias e na publicidade na altura da barriga, aparecia somente o azul e preto ), carregando uma espécie de ´banner` – não sei definir aquilo – representativo de camisa, um branco, com as moçoilas de camisa branca e o outro bicolor com as de camisa bicolor. As moiçolas trajavam calças que não dava para ver ser de jeans ou de abrigo, cinzas ( não sei em homengem ao que o cinza mas era cinza ). Nas intermediárias, deram umas voltas em circulos, depois largaram o material no chão e sairam pulando que nem aqualocos para a beira do gramado e deram uma volta olimpica abanando para a torcida que boquiaberta não entendeu nada. PATÉTICO. Nem a geral aplaudiu, foi uma cena CONSTRANGEDORA. Eu fiquei observando aquela rídicula apresentação e me lembrando que em 2005 o Reinaldo Lopes superlotou uma boate ´in` da época, nas proximidades do shopping iguatemi, com um desfile de tops de primeirissima qualidade, champanhe e a rua invadida por jovens, holofotes, etc, numa festa magnifica, para lançamento do fartamento 2005 – e olha, estávamos na 2a divisão. Em 2006, no Sheraton, uma loucura o assédio da torcida, pela Goeth, revistas, etc., tb para o lançamento da camisa naquele ano. Em 2007 começou a decadência. Em 2008 no pátio do estádio ….. e ontem aquele troço que passo desapercebido no Estádio, menos mal porque se todo mundo parasse para olhar seria um fiasco. Â camisa, bem, a camisa; as duas camisas mais horrorosas da história do clube foram as de 2008 ( a da banda azul na bunda, uma coisa pavorosa ) e a do Kiko 2009. Perto delas qualquer coisa fica linda, entraram para a história das grandes porcarias do clube. A de ontem, perto delas, ficou linda. Perto das demais, de 2005, especialmente prá baixo, me perdoem, mas ocupa o ultimo posto. Mas melhorou, nada podia ser pior do que a do Kiko.

    Quando eu pensei que não poderia haver nada mais tão ruim como a apresentação, eis que começa o jogo. Sem comentários sobre o jogo. Até amanhã.

  2. Viva o Grêmio dos “bundas moles”, a direção do Duda consegue se superar a cada jogo, a cada camiseta nova e a cada treinador.
    Claro que a gente segue gremista, mas dá raiva ver as coisas que estão acontecendo com GFPA.
    O Duda é fraco.
    O Meira é “evidente” ou “evidentemente” BURRO E FRACO.
    O Silas não sabe fazer o time jogar.
    A camiseta nova é DE CHORAR, olhando a camiseta das arquibancadas é como disse o Josias, é bicolor.
    A vida segue, nenhum protesto, nenhuma idignação, tudo está perfeito e o otário aqui sonhando com a Copa do Brasil.
    CAMISETA HORROROSA E TIME COM FUTEBOL HORROROSO.
    E O MEIRA EVIDENTE HORROROSO.

  3. eu achei essa camisa mais feia que a do kiko, que pelo menos era tricolor. a branca me pareceu bonita.

    agora, e a eleição para a escolha da terceira camisa? vai acontecer em dezembro?

    sobre o futebol, cada vez acredito menos nesse time, é triste isso…

  4. Estou em vias de terminar o esboço de uma programação visual para a camiseta do Grêmio. É um trabalho que não me foi pedido e que teria um custo bastante significativo, mas que estou oferecendo de graça para o clube.

    Independentemente do fornecedor e de necessárias concessões aos designers de moda a fim de que haja um volume de vendas significativo ano após ano, há MUITOS detalhes que NÃO PODEM ser alterados. Isso independe do fabricante do tecido, da padronagem de moldes destinada à maioria dos clubes bancados pela mesma marca e, sobretudo, respeita a tradição do Grêmio e, ao mesmo tempo, estabelece uma média a partir dos padrões antigos utilizados em um maior número de temporadas.

    Comprei a nova camiseta porque não comprava uma nova desde 2005. Da Puma, considero a 2ª menos pior. A menos pior (quase boa) é a de 2005.

    JOSIAS: sim, apesar da brilhante ideia de sortear 40 associadas e da promoção de ingressos por material escolar às sócias torcedoras e às integrantes do Exército (cujas metas estão muito aquém do planejado, pois a curva de crescimento está bem mais suave em função da falta de benefícios e de vantagens SENSÍVEIS ao invés de ofertas meramente eventuais como a promoção de ontem), a apresentação foi sofrível.

    Estive na de 2005. Foi muito boa!

    O modelo de apresentação de cheerleaders é, para a cultura brasileira, PATÉTICO. Meninas gostosas e de alto astral, seja com muita ou pouca roupa, a esmagadora maioria dos homens prefere ver ou no Iguatemi, ou na praia, ou num União ou Sogipa da vida.

    Foi legal sortear 40 torcedoras sem avisá-las do que se tratava com antecedência. Todavia, tudo só teria feito mais sentido e tido um verdadeiro impacto caso tivessem havido três movimentos coordenados:

    1) Queima de fogos: não aquelas bombas barulhentas, mas, sim, aqueles cogumelos azuis de Ano Novo;

    2) Apagar a luz do estádio e pôr um holofote nas felizardas;

    3) Instalar provisoriamente outra vez aquele telão que o Kiko Balestrin conseguiu por dois jogos.

    Poderia ter sido montada uma passarela ao lado da Gremiomania naquele espaço morto entre as escadas do Quadro Social e da rampa da saída do portão 1 até a loja pra fazer um desfile parecido com o de 2008.

    Não é uma questão de contenção de despesas nem de falta de ideias. E tampouco é uma questão de “eu faria assim, tu farias assado, fulano de outro jeito, beltrano e ciclano de outro e assim por diante”…

    POR QUE AS PESSOAS ERRADAS ESTÃO NO LUGAR ERRADO?!

    POR QUE SEMPRE HÁ UMA DESCULPA?!

    POR QUE QUEM CONHECE NÃO TEM AUTONOMIA NEM ORÇAMENTO DECENTE PRA MOSTRAR SE É OU NÃO COMPETENTE?!

    A camiseta pareceu bem pior do que é por causa de uma apresentação ESTAPAFÚRDIA.

    Por essas e outras que, infelizmente, o lado bom da gestão Duda será completamente minimizado e as falhas serão exponencialmente exploradas. Não exatamente pela mídia ou pela oposição mas, sim, pelo próprio imaginário do torcedor, que enxerga com seus próprios olhos sem mediação de terceiros e percebe esses detalhes porque não é burro.

    Quanto ao time: muitas alterações na escalação (mais uma vez), alguns jogadores que entraram não estão totalmente recuperados de suas rexpectivas lesões, Silas substituiu mal (pôs os jogadores certos na hora errada e no lugar do homem errado) e eu percebo um enorme receio da maioria dos atletas. Amigos, eu GELEI quando o Mário Fernandes precisou ser atendido, demorou pra voltar e ainda demorou algum tempo mancando.

    Aliás, o “Pedrernesto” chamou-o de Mário MAGALHÃES 3x em um comentário de três minutos no TVCOM Esportes nesta semana. Tá me lembrando do deprimente último ano de Armindo Antônio Ranzolin como narrador (lá vai Chiquinho… Não, Norberto… Não, Balalo…)

    []’s,
    Hélio

  5. Não vi o jogo de ontem como deiva.
    Mas de novo devemos a vitória ao Vitor.
    Sobre a camisa, a Puma faz o que quer. Ou então quem negocia os modelos é NEGLIGENTE com a história do clube. A cada ano que passa eles produzem algo pior. Aquilo ali não é a camisa do Grêmio, lembra o famigerado modelo de 2003. Não se vê o distintivo nem as listras brancas

  6. RESPECTIVAS. Desculpem. Estava indignado…

    No mais, por favor, assistam a este vídeo:

    MARCOS ALMEIDA: desculpa por eu não ter respondido ao teu torpedo. Eu e a Lúcia assistimos ao jogo com os queridos amigos Eduardo (pai) e Luís (filho) Bernardon.

    Troquei de operadora e meu celular velho não era desbloqueável. Como fiz a portabilidade pra manter o mesmo número, estou sem poder ligar direito até a manhã da próxima quinta.

    O número será o mesmo. Por hora, tenho um número provisório, do qual irei ligar quando necessário.

    []’s,
    Hélio

  7. Pois é, onde ficaram as listas brancas? E equivalência entre o azul e o preto? Ao menos o azul se salvou. Mas a gola parece mal encaixada, visto bem de perto (assisti pelo PFC), além do excesso do preto na lateral da camisa. Não gostei. De acordo com os que já comentaram o tema.

    Futebol? Não sou comentarista da área, não destaco ninguém, até porque não se joga futebol sozinho. Já vão dois meses e nem sinal de conjunto. E ainda não consegui ver respondidas minhas notas do jogo contra o Pelotas (e olha que faz tempo). Estamos completando quantos jogos com formações diferentes? Não quero assim, mas está próxima a derrota. Como dizia meu sogro, jogando o boné para trás: CRUZES.

    Destarte, como outrora se dizia, o lançamento da nova camisa ficou de acordo com o jogo e vice-versa, muito antes pelo contrário.

  8. Faltou responder ao SIDNEI:

    O Espinosa faria o meio-de-campo entre Paulo Deitos, Mauro Rocha e Edson Aguiar junto à comissão técnica profissional.

    Pra mim, na base não se mexe. E tanto o Cícero como alguém disponível e melhor do que o Meira podem ficar ali onde estão, fazendo o que podem e devem fazer.

    Já soube que o Silas não dá espaço pra dialogar com a base e que a direção também não pensa na importância dessa relação.

    Estamos perdendo tempo e dinheiro.

    A ACEITAÇÃO E A INTEGRAÇÃO À CULTURA DO CLUBE MAIS O INTERESSE E O CONHECIMENTO DA IMPORTÂNCIA DE SE TIRAR LEITE DA BASE SÃO CONDIÇÕES SINE QUA NON PARA A DEFINIÇÃO DE UM NOVO TÉCNICO.

    Aliás, participei de um bate-papo com o Espinosa na última sexta. Ele CONHECE DEMAIS o atual plantel do Grêmio. Algumas frases de que lembro (não exatamente com essas palavras):

    – Mário Fernandes é CRAQUE: joga na zaga, na lateral e talvez até como volante. Mas é, mesmo, zagueiro. Se o Grêmio não tivesse negociado Réver, teria a melhor zaga DO MUNDO;

    – Volante? O menino Fernando É O CARA. Se o ideal seria tê-lo com Willian Magrão ou Adílson, só o tempo diria;

    – Meia de ligação? Maylson e Douglas;

    – Edílson é um EXCELENTE LATERAL. O Espinosa assina todos os PPV possíveis e já o conhecia da Ponte Preta. Muitos times da Série A não têm um lateral direito desse nível.

    OPINIÃO MINHA: Mithyuê, Leandro, Hugo e Rochemback são opções INVEJÁVEIS de banco pra qualquer time do país. E acho que – finalmente – o Bruno Collaço vai entrar no time pra não sair mais já no 2º mês do Brasileirão.

    Independentemente das lesões e suspensões ou do tipo de atitude que gostaríamos de ver mas que provavelmente não venha de Meira, já falei aqui que ele deu a Silas tudo o que pôde em termos de plantel.

    O técnico não dialoga muito com a base e a direção não o cobra a respeito dessa falha.

    Eu prefiro apostar 100 ou 150 paus num cara que minimize ao máximo a chance de contratar errado do que manter tudo como está. E vocês?

    []’s,
    Hélio

  9. Amigos, mesmo não sendo um especialista do MKT e considerando que a patrocinadora tem suas regras, penso que, a cada ano, nossa camisa tem de trazer algo de diferente (detalhe, tom de cor,…), por isso gostei da nova camisa. O azul voltou a ser o mais lindo (celeste). Agora, realmente a promoção do evento teria de ter um impacto muito maior: o Grêmio e sua torcida merecem. FUTEBOL: APAVORANTE! Esta é a expressão! Com certeza DUDA há muito já percebeu que o futebol vem “involuindo” a cada jogo. Tentando ser FRIO, registro que não sei se temos de “convidar” SILAS a sair. Acho que sim, sob pena de perdermos o ano de 2010. Tenho certeza que falta VOZ NO VESTIÁRIO! O horror de ontem foi quase completo: com exceção de VICTOR (mas saiu muito mal no gol anulado), todos foram mal. Então comcluo que não há esquema, há mal posicionamento, não vejo jogadas treinadas, empenho igualmente não percebo,…SE É PARA MUDAR O TÉCNICO, QUE SEJA AGORA. E O VESTIÁRIO TEM DE SER SACUDIDO: NOVO DISCURSO E COMBRANÇA! E o Maylson, senhores (Bimbi,…)? Que coisa mais horrível! Com todo respeito: LEANDRO É MUITO MAIS JOGADOR! Então o treinador que arrume o posicionamento e escale dois bons volantes (eu contrataria um CINCO). Para encerrar: com relação à falta de integração entre SILAS/MEIRA e as categorias de base (se é q existe), talvez esteja explicando PESSALI e MATHEUS MAGRO estarem fora do grupo principal (são muito superiores a Maylson e Ferdinando respectivamente). Acho inclusive que MATHEUS MAGRO e FERNANDO disputarão a camisa 5.

  10. Aliás, NÃO SE LANÇA camisa do Grêmio em jogo de Gauchão, quanto mais, contra o Porto Alegre…
    Façam um vídeo, lancem no site… o alcance seria IMENSO, ficou restrito às 10 mil testemunhas…

  11. Certamente não há condições de se avaliar qualquer atleta pelo jogo de ontem, porque a falta de conjunto foi de impressionar. Não vi ninguém ser melhor do que ninguém e todos abaixo do mínimo esperável pelas suas condições. E tentar comparar com quem não estava jogando, no banco, por lesão ou na base, será inadequado por vício de origem.

    E há ainda um fator de correção a ser adicionado, que foi a equipe adversária.

  12. Marcos,

    O Espinosa me garantiu que não tem problema nenhum com frio, calor ou cidade. Inclusive brincou dizendo que tem uma mala pronta pra morar no frio e outra pro calor.

    O que mais gostei de ter ouvido ele dizer foi que, apesar de ser promissor e de já ter uma Copa do Brasil e um vice da Libertadores, Renato ainda não está pronto para o Grêmio mas que é o caminho natural dele trabalhar no Tricolor um dia.

    É exatamente o que eu sempre disse pra essa gurizada da Geral: Portaluppi ainda não é o cara. Esse, sim, é dependente de praia e chopp congelando.

    O Espinosa só não fo técnico do Flu e do Vasco. E foi o coordenador técnico do Vasco quando o clube estava sem dinheiro e com o Renato como um bombeiro totalmente inexperiente e sem intimidade com o clube (foi o único dos grandes do Rio onde sequer havia jogado ou treinado antes).

    Eu boto fé! ;)

    []’s,
    Hélio

  13. O SID entrou em desespero. No segundo jogo não dá prá ver nada, já falei isto aqui, se desse, o Tele Santana tinha sidfenestrado, o Felipão e o Mano também, mas tu tá desculpado. E o desespero continua, cita Roth, Autuori e Rospide ( este não seguraria a barra do segundo jogo, alguém tem que estar sempre lembrando, ele mesmo não quis e nem poderia … ), mas, SID, tu tens desculpa prá tudo hoje, até prá pedir a volta do Roth, ontem foi amargar. Tudo. O sogro do SEU RAUL ontem não teria jogado o boné prá trás, teria arrancado a cabeça !

    O desespero toma conta. O sempre inteligente HELIO falou no ESPINOSA, é passado, esquece amigo, tem gente atualizadissima e muito melhor, o grande ídolo Espinosa hoje lembra figuras tipo Abilio dos Reis, passou para isto, seria um bom comentarista, e fica por ai. Grande tomador cerveja é um grande contador de causos. HÉLIO tu é um cara moderno, tem muita gente hoje que está no século que estamos, alguém aqui falou no Maluf, não digo ele exatamente, mas ao estilo, do tipo. A propósito te torpediei ontem também, quando começou a apresetanção não suportei o cnstrangimento e pedi socorro a alguns amigos, entre eles tu e o Marcos. Ao final do jogo te vi atravessar a Érico com a ´patroa`, ia te chamar, mas estava sem ânimo, minha única vontade era ir para casa, abrir um vinho, olhar o céu e …. rezar.

    Pode ser, pode ser, que o jogo ontem estivesse contaminado pelo marasmo, pelos 6 x 0 do jogo treino, por aquela RIDICUL, VEXATÓRIA E CONSTRANGEDORA apresentação da nova e discutível camisa do clube, pode ser. Mas o fato é que era sábado, um bilhão de programas rolando na cidade, e o Grêmio se arrastou melancolicamente contra o pior time que já tive a oportunidade de ver jogando o Gauchão. A cidade não merece ter um time com seu nome que joga o que este TIMECO do seu ASSIS joga, tomare e torço que quebre. E nós não merecemos ver um jogo do Grêmio como o de ontem.

    Penso que ontem não terá nada pior amanhã, por isto só pode melhorar.

    Já para o MKT, o pior é o esperado. Ontem vi o Daniel TEvah da tribuna olhando aquilo no campo, ele não sabia se ria ou se chorava. E o seu PAQUECO – é paqueco mesmo – nem apareceu no meio do campo, como ele gosta de fazer em jogos importantes, balançando a pança feito o velho palhaço de um lado para outro, com seus cabelos brancos prateados e aquele óculos portermaníaco, conjunto que lembra mais o dono de uma padaria !

    Dá-lhe Grêmio, é Grande este Clube.

  14. Prá não dizer que não falei de flores, o gol de cabeça ontem deixa uma pontinha de esperança neste centro-avaiano, e batemos o recorde dos vermelhos, 47 jogos de invencibilidade em casa.
    A propósito este recorde é regional, nacional, sul americano, mundial ? Alguém saberia informar ?

  15. Josias,

    Em relação ao Espinosa, como ele não é mais técnico e esse cargo é de integração entre base e profissional e de manutenção da cultura do clube, creio que daria pra dar uma oportunidade. De qualquer forma, concordo que, de início, acho que o melhor seria ele tentar um Botafogo ou um Goiás da vida, clubes não mais do que médios. Mas acho que tem como dar certo até mesmo aqui.

    Ontem, assisti casualmente na volta do Olímpico (sim, jogo triste, fardamento meia-boca que adquiri pra colecionar e tem um corte gostoso de usar).

    O meu amigo distribuidor de produtos Puma basicamente só teve como apitar no distintivo maior. A empresa procura engessar seus patrocinados em seus moldes confusos.

    O Vitor Ruschel gosta desse azul calcinha desbotado. Eu sou mais como o eterno presidente Hélio Dourado: prefiro o AZUL TESÃO, 100% ciano, sem nenhuma mistura com pigmentos magenta, amarelo ou preto (as cores primárias da impressão que, misturadas em diferentes concentrações, formam todo o espectro de tintas).

    Listras de largura diferente?! NUNCA MAIS!!!

    Agora… Da camiseta branca, gostei bastante. Só preferia que, pra ter mais graça, tivesse a manga direita azul.

    Só quero saber quais serão as ofertas de design para a torcida escolher como 3º uniforme. Já tô com medo de preferirem preto. Preto, pra mim, é como pra ti, Josias: lindo pra passear. No jogo, fica horroroso tanto no estádio como pela TV. Aí, o problema não é da marca nem do modelo.

    Alguém já reparou que somente times SEGUNDINOS possuem uniforme preto? Botafogo, Atlético-MG, Vasco, Ponte Preta…

    Eu adoro a minha camiseta shadow. Mas não gostaria de um fardamento assim pra jogo.

    Sigo aqui com o manual de identidade visual da camiseta nº1.

    []’s,
    Hélio

  16. Antes que alguém me interprete mal: sem nenhuma ofensa nem crítica ao Vitor, por favor. Apenas acho o azul atual bonito pra passear ou pra ter uma camiseta ou uma bermuda, mas não pra fardamento do Grêmio. :)

    []’s,
    Hélio

  17. Josias,

    Sobre a invencibilidade: ontem, a Gaúcha me veio com um papo de que o Palmeiras é recordista nacional entre 1995 e 1996 com 68 jogos sem perder no parque Antarctica.

    Olha… Pelo que eu saiba, se houve time do Palmeiras mais vitorioso e mais temível, foi o bicampeão brasileiro de 93-94 e que nos apavorou no começo da Libertadores de 95.

    Na PopRock, os caras ficaram de investigar, pois também duvidaram da informação da Gaúcha. Porém, rádio pequena e não-especializada em esportes às vezes não cumprem o que prometem.

    Vou perguntar à maior enciclopédia humana do jornalismo espportivo brasileiro, o PVC (Paulo Vinicius Coelho), da ESPN. Entre o Bate-Bola de hoje à noite e o Linha de Passe da noite de segunda, ele certamente irá responder.

    Palpite: eu acho que o Grêmio está bem próximo do recorde nacional. 47 jogos? Em princípio, duvido que alguém tenha mais de 55 jogos.

    Dá pra pensar até em nível mundial, se for o caso.

    []’s,
    Hélio

  18. Helio, tô com o Josias..
    desiste dessa do Espinoza… grande cara, mas não tem mais pique. Como falei, a não ser para degustar uma ceva…

    Estamos em março , 3 meses de trabalho e nada de time. O treinador é mais um patético que veio parar aqui. Acho que tem algum sapo enterrado.

    Sinceramente: o presidente precisa tomar uma decisão. Senão, é morte anunciada. Com esse meio-campo aberto chamando adversario, não é que até o tao portoalegre domina o Gremio no Olimpico? Imagina o Santos na Vila…

    Solução?
    bota o Rospide, tira o Meira e deixa a torcida empurrar esse time!

    cbimbi

  19. A coisa só piora.

    Foi impossível acompanhar o dito lançamento pela internet. Deu 18h30, 19h00, 19h15 e nada, primeiras fotos só com bola rolando. Isso prejudica até os profissionais de imprensa que estavam cobrindo o evento.

    Hélio, fala mais desse teu trabalho de programaçao visual. Não quero parecer ignorante, mas vai além do azul calcinha e azul tesao, né?

  20. Treinador que não consegue formar time, protege seus “avaianos”, diretor de futebol que contratou ele fica apegado ao cargo como um pefelista se apega a sua boquinha. Mkt ridiculo…

    Pois é: nessa hora – na minha visão – os grupos politicos que apoiaram o presidente deveriam fazer a cobrança. Para o bem de todos.

    Esse é o ponto da minha discordancia qto a politização excessiva do clube. Qdo precisa atuar – fiscalizar, ajudar a resolver uma situação critica ,como queiram – aí o grupo silencia.
    Qto a oposição, continua nas suas excursões sociais ao interior do RS não prá arrebanhar mais sócios ou apoio ao clube, mas sim com o olho grande visando as proximas eleições!!

    é dose!!

    cbimbi

  21. André,

    Eu fotografei várias camisetas minhas e catei fotos por aí de várias que eu não tenho. Aí, pra não parecer engessado demais, estabeleci uma largura mínima e uma máxima para as listras; um tamanho fixo p/distintivo; espessura do traço do número e do fio do contorno (s/ contar número sempre branco e contorno sempre preto); meio da camiseta sempre dividido por uma listra branca (que dá sempre no bico de uma gola V ou pólo ou na parte mais baixa do arco de uma gola careca).

    Medi uma camiseta tamanho M como base. Isso define também a quantidade de listras na frente e atrás.

    Há alguns outros detalhes. Mas esses não são exatamente obrigatórios. Senão, ninguém mais vao comprar a camiseta por ser sempre igual. Por exemplo: sempre que o corte da manga NÃO ultrapassar o ombro, isto é, quando houver uma peça para a frente e uma para as costas, as listras da frente se encontram com as listras de trás na costura por sobre os ombros, como era antigamente.

    []’s,
    Hélio

  22. Cesar,

    Totalmente de acordo contigo em relação a Meira, Silas e Mkt. Mas ontem, ouvindo o rádio no T2 de volta pra casa, gostei de uma atitude do Duda: ele questionou o esquema tático e as mudanças desnecessárias na escalação. Falou diretamente do meio-campo inconstante na armação e vulnerável na proteção à zaga.

    Mesmo sem socar a mesa e sem bravatas, se ele tivesse essa postura direta e crítica antes (e sobretudo no caso da BM descendo a lenha no associado contra o Cruzeiro em 2009), a torcida estaria muito mais a seu lado.

    Duda precisa ser como diz a coordenadora pedagógica da Unisinos em relação aos alunos. Que nem rapadura: doce, mas FIRME.

    []’s,
    Hélio

  23. hélio pra vice de mkt jááááá!!!!

    e repito: achei a camisa feia, parece que o Grêmio não tem mais branco. a do kiko pelo menos era tricolor. e olha, não sei se concordam: a puma lança uma camisa feia, mas que com o passar do tempo fica menos feia, porque as que a sucedem conseguem ser mais feias ainda. desde 2006 não temos uma camiseta que preste (exceção: LA 09)…

    e sobre a gestão duda: final do ano deu pra ela. a torcida não quer saber do campeonato do balancete, quer é título. se não ganharmos nada até a época da eleição, adeus pra essa gestão… o problema é quem viria depois, porque uma volta ao passado não seria nada saudável…

  24. Em relação a camisa kiko, evoluimos. Também não era uma tarefa tão dificil né.
    Achei muito escura a camisa tricolor, tende demais ao preto e esconde o branco. Número e banrisul em preto nas costas dificultam muito a visualização no estádio. Nesse ponto a puma errou, o número deve ser branco sempre na tricolor.
    Listras azuis com largura diferente das pretas é outro erro e grave!!! Já haviam feito pareceido com a camisa de 2007.
    Só por esse detalhe eu não comprarei a tricolor

    O patrocinio da Midea ficou muito proximo ao distintivo, até parece que o nome do time é Midea. Por 1,2 milhões por ano vale a pena estragar o uniforme???

    Enfim, gostei só da camisa branca, bem diferente, desenho bonito, apesar de achar que a 2ª camisa deveria ser sempre uma celeste, estilo Uruguay.

    E que lançamento bem fraco! Em um jogo mais fraco ainda, presença ridicula de público, divulgação faltando 15 minutos pra iniciar a partida, em um jogo que acabou as 21:30 e que dificulta as compras na Gremiomania no pós-jogo…
    Sinceramente, não entendo a dificuldade em programar esse lançamento, por exemplo, para a final do 1º turno, uma semana antes. Em um jogo mais cedo, com estádio quase lotado, com maior mídia envolvida.
    Ou por que não lançar em shoppings ou, até mesmo como em 2009, em praças e parques da capital?

    As vezes parece que só são feitas críticas a atual direção e o lado bom não é valorizado, mas desse jeito fica dificil…

  25. sinceramente, perdi meu ultimo fio de esperança com o silas, nao tem jeito, ele e patetico como tecnico, e suas indicaçoes? josias pode perder a esperança no willian batore e pessimo centro avante! ja nosso presidente me deu um alento, finalmente acordou e criticou silas, quem sabe deus o ilumine e ele abra os olhos, para as cagadas de seu amigo meira, que se diz dirigente de futebol, é porque se fosse realmente dirigente de futebol, contrataria jogadores de todos os times e nao ficaria a merce de ex sao paulo e indicados do silas que tem como predicado, ter jogado com o tecnico no avai. mano indicava jogadores de todos os clubes, pesquisava bons jogadores, exemplo victor que foi indicado por ele, e nao por mancini como muitos dizem, e no corinthians pediu jorge henrique, e burro esse mano? ja nosso “competentissimo tecnico” so consegue indicar nabas do avai!!!! e o meira aceita e o fim, sera que nao encherga que o silas nao presta como olheiro!!!! e por fim tirem o ferdinando e rockemback do gremio. sei que o rockemback nao jogou ontem mais o ferdinando e insuportavel, ve-lo em campo.

  26. ANDRÉ: ainda não, mas vou postar no meu blog. Por enquanto, tenho umas 20 e poucas fotos e alguns aspectos a discutir. Vou postar em http://heliopaz.com/

    ALFREDO CARLET: sinceramente, não encontrei aonde aparece discriminado o tom de azul no Estatuto em alguma escala de cores de impressão (CMYK? Pantone? EuroMatch? Outras?!). Aliás, a própria seleção do Uruguai tem mudado bastante o tom de azul nos últimos 10-15 anos.

    Eu ouvi do próprio Hélio Dourado que, em 1976, logo ao assumir a presidência, ele mesmo visitou as confecções de Santa Catarina (Sulfabril, Malwee, etc. – no Brasil, eram elas que fabricavam e só punham outras marcas, naquela época) e pediu um AZUL TESÃO. Nesses termos e de acordo com meus olhos e minha experiência de arte-finalista, diretor de arte e designer gráfico a partir de 1995 (embora tenha migrado para a web e tenha saído dela somente para a pesquisa e ensino acadêmico), digo que prevaleceu o 100% C, 0% M, 0% Y e 0% K.

    Como conversei com a Michelle do MKT em novembro de 2009 sobre isso e ela me falou que “já estavam” (alguém: quem, como, aonde e se poderia conversar com eles, não perguntei) providenciando uma escala Pantone, me despreocupei. O Veronese da Grêmio Licenciamentos também mencionou para eu ter “calma” que iria rolar, via Twitter (nunca conversei com ele pessoalmente)…

    …Porém, depois do lançamento da camiseta 2010 ontem, infelizmente passei a desconfiar da seriedade e da veracidade acerca dessa preocupação por parte deles e também do Cesar Pacheco. Acho que a política infame do “Idéias… Sabes quantas a gente recebe todos os dias?!” é o que predomina no Grêmio. E isso muito me entristece.

    O Pacheco disse que estava cansado de ouvir reclamações e que não permitiria que a Puma viajasse novamente. Afirmou que o modelo 2010 seria mais “tradicional”. Aí, independentemente do tom de azul (mais claro assim era o antigo, pré-Dourado – aceitável, porém não chama a atenção e não torna o Grêmio ÚNICO), não apenas ele como outros conselheiros, membros do Conselho de Administração e até mesmo o presidente Duda devem ter aceito (…Aceite ou aceitado?!) esse modelo que, certamente, foi-lhe(s) apresentado meses atrás.

    Um dos sócios da distribuidora Puma p/a Grande POA conheceu a ideia do fardamento do Grêmio e foi até a confecção que põe a marca Puma e usa os moldes da empresa dar uns pitacos pra evitar bobagens. Não sei exatamente o que ele sugeriu ou do que ele reclamou. Só sei que o distintivo tem um tamanho decente e que a sua irmã (minha amiga, que é sua sócia) disse que eles venderam muito menos em 2009, tamanha a reclamação com o modelo Pato Donald/Popeye.

    Então, o Cesar Pacheco estava equivocado quando disse que as vendas das camisetas nº1 de 2009 estavam ótimas. Afinal de contas, quem distribui o carro-chefe da marca no RS e possui anos de experiência é quem melhor conhece o potencial de vendas do produto.

    Tenho visto muita gente na Social (bem mais do que há dois ou três anos atrás) vestir as camisetas dos tempos da Olympikus, no início da década de 1980. Não, não são essas réplicas com tecido, tom de azul e fonte erradas que a Puma disponibilizou como “retrô” do Baltazar (1981( e do Renato (1983): são pessoas resgatando as originais, muito bem conservadas, por sinal – tecido, corte e tintas de altíssima qualidade, a um preço proporcionalmente mais baixo do que na atualidade.

    Por último, também sei que o preço de custo de uma camiseta oficial de um grande clube no seu lançamento (seja ela do Grêmio, do Barcelona, do Liverpool ou do Boca; Adidas, Nike, Puma, Umbro ou Reebok) não chega a R$90,00.

    Preço menor vende mais e reduz o comércio pirata. Ao invés de 169,90 (ou 149,90, na ‘promoção’da venda cega), tenho certeza de que poderia ser vendida a, no máximo, 119,90. Isso dá 25% de lucro. Uma margem enorme em quase qualquer mercado, não?

    Além disso, não é todo ano que se lança um tecido de tecnologia superior. E, apesar de algum prejuízo com as sobras, é possível reciclar quase tudo. Portanto, a desculpa de manter um molde padrão pra baratear custos é MENTIROSA.

    Vocês viram as camisetas do Flamengo no último ano de Nike? A atual camiseta nº2 (preta e branca listrada, a la Grêmio) do Corinthians? A nova camiseta nº1 (amarela) da Seleção?! SÃO TODAS TRADICIONALÍSSIMAS!!!

    O tecido, o maquinário e a técnica de tingimento são atualíssimas. Porém, não há tecido diferente nas laterais do corpo e as costuras das mangas, dos ombros e das laterais do corpo seguem um padrão tradicional, que seria mais do que suficiente para que a camiseta do Grêmio se mantivesse como a maioria de nós esperava que fosse.

    TECNICAMENTE, TUDO É POSSÍVEL!

    Outra: ao longo do tempo, a tecnologia se paga e dá pra diminuir ainda mais o preço.

    Finalmente, apesar do calendário europeu ser mais importante, NADA IMPEDE marca alguma de lançar um novo modelo no dia 01/01.

    Aonde quero chegar?! O Grêmio é incompetente/desinteressado. Sempre foi. A Penalty manteve o corte, o distintivo grande e trouxe de volta o modelo celeste. A Kappa corrigiu o distintivo e usou o tom de azul correto.

    Dizem que a Adidas paga pouco. Dizem que o contrato com a Nike ou com a Reebok (hoje de sua propriedade) é leonino. A Umbro é a marca mais cara. O contrato com a Puma é, em termos de volume de fornecimento de materiais e de liberdade de poder vender roupas licenciadas de outras marcas.

    Mas eu pergunto: como se pode medir até que ponto o volume de vendas e a receita/lucro atualmente tidos como bem-sucedidos não seriam, na verdade, potencialmente bem mais baixos caso fosse possível vender dezenas de milhares de camisetas oficiais mais tradicionais e um pouco mais baratas a mais?!

    []’s,
    Hélio

  27. Semana passada o Pacheco disse que a camisa ficaria parecida com a de 95.
    Será que este cidadão conhece a história do Grêmio???

  28. Tem que tirar o treinador….
    Estamos com um time com câncer, está morrendo aos poucos…

    Josias, falei do Roth porque estou desesperado mesmo… É NH e Porto Alegre dando calor no Grêmio no Olímpico…
    Eu estou apavorado… triste… desiludido…

    Assim como falou o Rafael Targanski, PÚBLICO PATÉTICO… Vcs sabem o Porque????

    A TORCIDA TA PERDENDO O TESÃO AMIGOS, O TIME NÃO EMPOLGA E O RETRATO É ISSO…

    ESTAMOS MORRENDO AOS POUCOS…

    FORA SILAS
    FORA MEIRA…

    FIM DO ANO … FORA DUDA…

    QUE DEUS NOS ILUMINE….

    ABRAÇO A TODOS…

    ….DESSE JEITO NÃO VAI NÃO BERNARDON

  29. Corrigindo o penúltimo parágrafo:

    “Dizem que a Adidas paga pouco. Dizem que o contrato com a Nike ou com a Reebok (hoje de sua propriedade) é leonino. A Umbro é a marca mais cara. O contrato com a Puma é, em termos de volume de fornecimento de materiais e de liberdade de poder vender roupas licenciadas de outras marcas, bastante vantajoso para o clube.”

    Complementando: embora eu considere fundamental para o Grêmio manter um fornecedor de marca DE PONTA em nível mundial e realmente haja uma série de vantagens em contar com a Puma, como o contrato foi renovado em uma situação ainda mais favorável ao clube, é obrigação do Grêmio se envolver com seriedade no processo de criação e de aprovação daquele que é o produto mais importante dentre qualquer item que possua as nossas cores e/ou o nosso distintivo e traga retorno financeiro protegido por prerrogativas legais.

    Muito me admira o Grêmio, um clube cheio de conselheiros que, pelo menos em suas vidas privadas, demonstram bom gosto, inteligência, ponderação e um altíssimo nível de exigência, negligenciar essa questão.

    []’s,
    Hélio

  30. Hélio.

    1. Espinosa … não !

    2. Puma. Venho dizendo isto a horas, acho que a Puma virou o fio, e isto já em 2008 quando o contrato terminava, e deve ter sido renovado, podia ter terminado. A Puma tem muitos óbices para uma grande comercialização de produtos do clube. Em 2006 muito se brigava com a direção deles porque não colocavam, simplesmente, os produtos em alguns pontos ( rodoviárias por ex ) porque queriam manter ´um certo nível`…ora, o G é um clube popular… hoje não sei como isto ficou, mas na época foi um parto. Outro problema da Puma, a escassez, a limitação, de produtos. A KAPPA fazia de tudo, camisas pólos ( cada uma mais linda do que a outra, era um show espetacular ), jaquetas, casacos, malas de couro, mochilas, e etc, a Puma mal e mal faz uma camisinha de gola assim ou assado. Acho que a Puma teve seu tempo, na renovação do contrato era para retomar o caminho. E hoje, pelo visto, tá cagando Lei.

    Senhores:

    Parece que, aqui, uma unanimidade. A nova camisa é melhor que a do Kiko ( e acho que aquela da banda azul na bunda tb ). Mas tirante isto, ninguém gostou de novo. O Paqueco disse que era parecida com a de 95 ? Ele realmente é muito fraco ! Ele merecia um Benfica de assessor de imprensa ….ou o secretario deste

  31. Gostei de vários comentários, aqui, a começar pelo do Josias. TB em blogs gremistas.
    Destaco o seguinte, por um certo ineditismo.

    Linda, mas uniforme 2
    A camisa é linda. Mas em relação à camisa MARCA GRÊMIO é o uniforme número 2.
    A camisa número um tem de ter proporcionalidade entre as três cores. Não necessariamente da mesma largura, mas larguras proporcionais. TRICOLOR, TRICOLOR, TRICOLOR!!!

    Por mil razões, está correto o uso de listras largas, mas na camisa um, titular, símbolo do Clube, MARCA GRÊMIO (que não são só o nome e o escudo), tem de ser mantida a proporcionalidade (salvo engano nosso, a proporcionalidade está bem colocada numa das últimas camisas da Kappa).

    ENTÃO, PARA NÓS, LINDA CAMISA NÚMERO DOIS. A MAIS LINDA 2 DE TODOS OS TEMPOS. QUE VENHA A NÚMERO 1 TRICOLOR.

    Sujeita a chuvas e trovoadas, é a nossa primeira percepção.

    http://gremioimortal.blogspot.com/2010/03/linda-mas-uniforme-2.html

    O cara traz tb algumas coisas interessantes sobre mrketing que eu não tinha visto ainda
    Com a palavra os sábios experts.

  32. Até que ponto esse modelo foi desenhado para que a palavra MIDEA ficasse em legível e em destaque sobre apenas uma listra de mesma cor em ambos os lados?
    Alguém falou que os grupos que elegeram Duda devem cobrar, mas eles tem real interesse nisso? Quantos desses vão lançar candidatura própria?

  33. Pelo noticiário esportivo de hoje, parece que o meio de campo “ideal” seria Magrão, Adilson, Leandro (Souza) e Douglas. Teoricamente sim, desde que o Magrão esteja mesmo recuperado (ontem não me pareceu – falta-lhe ritmo e inclusive técnica). De qq forma, acho que esse deveria sim ser o meio, todavia com o Adilson de 5 (cinco), enquanto não vier outro volante, ou não efetivarem FERNANDO OU MATHEUS MAGRO. O problema é que, sem posicionamento, sem esquema tático, função que DEVERIA SER DO SILAS, o QUARTETO TB IRÁ AFUNDAR. Ou o SILAS corrige-se ou o NOVO TREINADOR TERÁ DE CHEGAR ANTES DO FINAL DO GAUCHÃO.

  34. é isso aí, Vitor: qdo qualquer timeco entra no Olimpico e fala grosso, o problema é treinador.
    Jogador esse ano tem.
    Tbém acho o Fernando muito bom de n.5
    abçs
    cbimbi

  35. Capítulo quinze, artigo 113, Estatuto: ” As cores do GRÊMIO são o AZUL CELESTE, o branco e o preto,não podendo ser alteradas em HIPÓTESE ALGUMA”. Claríssimo, indiscutível, racionalmente inquestionável o que os históricos gremistas escreveram na nossa Bíblia.

  36. Tem coisas que são brincadeira e difícil de acredita…

    NH e Porto Alegre encurralando o Grêmio em pleno estádio Olímpico.

    Alguém tem dúvida que o Treinador SILAS não presta para o Grêmio… Quem tiver dúvida favor solicitar os DVD’s dos jogos na RBS e olhar novamente.

    Ta por demais amigos, eu ja não aguento a tempos…
    Nem falo do uniforme, achei que comparado com o PERFEX e KIKO melhorou, vou ganhar do meu coroa, mas não compraria.

    Ta faltando a tricolor tradicional…

    Mas vcs estão notando algumas coisas…

    1- a camisa mudou a tempos da tradicional 3 anos…
    2- o comportamento da torcida eb está mudando (perdendo o tesão)
    3- estamos com treinadores fora de rumo com o Grêmio…
    4- Falta direção de futebol…
    5- Falta atitude do presidente…
    6- o público ta cada vez menor
    7- camisa nova não empolga
    8- vitórias não convencem
    9- é um desconfiança total
    10- não há marketing e não há mesmo…

    É olhar e ver, estamos fora de rumo, estamos em um caminho que está tornando o Grêmio fraco como instituição, com sua torcida cada vez mais insatisfeita e descrente. Isso nos torna cada vez mais impacientes e intolerantes e amigos, sentindo menos vontade de ver jogos do nosso CLUBE.

    Teremos que sofrer uma reviravolta, mudar drasticamente de comportamento para voltar ser como antes.

    Pois assim estão matando o torcedor aos poucos..

    Abraço a todos…

    Quero mudança e vou esperar por ela…

  37. Francamente, espero que o sujeito que vem aqui fazer críticas pessoais aprenda a escrever

    Há tempos
    Por ora
    e não como foi escrito erradamente.

    Não gostaram? Só estou fazendo isso pra ver como é bom ser criticado. Para criticar, primeiro o sujeito tem de saber escrever corretamente. Antes de pretender ensinar os outros fazendo críticas pessoais.

    Desculpem…

  38. A Puma não é o problema. O problema é quem aprova esses modelos.

    Se eu tivesse comprado a camiseta no escuro, agora estaria pensando seriamente em processar o Pacheco por propaganda enganosa.

    Sorte minha que eu não acredito mais em uma palavra do nosso GURU do marketing.

    Aposto que as opções disponíveis pra torcida escolher como 3ª camisa vão ser todas parecidíssimas, com variações mínimas. Talvez tenhamos opções de cores além da preta, mas não mais que isso.

    Sobre o jogo? Não vi e, pelo jeito, não perdi nada.

  39. Assistir aos jogos do Gremio, com qualquer formação de meia cancha, tem sido por demais estressante. Até o presidente saiu do sério. Parece que os jogadores desaprenderam de jogar futebol. O que vi ontem é o que temos visto em todos os jogos do Gremio: um bando de jogadores sem rumo dentro de campo. Acontece de tudo, menos futebol de competição. Está faltando ao “CHEFF Silas” talento para misturar os ingredientes e o fermento nas proporções exatas. Essa “massa insossa e abatumada” que nos tem sido servida nos últimos jogos, conseqüência natural dos vacilos e “invenções” de nosso treinador, transformou-se numa assombrada maçaroca difícil de engolir. Ninguém consegue jogar bem, há muita insegurança e falta ânimo e motivação aos jogadores. Resumo da ópera: TAMOS FU…
    Quanto à nova camisa, nada a declarar. Sou do tempo em que se valorizava a simetria das (três) cores e a marca (distintivo) GREMIO. Hoje, vale tudo, desde que
    as “burras” do clube estejam cheias e as cabeças dos dirigentes sejam preservadas.

  40. Carlos…
    Para um bom entendedor… até escrever funciona…
    Pelo menos tu te presta para ler…

    Ja vi que tu estás satisfeito com o Grêmio… vai lá e lambe o Meira e abraça o DUDA. Vai ver tu deve morrer de admiração pelo SILAS.

    Não gosta de crítica amigo estás no lugar errado.

    Português não é meu forte e nunca será, erro e não nego, afinal quem nunca errou que atire a primeira pedra.

    Mas pelo menos deu para ver que mesmo escrevendo errado tu acusa o golpe.

    Abrazão fra tu Xarlos…

    E não precisa pedir desculpa, se falou ta falado, errei mesmo e vou errar mais vezes, mas entendo de futebol e também da M que estão fazendo com o Grêmio.

    Melhor errar em algumas palavras do que ser cego e não ver o que está sendo feito

    Avrazão Karlos

  41. Particularmente, não tenho restrições aos produtos da puma, gosto bastante. A puma fez modelos muito bonitos para a copa, como o da Itália e da Suiça. Junto com a Adidas, são os modelos de maior qualidade atuais.
    O problema está realmente em quem aceita ou deveria aceitar os modelos propostos. Visivelmente essa pessoa não valoriza detalhes fundamentais que caracterizam a história do clube e a identificação que a torcida tem com a imagem da camisa.

    Vejo que respeitando alguns detalhes básicos, a Puma e a atual direção poderiam ter feito uma camisa histórica, como proposto aqui:
    http://gremio1983.blogspot.com/2010/03/camisas-2010-sugestoes-de-melhoria.html

    Itens a serem respeitados na tricolor:
    – Largura igual das linhas azuis e pretas
    – Distintivo grande e em cima de uma listra preta, para melhorar a visualização
    – Escala de cores padrão
    – Número em branco

  42. Senhores, não sejamos tão radicais, por favor! A nova camisa nr. 1 é bonita. Concordo com o Bernardom. Sim, tb acho q a mais bonita dos últimos anos foi a da libertadores 2009. Belíssima! No entanto, penso q temos sim de inovar para vender nosso produto. No ano que vem teremos novo modelo. Enquanto isso bateremos novo recorde de vendas, pois “feia ou bonita” é A CAMISA MAIS LINDA DO MUNDO!! Pensem comigo: como o TA inovará em termos de camisa? Mudando listas? Claro que não! A única forma é clarear sua cor: de encarnado, para morango ou rosa choque!! Sejamos menos intransigentes, parceiros!! Quanto às manifestações insistente contra o DUDA, apenas um registro: há muito não ouvia um Presidente ser tão claro e brilhante quanto foi o DUDA qdo entrevistado, após o RIDÍCULO JOGO de sábado. Querem maior clareza? Para o mandato fechar com chave de ouro, temos de vencer a COPA DO BRASIL, O GAUCHÃO e a SULAMERICANA, além de irmos bem no Brasileirão!!! DUDA, estou contigo, criticando SIM (e muito), mas reconhecendo tudo que estás fazendo pelo MAIOR CLUBE DO SUL DO BRASIL!!

  43. 1º Concordo com o Josias: lançamento e a apresentação da nova camisa, nunca foi tão chinfrim, ainda mais em uma partida de gauchão contra um time sem nenhuma credencial,e sem interesse, a não ser o lanterna geral, e com um público pequeno.

    2º A camisa não é tricolor, e sim bicolor.

    3º Se a direção não se antenar, e trocar logo o Silas por um treinador, irá se lamentar muito, pois gauchão e copa do Brasil vai pro saco, até agora não mostrou nada o Silas,pois tomar sufoco do Porto Alegre? É brincadeira, time sem meio campo, mal posicionado, sem tatica, sem esquema definido,subistitui errado, jogadores que não tem o minimo de condições de jogar pelo Grêmio, além de criticar o Mario Fernandes, que além de Victor é o outro craque do time, Silas tem muito que aprender ainda, não pode treinar o Grêmio, pois até o momento não fez o time jogar uma partida que convencense, pelo contratio só tem levado sufoco, ganhou o 1º turno levando o mair sufoco do Noia, é brabo. Direção acorda enquanto ainda é tempo, pois se continuar assim a 2ª divisão irá ficar cada vez mais próxima.

    4º Estão deixando o presidente Duda sózinho, pois todos os movimentos estão se mobilizando para as eleições, quando na realidade deveria ser de união, pois temos que ganhar este titulo da Copa do Brasil e voltar a Libertadores no ano que vem.E no Brasileirão procurar fazer uma boa campanhã, e montar uma equipe para ganhar a libertadores. Assim é fácil criticar que esta tudo errado, sempre foi assim todos criticam, mas depois de eleitos continua tudo igual, sem titulo nenhum, nem de gauchão.

  44. O problema não é o Duda Kroeff. Votaria nele de novo naquelas circunstancias.
    Problema é a ” Ditadura Meira “: quem contratou o Silas foi o Meira, quem cobra do Silas é o Meira. Quem descartou o Adilson Batista foi o Meira, quem insiste com a escalação do Rochembach é o Meira, etcetera…
    Estamos – nós gremistas – nas mãos do Meira: que destino!
    E ainda tem o Carlos, que quer corrigir herros di portugueis..

    cbimbi

  45. cesar quem manda no clube é o Presidente, vi com bons olhos que ele reagiu sábado; demite o Silas e bota qualquer um pode ser até o Rospide pior não vai ser ele tem todo gauchão pra arrumar a casa e fazer o simples

  46. Paulo Goldin,

    Quanto ao teu 4º item só tenho uma observação, porque não houve essa união quando estávamos no 1? lugar do Brasileirão em 2008.

    Falar é barbada. Agora falam em união.

    Sempre disse para o Bernardon que perdemos aquele Brasileira não por culpa do Roth e sim por culpa daquela eleição em plena reta final de campeonato.

    Vcs lembra que o diretor de futebol o Odone já era da oposição que havia ganho a eleição.

    As eleições devem ser em Janeiro, quando não está se disputando nada e se pode avaliar o desempenho.

  47. Entendo que a camisa tenha que ser a tradicional com listras mais finas, estilo a de 2005. Todavia, do jeito que estão as coisas naquilo que é a razão de existência do clube, isso tá longe de ser uma preocupação. Quem joguem de camisa do pato donald, com essa bicolor, mas joguem!
    Impressionante como o Rospide botou a gurizada pra jogar na reta final do brasileirão. A gurizada! Treinador que ganha muito parece sempre desdenhar a gurizada que ganha pouco e, no caso, também quer muito. Isso vem desde os tempos do Mano.
    Em tempo, nenhum meia ainda encaixou. Douglas Costa se foi. Não é oportunismo. Sei, estaríamos precisando de $, mas não consegui aceitar aquela de que “vendam enquanto ainda é promessa.”
    TEM QUE VALORIZAR A GURIZADA DA BASE!

  48. Meu amigo Bimbi, tu estás à meira de um ataque de nervos.
    Ainda vamos acertar o time e conquistar tíitulos importantes.

  49. Muito passa pela amarga e antiga dívida do clube, o time com contratações possíveis de bons jogadores, mas liberados pelo São Paulo, do Avai, egressos de lesões. Douglas, investimento de exceção. Isso exige organização, trabalho, preparo físico a mais em relação a elencos mais caros. Realismo, proteger o sistema defensivo com meio campo pegador , muito preparo físico, poucas lesões, criatividade.
    Diferente do Barcelona que até abre mão de patrocínio na camisa, apenas Unicef por motivos sociais.

  50. 62% dos gaúchos, 70% de Criciúma e Sombrio e milhares de gremistas em todo o país. Ainda acredito. Vamos acertar o time e obter grandes títulos.

  51. Interessante a tua opinião Alfredo Carlet. O meio de campo precisa ser mais pegador e ter dois marcadores. Acho que o FR pode até ser o terceiro no meio de campo, mas não o segundo. Em princípio, Fernando e Adilson poderiam ser os marcadores.
    Um abraço a todas as mulheres gremistas, neste 8 de março, em especial as amigas Rosa Foresti, Ema Coelho de Souza e Ângela Tavares.

  52. Sem a intenção de “pegar no pé”, acho que os responsáveis pela preparação física do Grêmio, pai e filho, têm a obrigação de vir a público explicar a origem da série de lesões musculares: Leandro, Borges e Hugo. Início de temporada? Isso é brincadeira!! Vejam o “co-irmão”!! Estou aguardando as devidas explicações!!! REITERO: o Grêmio não é laboratório para proficionais iniciantes!!!

  53. Cara, agora quem vai falar é um leigo no assunto!!
    Ano passado não tínhamos lesões musculares mas no entanto o time visivelmente cansava no segundo tempo. Esse ano temos lesões mas vejo uma preparação muito melhor! Se não me engano naquela época de 95 em diante, também tínhamos muitas lesões musculares mas o time voava em campo!! Alguém poderia confirmar ou me corrigir, se for o caso?
    Abraçoss

  54. André,

    Tenho a mesma impressão tua. Quando o Paixão tava nos macacos as lesões tb eram frequentes. Deve ser por característica de trabalho dele, puxando mais no inicio da temporada pra chegar forte até o dim do ano.

  55. Sidnei,
    Em todos os setores tem que haver situação e oposição pois vivemos em um país democrático. O que penso é que no momento que fulano de tál for eleito, tem que juntar todas as forças e se unirem em pról do clube na parte administrativa e futebol, e buscar títulos, faixa no peito, taça no armário, e não promissórias para pagar. Acontece que os movimentos não pensam assim, cada um quer aparecer mais que o outro, pois o Grêmio da mídia, e todos querem estar na mídia, por isso que o clube não ganha mais nada, nem gauchão e tem tomado pau dos colorados nos grenais. Assim como penso sobre a Arena tricolor, tomara que de certo, tomara, mas estou com muito receio.

  56. porra daí é prá me matar, amigos Vitor e Rafael: a culpa então é do Paulo Paixão!!!! então o Meira tinha razão em não querer contrata-lo!!!!!!!!
    porra, mais essa…

    cbimbi

  57. Cesar,

    Talvez meu comentário tenha ficado como uma crítica ao Paulo Paixão, mas não foi minha intensão.
    O trabalho dele é o melhor do Brasil e não tenho do que reclamar em 2010 na preparação física. Em relação a 2009, melhorou muito, corremos mais e não morremos no 2º tempo.
    As lesões do Souza e Lucio são acidentais, não tem relação com preparação física.

    Só comentei sobre a coincidência de que quando ele trabalhou antes no Grêmio e nos vermelhos, as lesões tb aconteciam bastante…

    abraço!

  58. puta merda, Hugo fora por 3 semanas!
    Ao menos tão falando no nome do Pessali, o negócio é aproveitar o momento e subir a gurizada!

    Victor (Marcelo)
    Edilson (Joilson)
    Mario (Rafa)
    Rodrigo (Mauricio)
    Fábio Santos (Bruno)
    Adilson (Ferdinando)
    Magrão (Roca)
    Maylson
    Douglas (Pessali)
    Jonas (Mithyuê)
    William (Bergson)

    Esse é o grupo até abril, medo!

    fora: Borges, Leandro, Hugo, Souza, Lucio e Ozea

  59. Pelo andar da carruagem, tem muita gente sem tomar café da manhã corretamente no Olímpico. Já temos meia equipe lesionada. E o rapaz aquele, o faltoso ao café, ainda de pé; ainda que no último jogo tenha acusado dor na coxa.
    Oremos.

  60. tá mas querer cornetear até café da manhã é f+++!
    quem sabe algum reporter descobre como, quando e quantas vezes os caras cagam e peidam por dia, prá que o publico leitor-ouvinte possa criticar tbém?!

    cbimbi

  61. BIMBI, só um pouquinho, caro amigo! Uma coisa não tem qq relação com a outra, ou seja, falta de comando e método de preparação física não se confundem! Estou apenas solicitando atenção e explicações para a terceira lesão muscular em 7 dias. Apenas isso, caríssimo Bimbi. Mas será que as lesões musculares tb são de responsabilidade do Meira? Não contesto tb o trabalho e a competência do Paulo Paixão, todavia algo pode estar acontecendo, pois não é aceitável 3 lesões em 7 dias. Obviamente que estas considerações são de um cara (eu) que não conhece nada de fisiologia ou fisiatria que seja. Acho que, independente de nossos currículos, todos temos de estarmos INTEIROS em tudo que fazemos. Entendo que minha crítica visa à construção. Temos de acompanhar TODAS as áreas do clube que adoramos. Para encerrar, registro que, como vcs todos, considero o Paulo Paixão o melhor preparador físico do País, mas não pode estar imune a críticas. Apenas isso, parceiros!!

  62. Receio o Paixão estar focado mais na CBF, isso não pode nunca.
    Cores oficiais do Grêmio: azul celeste , branco, preto.

  63. Acho – como quem pratica achismo – que, independentemente do fato de o preparador físico de fato do Grêmio ser o Ânderson Paixão e de o seu pai fazer as vezes de um diretor de futebol, algumas dessas lesões não referem-se a um mau preparo físico.

    Na minha opinião, como o plantel do Grêmio é relativamente equilibrado do meio para a frente, alguns jogadores andam se esforçando demais por um lado e, por outro lado, há parte do grupo que não tem dado tudo o que pode no Gauchão com medo de se lesionar.

    []’s,
    Hélio

  64. Até curar lesão muscular, mais recuperar condicionamento físico, em média, ficamos sem o jogador por dois meses .
    Nunca vi time médio vitorioso sem pegada, sem correr mais que os outros

  65. Não existe culpado amigos, agora que tem preparação os atletas mau preparados estão dançando.

    E outra, lesionar-se é uma coisa relativa, no futebol os caras estão sujeito a vários tipos de lesões. Por isso o grupo tem que ser forte e o trabalho de preparação física também.

    Faz dois meses que Paixão Family colocou a mão no Grêmio e os caras estão fazendo o trabalho que deve ser feito, o problema é que os atletas não estavam preparados como deveriam. Então amigos, as lesões aparecem e é o que está acontecendo.

    Fora SILAS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.