É CAMPEÃO…É CAMPEÃO

 

No último sábado, healing 16/01, sickness   as Categorias de Base do Grêmio conquistaram mais um título.  Foi o 1º Título Nacional do ano.

A equipe tricolor Pré-Infantil disputou a final da 15ª Copa Brasil de Futebol Infantil – Votorantim 2010 contra o Palmeiras, vencendo a equipe paulista com um gol na prorrogação e levou o título de maneira invicta.

Parabéns aos jovens atletas tricolores e ao Diretor das Categorias de Base Paulo Deitos.  

“ACOMPANHE OS MELHORES MOMENTOS”:

Aos 14 minutos, falta na intermediária para o Grêmio, Severo vai para cobrança e exige boa defesa do goleiro Bruno, que joga para escanteio. Na seqüência ele, Bruno aparece novamente com bela defesa. Na etapa inicial o Palmeiras se manteve mais na retranca, para segurar a pressão do ataque gaúcho. Já aos 26 de jogo, o zagueiro do Grêmio, Aldo, perde um gol ao ficar de frente com o goleiro Bruno. Assim terminou o primeiro tempo, Grêmio 0x0 Palmeiras. No segundo tempo. O Grêmio voltou ao ataque e aos 7 minutos, Igor bate cruzado, mais uma vez levando perigo ao gol de Bruno. A partir dos 12 minutos, o Palmeiras começou a gostar mais do jogo e passou a tocar a bola e se arriscar mais na finalização. Aos 23 minutos, o Grêmio ficou com um jogador a menos, com a expulsão do zagueiro Aldo. Em seguida, Igor escapa Aos 20, Aldo do Grêmio é expulso e em seguida Carlos, perdeu grande oportunidade e mais uma vez brilhou a estrela do goleiro Bruno. Com 30 minutos, Leonardo do Palmeiras acerta bom chute cruzado, e o goleiro Matheus está atento e faz boa defesa. Aos 7 minutos, Yuri recebe na frente, tira do goleiro Bruno e abre o placar. A partir daí o Palmeiras vai para o ataque e consegue segurar o placar. Fim de jogo e o Grêmio conquista seu segundo título na Copa Brasil de Futebol Infantil. GRÊMIO 1 X 0 PALMEIRAS

Grêmio: Matheus; Ramon, Bruno, Aldo, Thiago e Severo; Carlos (Cambraia), Matheus e Deivison; Yuri e Igor. Técnico do Grêmio, Ricardo Colbachini

Palmeiras: Bruno; Leonardo, Kelcy (Bruno), Matheus Pelegrini, Matheus Sales e Lucas Nishioka; Lucas Taylor, Fabrício e Cristhopher; Roberto (Henrique) e Hugo (Arthur). Técnico Márcio Vicente Rodrigues

Disputaram a Copa Brasil os seguintes clubes: Grêmio, Fluminense, Corinthians, Paraná, Vitória, São Paulo, Seleção de Votorantim, Vasco da Gama, Cruzeiro, Portuguesa, Desportivo Brasil, Botafogo, Coritiba, Fortaleza, Palmeiras, Olé Brasil,  Atlético/MG e Internacional.

 

Participe da discussão

13 comentários

  1. E a ZH não deu nada, e o CORREIO deu 7 linhas, numa coluninha colateral.

    é o que todos dizem: de 2 em 2 meses inventam um novo-Ronaldinho Gaucho no Bera-lago.
    Já foram os gemeos, já foi Guto,Porcelis,Taisson, Tales Cunha, Tales-2, Roggia, Marquinho, ontem pintou mais 2 super-craques.
    Só que o Gremio é bi-sub20, Campeão BH 2008, campeão Infantil etcetera e ganha deles em tudo, na base…
    aí tem coisa…

    cbimbi

  2. Pessoal, sinceramente, se não é o blog anunciar e até narrar os melhores momentos, ninguem ia fica sabendo disso.
    Parabéns aos moderadores por garimparem essas informações sobre a gurizada tricolor.

  3. Cesar, não é só na imprensa que não teve informação. No site oficial do Grêmio essa conquista não foi anunciada, nem comentada.
    Só aqui no blog e uma notinha no Grêmio Acima de Tudo.

  4. MAS É BOM ESSE ABNEGADO!!!
    Contra todos os críticos, Paulo Deitos vem fazendo um trabalho que não apresenta erros.
    Nossas categorias de base estão acumulando títulos e mais títulos.
    E pensar que não faz muito tempo, as viúvas praguejavam contra o excelente trabalho do abnegado Paulo Deitos.
    O Meira que se cuide, pois É BOM ESSE ABNEGADO!!!

    Ah, Bimbi, não achei absolutamente nenhuma notícia, nota, comentário, fofoca ou coisa do gênero no site do Grêmio sobre MAIS ESSA CONQUISTA da Base. Posso ter visto errado, mas não tem nada.

  5. Venho dizendo há algum tempo aqui neste blog que o elemento mais importante na formação de uma personalidade vencedora é a sua obstinada busca de superação dos obstáculos. No futebol chama-se a isto: vitória. Eleva a auto-estima do atleta e o valoriza, dá visibilidade e reforça o caixa do clube e enche de alegria a nós, inveterados torcedores que nela depositamos nossas esperanças. O foco deste esforço do clube com o futebol em suas diversas categorias deve ser sempre a superação do adversário no campo de jogo.
    O Gremio é um clube de futebol, portanto, somente as vitórias e, conseqüêntemente os títulos, lhe dão e darão sustentabilidade e credibilidade. Para alcançar estes objetivos o clube investe nas suas categorias de base, garimpa talentos em projetos conveniados, contrata jogadores com currículo vencedor e faz negócios dos mais variados com que finalidade? Vencer, vencer, vencer! Portanto, não nos iludamos de que estes jovens atletas que ganharam de forma invicta a Copa Votorantim, mais tarde venham a nos deslumbrar com seus dribles e jogadas de efeito no time principal. Afinal de contas, não é segredo para ninguém que quem manda no futebol é o mercado. Quem tem mais, pode! Regozijemo-nos, então, com estes breves momentos de vitórias e de felicidade que nos restam e com alguns milhões de euros que esta gurizada proporcioná ao clube daqui a alguns anos e cuja finalidade maior é “tapar os buracos” de más administrações passadas. Oremos, então. Quem sabe, um dia, a “incubadora tricolor” possa fazer bom uso de sua exuberante criação, aqui em casa.

  6. Que vitória fantástica, de forma invicta e em São Paulo contra os melhores. Esse feito tem a mesma relevância da conquista dos gaúchos na Revolução Constitucionalista de 32 em São Paulo.
    Valeu Deitos. Parabéns a ti e a tua competente equipe.
    A dona Ema deve estar preocupada. Vai faltar espaço para tantas taças.

  7. Minhas sinceras congratulações a todo grupo de jogadores do Pré-Infantil do Grêmio, à toda comissão técnica, aos dirigentes que acompanharam a turma campeã e especialmente aos queridos amigos e dedicados Paulo Deitos e Marcos Chitolina. O Grêmio necessita de “profissionais amadores” como esses que estão trabalhando com comprometimento pela Instituição, desde as categorias de base até os profissionais. Fico feliz em assistir a uma verdadeira transformação no clube. Basta seriedade! Basta dedicação e busca de interesses coletivos! A Instituição Grêmio está, passo a passo, sem atropelos, sem arrogância, com muita humildade e trabalho, no caminho do bem; no caminho certo! Tenho certeza que 2010 nos trará grandes vitórias e conquistas! Mais uma vez: PARABÉNS DEITOS!!

  8. o Grêmio é BI-campeão da Votorantin, o brasileiro da sub-13.
    Há uns 2 anos atrás, vi uma reportagem no Correio do Povo, se não me engano, sobre um guri chamado Yuri.
    Vinha com um comentário de um diretor da época (não lembro qual) fazendo a famosa comparação de que esse joga mais que o Ronaldinho…
    Se chegar perto do Anderson, Cadu, Douglas Costa já ta mais que bom!

  9. não te falei, Bernardon? :]

    o Yuri não é um negrinho de apelido Mamute?
    pena que perdemos aquela jóia rara do filho do Assis, futuro Pelé, conforme a manchete de contracapa da prensa na época…
    e agora?? quietinhos…

    cbimbi

  10. 1) PARABÉNS PAULO DEITOS, MAURO, EDSON AGUIAR E A TODA A SUA EQUIPE DE COLABORADORES! ;)

    2) O site do Grêmio todo preto está difícil de ler, pois o corpo da fonte é muito pequeno e cinza.

    O sistema de buscas do site é impreciso, pois não se encontra quase nada nele. Isso faz com que o trabalho do Departamento de Comunicação e Marketing quase desapareça, piorando ainda mais a sua imagem – neste caso, sem que mereça.

    Não adiantou nada eliminar aquele menu em Flash que não contabilizava audiência e não funcionava em todos os navegadores se não se investiu em CEO (aportuguesando: técnicas de aumentar a audiência elevando o ranking das páginas criadas pelo Grêmio no Google).

    O layout, apesar do fundo preto e de terem usado um efeito de relevo no distintivo, ficou muito mais bonito. De qualquer maneira, o Grêmio ainda não mudou em termos de valorização e de prioridade para determinadas seções. A história do clube é riquíssima e isso não é contemplado.

    Além disso, deveria haver um blog institucional pra pegar feedback das informações de quem comenta (algo que poderia ser ainda mais rico do que as informações que o Minwer minerou pra ajudar o QS http://colunas.globoesporte.com/minwer/2010/01/19/por-que-nao-sou-socio-do-gremio/#comment-69723 ) e para que o torcedor conhecesse os dirigentes, gerando o que esta gestão mais precisa, que é EMPATIA.

    Tudo o que sai detonando o Grêmio na mídia não precisa ser respondido lá: publica no site do Grêmio a resposta. Afinal de contas, é pra promover e preservar a instituição em aspectos comunicacionais que existe assessoria de imprensa, não?

    []’s,
    Hélio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.