Eu não disse?


No post de ontem no pré-jogo eu havia cantado a pedra de que estava pessimista com relação ao futebol do Grêmio na partida frente aoAtlético MG. Acertei, story uma pena.

E olha que nem acho que a culpa toda ontem foi do Celso Roth, apesar de não ter entendido as substituições feitas pelo treinador. Colocar Leandro no lugar de Rochemback levou o time mais a frente, quando já tinhamos um jogador a mais em campo, porém depois, as entradas de Gabriel no lugar do Marquinhos e do Everaldo no lugar do Mário fez uma mistureba no time e faltou um pouco mais de organização para aproveitar a vantagem numérica, e ainda assim, tomamos um contra ataque fatal que definiu a derrota fora de casa.

Douglas jogou bem, Mário também. Marquinhos, Julio Cesar e Escudero regulares e os demais foram apenas espectadores privilegiados. O time fora de casa parece sem força, desastrado e sem vontade pra almejar alguma coisa. Está difícil motivá-los fora de casa e isso atrapalha demais o rendimento.

Pergunta: Se Miralles voltou a Porto Alegre na sexta-feira e o jogo era só no sábado, não dava tempo do argentino viajar e jogar? Será que a falta da concentração iria fazer ele jogar menos do que André Lima?

Caímos para a segunda página da tabela com os resultados deste domingo e estamos apenas contando os jogos para o fim do ano. Uma pena, mais uma vez, outro ano desperdiçado e sem títulos. Sigamos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.