De Colaborador: Paternalismo ou profissionalismo: To be or not to be?

A recente entrevista do jogador Souza em um programa de rádio, sales queixando-se publicamente do comportamento da direção do Grêmio que se negou a arcar com os custos  totais de uma cirurgia realizada  por sua livre e espontânea  vontade  no centro do país,  trouxe à baila um assunto polêmico que tem suscitado as mais controversas opiniões.

 Os argumentos dos dirigentes gremistas baseiam-se no belo plano de saúde e na assistência direta que os profissionais médicos do clube –  reconhecidos nacionalmente por sua competência  – prestam  aos atletas e a seus familiares.  Além do mais, o clube se prontificou a pagar 50% das despesas com a cirurgia e enviou a São Paulo um de seus profissionais da área para acompanhar o procedimento.

Já o jogador, se disse chateado com a atitude dos dirigentes, pois no seu entender, a escolha não deveria ser erroneamente interpretada como uma rejeição pura e simples aos serviços oferecidos pelo clube, e que sua decisão se justificava pela confiança que nutria pelo profissional que em ocasião recente havia realizado similar procedimento  em uma de suas pernas.  Disse ainda, que no seu entendimento, a negativa do clube de arcar com toda a despesa, era uma falta de consideração com sua pessoa.

O assunto põe em debate o paternalismo e o profissionalismo dentro do futebol. Onde começam e onde terminam os direitos e as obrigações de cada parte? Com a palavra…

Saudações gremistas.

Darcilio Eduardo Messias

Participe da discussão

23 comentários

  1. Ele quis escolher médico, ent|ão que arcasse com TODAS despesas, uma vez que tinha aqui todas as condições de ser assistido. Se a desculpa era que esse médico o tratou antes, ele qeu fosse ao SUS lembrs tempos em que comia só farinha no NE, como ele mesmo gosta de contar.

    Reclamar de ter que pagar o tratamento é um desaforo a nós torcedores.

    Dado ao histórico, ele não volta a jogar esse ano, quando acaba o contrato?

    Atitude dessas merece recisão de contrato, com orepercutiu isso no vestiário:? E a hierarquia.

    Mas ele se acostumaram assim , com os tapinhas nas costas. São expulsos de campo e protegidos, pedem passagens aéreas, ingressos, tudo por fora para o clube. Culpa dos cartolas nacionais

  2. Bueno, se ele foi informado que o clube só pagaria 50% da cirurgia sendo esta feita fora do clube e mesmo assim ele foi na imprensa se queixar, é um baita mau caráter! E também, se for verdade que um médico do clube acompanhou a cirurgia e que este tem notícias diárias da recuperação do Souza, então ele é mau caráter dobrado por dizer que ninguém do clube quis saber da sua situação!
    Acho que esse tipo de jogador tem que mandar embora. Causa mal estar no clube, com os colegas e deixa a direção numa situação de ter que ficar explicando tudo!!
    Ele que vá pro diabo…
    Abraçoss

  3. Ao ter decidido operar fora, o Grêmio devis tê-lo feito assinar um documento sobre o assunto…. fulano de tal abre maão de …. por isso, isso e isso em contrapartida o clube pagará tanto…

    Aí ele não teria posto a farinha no ventilador. Se pussesse era só vazar o paple par imprensa, como o SCI fez como opré contrato do Guinazu.

    Mas tudo isso só aconteceu porque a Assessoria de Impresna do Grêmio deixou, hoje em dia entrevista desse tipo é marcada com o clube? ou não? Fora isso já falei sobre isso, não há politica para dar entrevistas, no último jogo o Hugo entrou numa polêmica desnecessária…

    Porque não treinam os caras, pra falar o bom e velho professors, se deus quiser etc, etc, etc

  4. Tinha mais era que pagar tudo. O clube oferece plano de saúde e ele recusou.
    A cirurgia dele podia ser feita aqui, onde temos excelente médicos na área. Foi de fresco que é, então que se dane. Eu ainda dava um esporro nesse merda por ir na imprensa falar mal de quem paga o salário para ele apresentar esse futebol de menina moça.

  5. A obrigação do clube era dar assistência médica ao atleta. Foi ofertada. Qualquer plano de saúde tem seus credenciados, fora dele o associado arca, inteiramente, com os honorários médicos ou é reembolsado apenas de parte, em geral de percentual muito baixo. O Gremio, no caso dele, agiu corretamente, a queixa dele … o Souza se queixa de tudo. O que o G fez os clubes em regra fazem. Ai é que está a questão: em regra …
    E é aqui que tem uma coisa que precisa ser bem ressaltada. Se todos os clubes agissem assim com TODOS os atletas nota 1 000, é o que acontece com todo e qualquer trabalhador. Mas e quando isto ocorrer com o xodózinho da Agremiação e ou da Torcida como é que será, seria, ou fica ? O Souza, sabe-se, não é xodó de ninguém. Mas vejamos assim, o Robinho, hoje, é a figurinha do Santos, o Adriano do Flamengo, o Ronaldão do Corinthians, nós temos nosso Vitor num patamar bem menor de protecionismo de clube, torcida, midia e etc. Se um desses xodozinhos tiverem uma lesão e disserem assim: olha eu vou me operar com o Dr. Fulano lá no Canadá …. E ai ? Como seria feito ? Ai é que tá o furinho da bala ! Dizer, o Souza não merece etc não explica nada nem tudo. Estamos falando de ´conduta`, de principios, de filosofia de trabalho de uma Associação, de uma Agremiação. Se o Maxi Lopes tivesse aqui, ficasse dodói, adorado pela Geral, e disesse assim: olha, só opero com Sir. Gardelon, lá em Buenos Aires, como o G reagiria ?
    Pois é, me respondam então ….

    De qualquer forma, o mundo sabe, que me medidicina esportiva Porto Alegre e Campinas são referencias. Campinas tb é referência para outra coisa ….

  6. Como já foi falado aqui antes, o que me preocupa é que toda semana tem um jogador do Grêmio falando mais que devia, e NUNCA vem reprimenda por parte da diretoria. já foi assim com souza, hugo, perea, etc.

    cabe a diretoria das um jeito de controlar essas entrevistas. e, no caso específico do souza, multa-lo por ferir a imagem do clube, além da diretoria vir a público explicar o caso de seu ponto de vista, nem que seja no site do Grêmio…

  7. Estou decepcionado com o Souza. Mostrou-se uma dondoca. Tratar com boleiro é dose. Prá mim tinha que dar uma baita multa no salário desse boçal. (Digo isto porque também não tenho a mínima idéia sobre quando uma multa é pertinente, nem sei se há legislação para isto).

  8. No último jogo foi o Hugo que disse que não aceita ser reserva. Tudo bem que mostra que ele não se conforma com a reserva e que tem força de vontade para vencer, porém deixa entender que se ele ficar na reserva ficará descontente no clube.
    O que a direção diz a respeito??
    Se cala e deixa os boleiros tomarem conta!
    O Souza deveria ter sido prontamente repreendido, com a direção mostrando todos fatos que levaram o jogador a escolher uma cirurgia fora do plano de saude do Grêmio e as consequencias disso.

  9. Josias, eu te respondo.
    Azar do Victor! O jogador, seja ele quem for, é funcionário do clube, se adapta ao contrato que assinou.
    O que se deve fazer é um contrato de acordo com o jogador. É isso! Não pode é pagar 20 mil pro Mário e 200 pro Rochembach. Ou não??

  10. Entendo pela abordagem em, pelo menos, 2 (dois) pontos: 1) o Souza, ao expor tal situação, faltou com respeito à Instituição Grêmio. Nem comentarei se o Grêmio deveria pagar ou não (eu acho q não deveria pagar NADA). 2) a Assessoria de Imprensa precisa trabalhar, e muito, junto ao vestiário.

  11. Anderson. Eu concordo contigo inteiramente. O que eu disse, ou questionei, é: os clubes agem assim com as suas grandes estrelas ? Uma coisa é o que eu teu achamos outra é como os clubes se comportam. Esta é a questão.

  12. Lição de casa: pôr essa cláusula no contrato de contratação. Se o boleiro quiser se operar com Dr. Fulano no Hospital Geral da Bessarábia, vai morrer com o custo TOTAL sozinho. Se quiser fazer o tratamento c/fisioterapeuta Beltrano na cidade natal de Cacha-Pregos, “morre” com toda a despesa.

    A obrigação do clube é provê-lo com a melhor estrutura existente disponível. Se comprovada a excelência de médicos, hospitais, fisioterapeutas, etc. daqui, uma escolha diferente é de responsabilidade única do “bonito” e deu pros cocos.

    A assessoria de imprensa tem obrigação de defender a imagem dos colaboradores e da instituição como um todo evitando ao máximo que se fale besteira. Essa é uma regrinha primária dessa disciplina na graduação. O chefe não precisa nem mandar.

    []’s,
    Hélio

  13. Tem que mandar o Souza embora. Ele é a laranja podre do grupo.
    Chega de reclamar e não corresponder.
    O Grêmio tem um dos melhores departamentos médicos do país e o jogador que fazer cirurgia com outro e que o Grêmio pague.
    Chega.
    Pior é que ninguém vai querer um velho reclamão em fim de carreira.

  14. Um dia os clubes terão de reavaliar suas atitudes em relação a contratos e valorizações profissionais, frutos de inversão completa de valores. Essa tal “valorização” é a alegria dos representantes, procuradores, agentes, administradores e cercanias, dos jogadores. Tratados a pão-de-Ló, sem outro compromisso do que com eles mesmos, ainda recebem o tal direito de imagem (à custa do clube que o emprega e que lhe dá visibilidade). E quando vão mal, ou se acomodam, a equipe perde, a desculpa de sempre: precisamos levantar a cabeça (um dia ainda terão fratura da cervical por essa razão) e trabalhar mais (mais o que?). Souza é apenas mais um e não será o último, e nenhum departamento ou assessoria mudará isso. Pode no máximo reduzir um pouco o impacto. Pois essa é apenas a consequência. A causa é outra e é a que precisa ser solucionada.

  15. ( DO VICTOR 100% ou 50% , DO PASSE ??? ). ” BOM MESMO FOI VER OS COMENTARISTAS DO SPORTV , SENTADOS EM CADEIRAS DE PLASTICO . de BUTECO , LAMENTAVEL ” . E DEPOIS QUEREM SER SEDE DE COPA e DOZE NEEEEE . ( O SUCATAO AMARGO MORREU ????????? ) .

  16. Na boa, o Souza só fala, jogadorzinho.
    Manda embora e que vá se recuperar lá no raio que o parta, este loco é muito nhenhenhé. Sempre tem algo a falar e jogar que é bom e levantar TAÇAS nada!!!!!

Deixe um comentário

Deixe uma resposta para LUIS Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.