De Colaborador: Jornalistas: Seleção Do Campeonato

Campeonato gaúcho chegando ao fim. Como sempre acontece, pharm a mídia prepara a sua seleção. Apontando os 11 melhores jogadores – sem contar que escolhem também treinador, for sale dirigente etc, shop normalmente tentando fazer uma média com a torcida buscam equilibrar jogadores da dupla. Mas em geral não resistem e invariavelmente sempre os vermelhos ganham um ou dois a mais. É do jogo: mesmo nos anos que ganhamos, isto tem acontecido. Há anos. 

Nos jornais estampam-se os onze melhores, mas nas rádios a coragem ganha asas e cada um tem o seu “onze piores”. Não fica registro, salvo nas gravações dos programas, que ninguém pede, mas a seleção dos ditos “pernas de pau” sempre é feita. Ora, isto autoriza o torcedor a fazer, no final do campeonato – e autoriza os boleiros, os dirigentes etc – a seleção dos seus 11 melhores e piores jornalistas.

Acho que está na hora de começarmos a fazer isto, uma espécie de troféus Oscar e Framboeza do jornalismo. É possível que isto os ajude a melhorar, ou piorar, ano a ano , mas também é possível que isto os faça entender que nós, torcedores, ouvintes e expectadores, também temos opinião sobre o trabalho que eles desenvolvem e que a audiência, por si só, não aponta a avalição de agrado ou desagrado. 

Evidente que, como em tudo do tipo  estas “seleções” são constituídas de critérios subjetivos, mas todas as seleções são assim escolhidas. Eu tenho meus 22, e vocês ? Digam as suas seleções.

Os 11 melhores

1. Marcão (narrador da Gaucha tá matando a pau)
2. Professor Ruy Carlos Osterman – não precisa comentário adicional
3. Eduardo Gabardo (sério, sem frescurinhas e tendências acintosas, desenvolve o trabalho dele com competência e discrição, é o que se deseja de um bom repórter)
4. Felipe Gamba (idem ao Gabardo com um faro impressionante para a noticia)
5. Hiltor – já disse e repito, informação, opinião e o único que abre espaço para os dois lados e para a resposta
6. Dal Pizzol (idem ao Gabardo, com mais experiência)
7. Luciano Périco – entende a torcida como poucos
8. Serginho Couto – está sempre de bem com a vida. Não é amargo.
9. Haroldo de Souza. O velho guerrero ainda narra como poucos.
10. Antonio Augusto. O Totonho continua com fôlego de guri.
11. Edgard Schmidt – vê o jogo como poucos.

Chefe de Esportes = Reche 

Os 11 piores

1. Pedro Ernesto Denardim – lembra o Ranzolin em fim de carreira, troca o nome de todo mundo. Está mais para cantor e velho propaganda da Tia Carmen do que para narrador.
2. Zé Alberto. Anda cantando o hino argentino no terreiro do beira aterro pro pato e pro anão brigão.
3. Juremir Machado. O Woody Allen tupiniquim
4. Benfiquinha. Ou Malfiquinha?
5. David Coimbra. O “cara” escreve 200 livros por semana. Alguém conhece alguém que já tenha lido um?
6. Andrézinho. Fez e pagou faculdade mas se esqueceu e pegar a luneta que vinha dentro do diploma em branco enrolado ao estilo canudo!
7. Mauricio Saraiva. Chato. Mediocre
8. Paulo Brito. Chato, mediocre, e não narra nada.
9. Batista, tirando a cena dos olhinhos revirando e dando de testa no chão passou o ano em branco…Pálido.
10. Diogo Olivier. Tirante o secretariado que deu no caso ovelhinhas até hoje não disse ao que veio. Deveria ter ficado na politica do que vir para, como ele mesmo disse, a boca do lixo do jornalismo.
11. Claudio Cabral. Para não dizer que não escuto, vez que outra, a Band – que, por sinal, como rádio esportiva melhorou consideravelmente de uns tempos para cá…Ele até que entende de  futebol, mas estou pra ver voz mais irritante e cara mais chato que ele. Menos mal, é deles!

Chefe de esportes: sem voto. Para falar a verdade não sei quem é na Gaucha e quem e na Band.

E a de vocês?
Sugiro aos moderadores que apontem a seleção final após votação.

Abraços tricolores gremistas (nunca se esqueçam que os de lá agora também são tricolores, encorporaram o cinza). Amém. 

Carlos Josias Menna de Oliveira

Participe da discussão

70 comentários

  1. só uma coisa: eu gosto do paulo britto. é ruim, mas não se leva a sério e chega a ser engraçado ele narrando.

    o dia que ele se levar a sério vira automaticamente um dos piores narradores da história.

    e o cabral era um até o título mundial do inter. depois não conseguiu mais ser imparcial nunca, coitado…

  2. Não vou fazer um time como fez o Josias. Mas vou citar alguns que eu vejo e ouço. Como aqui em Sta Maria só dá prá ouvir a gaúcha (não gosto de ouvir na internet as outras rádios), meu voto ficaria prejudicado.
    MELHORES:
    Narrador- Marco Antônio Pereira
    Repórter- Lucianinho
    Comentarista- nenhum

    PIORES:
    Narrador: Paulo Brito. O homem é uma catástrofe! Nunca vi coisa mais horrenda! Como que ninguém na RBS vê isso?

    Repórter: Zé Alberto Andrade. Simplesmente ridículo.

    Comentarista: Maurício Saraiva. Só fala bobagem. Não manja nada. A pérola dele foi, ao não conhecer e nunca ter visto jogar o Maxi Lopes, dizer que era o Grêmio havia contratado um jogador de movimentação, e não um de área. Se eu pudesse entregaria o áudio prá ele do comentário…

  3. Acho impressionante a mediocridade do Paulo Brito e fico imaginando o que se passa pela cabeça de uma rede que se diz grande manter esse cara narrando. Ele além de não narrar nada tem cara de desanimado, parece que tá num velório. Um horror. O Zé Alberto é um fim do poço. Mas realmente o Marcão tá matando a pau, é bom demais. Mas tem um cara na BAND que imita descaradamente o Haroldo que é uma coisa das mais horripilantes que já vi na vida, Marco Couto eu acho que é o nome do coitado, mas é demais. E como só tem vermelho na BAND não posso deixar de dizer que o segundo pior narrador é deles, o Daniel Oliveira, só perde para este tal de Souto que, este sim, é matador. Montaria uma equipe de jornada de terror com o M Souto narrando, o Cabral comentando, o Zé Alberto Andrade entrevistando. E um padre para me dar a extrema unção.

  4. pô, o melhor do paulo brito é exatamente a ruindade dele… ele é engraçado de tão ruim…

    nem dá pra comparar com os caras da band, que só sabem cornetear o Grêmio o tempo todo…

  5. Dessa turma toda, o único que me parece digno de credibilidade é o professor Ruy Carlos Ostermann. Trabalhei com ele na Associação dos Amigos da Casa de Cultura Mário Quintana e o acompanho desde que era comentarista na Guaíba. Equilibrado, sério e competente, o professor desfila sua sapiência e carismática postura em distintos ambientes, inclusive no futebol. Sei que é colorado, mas, ninguém é perfeito…

  6. Carlos Josias, o Reche é aquele que após o título mundial do Inter em 2006 gritava nos microfones da Guaíba que o Inter era o único campeão mundial do RS, e dizia: É o Blatter que tá dizendo!!!
    Esse é o chefe de esportes da tua equipe?
    O cara fede de tão colorado que é, dá nojo!

  7. pior de todos o tal chico-comentarista-de-arbitragem com aquela antológica:

    ” falta para expulsão do guinazú – entrou prá quebrar a perna- mas… fez bem o simon em não expulsá-lo porque senão estragava o grenal, ia ficar 10 contra 9… desemparelhava ”

    daonde é que tiraram esse cara???

    cbimbi

  8. AOS MODERADORS.PERDÃO. ERREI O NOME DO HAROLDO É DE SOUZA, TROQUEM POR FAVOR….. O SANTOS É O NOSSO LÁ DO GRÊMIO.

    O RECHE DISSE ISTO ??????????????? NÃO ACREDITO !!!!!!!!!!!!!
    SE DISSE, SE ENTREGOU, SEM NECESSIDADE. MAS PREFIRO ACREDITAR QUE NÃO !!!!!!!!!!!!!!!

    DE QUALQUER FORMA, DEVE TER SIDO ATO FALHO, ELE SEMPRE SALIENTA O CAMPEONATO MUNDIAL DO GRÊMIO, COMO DISSE,NINGUÉM EXIGE QUE SE SEJA IMPARCIAL, SÓ QUE NÃO SEJA TENDENCIOSO. TALVEZ UM ESCORREGÃO. ESCORREGÃO POR ESCORREGÃO O DENARDIM SE DIZ GREMISTA E NOS AFLITOS FEZ O QUE FEZ. PAPELÃO, PIOR, ME PROCESSOU, O ADVOGADO FOI O JOSÉ ALDO: O JUIZ MANDOU EMENDAR A INICIAL PORQUE TECNICAMENTE ESTAVA MAL POSTA, MICO QUE ADVOGADO NENHUM PODE COMETER. DEPOIS PEDIU 5 LIMINARES … QUE EU NÃO FALASSE MAIS O NOME DO PEDRO, QUE NÃO FIZESSE MAIS AQUILO, AQUILO OUTRO, ETC…. FINAL: AS 5 FORAM INDEFERIDAS E ELE DESISTIU DA AÇÃO. UM MICO COM A CARA DA SAGUI QUE É A CARA DO BENFIQUINHA. EU RESPONDI: AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH CHORA PERU …

    AI ARTUR LEMBRA A DO GEN. FLORES DA CUNHA ? ESTA É CONTIGO. O GEN. FLORES DA CUNHA, UMA DAS MAIS FANTÁSTICAS FIGURAS DA NOSSOA HISTÓRIA POLITICA ENTRE TANTAS DEIXOU ESTA. CARPETERO DE CARTEIRINHA ADORAVA IR PARA O CLUBE DO COMÉRCIO FUMAR CHARUTO E JOGAR POQUER. COMO TODO JOGO, SEMPRE TEM UM PERU, EM PÉ, OLHANDO O JOGO DE TODO MUNDO. CERTA VEZ O GENERAL ESTAVA COM A MÃO RECHEADA, BARABARA, O PERU ATRÁS OLHAVA E SUAVA…. O GENERAL TINHA A CARTA DA X PARA MATAR O JOGO, E O PERU ALI, CHORANDO… O GENERAL IRRITADO COM O PERU BOTOU FORA A MELHOR CARTA QUE TINHA NA MÃO … O PERU QUASE FOI PRÁ DEBAIXO DA MESA… O GENERAL, POR SOBRE O OMBRO, OLHO PRO PERU E LASCOU:
    SOFRE PERU FILHO DA PUTA !!!!!!!!!!!!!!!

  9. bah, sr josias,tu esta ironizando! so pode, colocar o rech, colorado nojento, de chefe de qualquer coisa, é o mesmo que colocar o simon, para apitar grenal. e o ruy, tem um problema, ele nao da opiniao nenhuma, e ainda, restringe ou tenta censurar a dos outros, como fez com o cacalo hoje, que tentou demostrar os erros do , carlos “ingenuo” simon, rech é de doer !

    e cesar, realmente o chico da rbs tem olhos vermelhos.

  10. Por Favor, não compara o Denardin com o Ranzolin!!

    O Rech é coloradíssimo e chato.
    Benfica(s) são podres.
    Zé Alberto(caolho) Andrade estúpido! Como ainda admitem a presença dele lá no Monumental? Se eu vejo ele lá, ahh coitado!
    Os da BAND só tem audiência vermelha. É pra isso que eles existem.

  11. Providencial a seleção dos e piores jornalistas do campeonato – vou destacar dois:

    1. Zé Alberto – sem dignidade, sem brio, um patife… aquele fato do hino argentino é o cartão de visita dele.

    2. Paulo Brito – uma verdadeira piada…”FEITO”

  12. Tem a Debora de Oliveira, reporter de campo, aquela que interrompe a narração chamando Brittooooo
    Tem também o cara do PPV que narra: É redeeeeee!!

    Mas os piores, com certeza, são os projetos de jornalistas de rádios: Cabral, Rech, João Garcia, Haroldo, Pedro Ernesto, Benfica, Zé Aldo, Zé Andrade, Chico Garcia (esse não esconde a cor…)

    Dos melhores, colocaria também o Jader, narrador da TV

  13. O cara do Sportv é(é redeeee), erra todos os nomes dos dos jogadores! Mas é engraçado e fica agradável com ele narrando.
    O pior narrador de rádio é o Zé Aldo Pinheiro, aquele que muda de tom a cada 5 segundos! (bola no meio campo, ele narra como se fosse atacante x goleiro, cara-a-cara). Péssimo!
    O Maurício Saraiva melhorou muito nos seus comentários de futebol, tá conseguindo ler bem a partida, mas fala muita besteira durante o jogo. Tem que voltar pro colégio ter mais aulas de português.
    Como comentarista de Rádio, o Ruy eu nem comento, porque é “ors concour”. Mas o Nando Gross está se saindo bem. Bom senso acima de tudo.
    Felipe Gamba é um reporter jovem e muito bom.
    Gosto do Ribeiro Neto da Band tb.
    Como programa de rádio (categoria que não foi votada), voto como o melhor o “futebol na geral”, as 19h na Band AM. É muito bom (Eron Dalmolin é um craque imitando Olivio Dutra, Maluf, etc.)

  14. PIORES

    1.Zé Aldo (só grita e não narra nada)
    2.Cabral (quero ver ele falar sem enrolar a língua)
    3.Chigo Garcia (cria do simom)
    4.Zé Alberto (sem comentários)
    5.Paulo Brito (deve ser apadrinhado por alguém da rbs, não é possível um sujeito assim ser narrador)
    6.Mauricio Saraiva (difícil comentar em poucas linhas, ridículo)
    7.Nando Gross (não consegue disfarças a cor)
    8.Andrezinho (deveria vender pipoca no estádio)
    9. Juremir (piada, tenta se igualar a grandes declarando-se inimigo deles – como com o veríssimo e agora com o paulo coelho – não os vê nem de luneta)
    10. Rogério Amaral (lembram desse??)
    11. Leonardo Meneghetti (estendo o voto ao ribeiro neto)

    MELHORES

    1. Danrley
    2. Arce
    3. Rivarola
    4. Adilson
    5. Dinho
    6. Roger
    7. Paulo Nunes
    8. Luis Carlos Goiano
    10.Arílson
    11. Carlos Mighel
    16. Jardel

    Desculpa, mas qdo penso em elencar 11 sai essa seleção automaticamente… hehehehe

  15. Eu não sei o que tanto se gosta desse Ruy Carlos… O cara sempre foi o grade derrotista (GRÊMIO x Estudiantes -Supercopa 1989). Professor? De filosofia pode ser. Ele é um homem culto? Deve ser, mas esconde bem isso quando fala de futebol. É aquilo, algumas pessoas são eleitas sabe-se lá porque e pronto, viram gênios.
    Acho que se confunde muito o profissional com a pessoa. Não julgo o carater deles, até porque não conheço nenhum dos sitados. Mas profissionalmente a mediocridade impera. Só se salva o grande Antônio Augusto, o resto não da pra ouvir nada. Os piores é fácil, pega qualquer ordem e lista.

  16. o pior de todos, pra mim, é o joão garcia. completamente demente esse gordo. queria até saber se alguém do Grêmio fez algo pra ele, porque é impressionante a raiva que ele tem do clube.

    sobre a band: eu ouvi anos atrás (2005 ou 2006) no programa de debate da uma da tarde um ex-delegado e conselheiro do inter (amorim) dizendo que a violência entre torcidas no estado começou porque o Grêmio começou a perder e ir mal, então pra descontar começou a provocar arruaça com os colorados. ninguém contestou e ainda fizeram coro a este comentário esdrúxulo. depois dessa, só ouço a band às 19 h pra rir do eron dalmolin…

  17. Anderson. O Ruy pode ter lá seus defeitos e todos os tem, ninguém é 100% bom e tampouco 100% ruim, mas ele é o UNICO que faz a critica da imprensa, é o único que põe o dedo na moleira deles mesmo e é odiado lá dentro por isto. Aliás foi ele quem chamou a reportagem das ovelhinhas feita pelo Benfiquinha e pelo Diogo Olivier de PATIFARIA. Por isto já merece o meu apreço. Mas seleção amigo, é que nem bunda, cada um tem a sua. Se tu fizeres a tua vai ter nome que eu não gosto e outros que sim, ha mais de jornalisas. 11 ruins é barbada de arrumar = dá prá fazer 3 seleções, o problema é encontrar 11 bons.
    Fernando: a comparação Denardim com Ranzolim foi do primeiro com o fim de carreira do segundo pela falta de visão e a troca de nomes, jamais pela competência em narrar. O Denardim nunca vai lamber os sapatos do Armindo, até porque este era jornalista e o outro é animador de programa de auditório de 5a categoria.

  18. Anderson Kegler, não entendi o lance do jogo Grêmio x Estudiantes 1989, que aconteceu com o Ruy este dia???
    Eu estava no Olímpico esta noite.

  19. Edison Patta.
    Se estava lá, eu também, lembra que perdemos o jogo de 1×0, gol contra do GOMES.
    Foi uma das raríssimas vezes que fui de rádio ao Estádio, ao fim do jogo o Ruy falava coisas do tipo: Agora ficou impossível, o GRÊMIO deveria levar só reservas. O caladeirão de La Plata. Lá ninguem vence o Estudiantes. O GRÊMIO deu hoje o seu adeus a supercopa…
    Era só isso que ele falava. Peguei um nojo disso. Odeio gente que já vai pra luta todo borrado. Ainda mais se, como era o caso, não vai nem lutar. Só empurra o lutador pra baixo. Se é pra fazer isso; CALA A BOCA!!
    É o reflexo da imprensa da época, era só falar de Argentino que os caras se borravam. Repito: Tenho nojo de gente medrosa. É aquilo, se vai lutar entra e luta, ou fica em casa.
    Ah! Para quem não lembra. Estudiantes 0x3 GRÊMIO!
    Então eu dispenso comentários do Ruy

  20. Jornada do Terror – I :

    narrador: Zé Alberto-Zé Aldo ( um tempo pra cada um )
    comentarista: Cabral e Gordo Garcia
    comentarista de arbitragem: Chico
    ( arbitragem: Simon )
    reporteres: Benfica,Reche,
    locutor de anuncio do carmen´s top models: Pedro E.
    palhinha de musica no intervalo: P. Ernesto(!!)

    TV:
    não gostou? não reclama e põe som na TV:
    Paulo Brito , Mauricio Saraiva, Batista
    convidado especial:
    Don Elias Figueroa ( com tradutor ou legendado )

    comentarios intelectualoides de pós-jogo:
    David “Sartre” Coimbra
    e Juremir ” POrtaluppi ” Machado
    convidado especial: Claudio Brito e Milman

    brinde: Lexotan 100 mg

  21. Sobre arbitragem, recomendo excelentes matérias nos blogs abaixo com imagens e tudo.
    É impressionante a falta de vergonha dos caras. Consideram mais grave errar um escanteio do que não apitar dois impedimentos e apitar um impedimento para evitar o gol. Tudo, sempre, é claro, a favor dos mesmos símios.

    O comentarista de arbitrtagem citado é ruim. Incompetente e faccioso. Descreve os fatos contra toda a realidade, contra a imagem, e, ainda, por cima não conhece a regra. E sempre protege os árbitros que protegem o time dele.

    http://gremio1983.blogspot.com/2010/04/ainda-gremio-e-avai.html

    http://www.gremioimortal.blogspot.com/
    http://gremioimortal.blogspot.com/2010/04/prova-do-impedimento-no-1-gol.html

  22. bah o Figueroa era de doer!!
    Até essa naba a RBS já colocou lá!
    Comentarista ruim até vai, mas tem que saber falar ao menos…

  23. Josias, pior que o Reche falou mesmo isso.
    Minha seleção:

    Narrador: Marcão, disparado, além de ser gremistão.

    Comentarista: Nando Gross, apesar de ser colorado, eu não noto nele o ranço contra o Grêmio que noto nos outros comentaristas. E uma vez deu um corte no Zé Alberto Andrade que ficou na história

    Repórter: Filipe Gamba, pra mim, disparado o melhor repórter atualmente.

    Plantão: Antônio Augusto, nem precisa comentar né!?

    OS PIORES:

    O resto.

  24. Também gosto do Antonio Augusto. Gremista autêntico e torcedor de “carteirinha” do tricolor. Não leva ninguém para compadre quando se trata de defender “seu” Gremio. É o único “imparcial” assumido do rádio gaúcho e tem orgulho disso. Para mim, é “hors concours”.

  25. CORTE DO NANDO GROSS NO ZÉ ALBERTO ANDRADE:

    Sala de domingo na rádio Gaúcha, o primeiro após o primeiro jogo do Inter contra os reservas do Boca Jrs. no Beira-rio pela “SULAMIRANDA” em 2008. Eis que o tal Zé Alberto Andrade profere a seguinte pérola:

    – Pois é, como as coisas mudam, na terça-feira, fui conversar com a assessora de imprensa do Boca, e falando de futebol, ela não conhecia o Grêmio, só o Inter aqui de Porto Alegre, prova que o Inter atualmente, é muito mais conhecido que o Grêmio.

    Após, alguns segundos de silêncio, o Nando Gross pergunta:

    – Mas Zé, essa assessora veio de Marte?

    E o vesgo, responde:

    -Porque Nando, ela apenas não conhecia o Grêmio.

    E o Nando:

    -Zé, o Grêmio decidiu com o Boca ano passado, não faz tanto tempo assim, a Libertadores da América. Isto dela não conhecer o Grêmio não é possível. Quando se falava que o Grêmio era muito mais conhecido que o Inter, era verdade, o Inter realmente não tinha fama internacional, não dá pra comparar com a situação atual, onde o Inter realmente se tornou conhecido pelos títulos, mas o Grêmio é bi-campeão da américa, só quem veio de Marte mesmo pra não conhecer o Grêmio.

    Naquele momento, o Nando Gross ganhou minha simpatia, e não sei qual o motivo, mas o vesgo não participou mais do programa, deve ter ido embora de fininho… eheheheh

  26. Repito: considero contraproducente, leviano e oportunista achar que o Grêmio é o mais coitado dentre os coitados quando o assunto é arbitragem. Como muitos aqui preferem perder tempo avaliando se determinado jornalista ou árbitro é bom ou ruim por ser gremista ou colorado, tudo vira paranóia e teoria da conspiração. Prefiro Não discutir nesses termos.

    Por acaso a lista se refere apenas a jornalistas daqui? Em princípio acompanho muito pouco, pois eventualmente assisto ao programa da Band TV às 12:30h, rarissimamente assisto ao Globo Esporte e ao TVCom Esportes e só ouço rádio nas jornadas (ou Gaúcha, ou 107).

    Aliás, é bom que se diga o seguinte: a lista dos piores não tem fim! O problema são os melhores. Como acompanho pouquíssimo a mídia de massa guasca porque não me pauto por ela (prefiro buscar informações em blogs, portais, comunidades virtuais, na ESPN Brasil e no SporTV), seria difícil eu avaliar todo mundo.

    Pra terminar: se acompanho pouco, é porque julgo como ruim além da conta a maioria dos caras daqui. Mas posso adiantar alguns que já ouvi, mesmo que não ouça outros. Meus votos somente para os caras daqui:

    Pior narrador de TV: Paulo Brito
    Pior comentarista de TV: Batista
    Pior repórter de TV: Fernando Calheiros
    Pior narrador de rádio: todos os da Band
    Pior comentarista de rádio: todos da Guaíba
    Pior repórter de rádio: Alexandre Praetzel

    Melhor narrador de TV: É Rede!
    Melhor comentarista de TV: Maurício Saraiva
    Melhor repórter de TV: Fernando Becker
    Melhor narrador de rádio: Roberto Brauner (Trabalha ainda aqui? Está em alguma rádio local? Qual?)
    Melhor comentarista de rádio: Ruy Carlos Ostermann
    Melhor repórter de rádio: Lucianinho Périco

    Todos os comentaristas de arbitragem são horrorosos. Foi a pior invenção já feita pelo jornalismo esportivo de massa.

    []’s,
    Hélio

  27. Admiro e simpatizo com: Felipe Gamba, Antonio Augusto, Marco Antônio Pereira, Eduardo Gabardo, David Coimbra, Momback e Ribeiro Neto. Respeito ou ouço/leio: Ruy C. Ostermann, Nando Gross, Guerrinha, WC e Vidarte. Comentaristas de arbitragem da RBS: uma lástima.

  28. Eu costumava ouvir diariamente o programa do nando, bem como ler, eventualmente, seu blog, e, para mim, é evidente o coloradismo e o direcionamento dos comentários do mesmo.

    Também é evidente que ele disfaça isso tudo, e, como em terra de cego quem tem um olho é rei, comparando-se a outras figurinhas carimbadas da crônica esportiva, dá para dizer que ele disfarça bem.

    A Jornada do Terror, do Cesar é de cortar os pulsos!!!

    Se já não bastasse toda a desgraça da jornada, as participações especiais do claudio brito e do millman fechariam (as portas da emissora!) com chave de ouro!!!

  29. Se for pra pensar em melhores e piores de TV e rádio do centro do país que passam aqui, então a lista é diferente:

    TV

    Melhor Narrador: João Palomino, Paulo Andrade e Cledi Oliveira (ESPN Brasil)
    Melhor Comentarista: Paulo Vinicius Coelho, Paulo Calçade, Silvio Lancelotti e Gerd Wenzel (ESPN Brasil)
    Melhor Repórter: Tino Marcos (Globo), Décio Freitas (SporTV), André Plihal e Lúcio de Castro (ESPN Brasil)

    Pior Narrador: Galvão Bueno (Globo)
    Pior Comentarista: Sérgio Noronha (Globo) e Neto (Band)
    Pior repórter: Victorino Chermont (SporTV)

    []’s,
    Hélio

  30. desculpa, hélio, mas o pior comentarista nacional não é um, são dois: a dupla falcão-casagrande. é simplesmente de doer essa dupla.

    combinados com galvão bueno fazem o sujeito repensar se a vida vale a pena mesmo…

  31. Embora cada um tenha uma percepção diferente sobre o que considera bom ou ruim, vou dar um parecer técnico.

    Um narrador precisa de que? Ser descritivo, ter um vocabulário amplo e saber dar deixas relevantes para a entrada do comentarista, do repórter, dos recados da audiência e da publicidade. Ter voz agradável com boa articulação das palavras (isto é, pronunciar quase todas as sílabas e evitar gírias) e torcer pelo gol e pela jogada bonita, nunca por um time. Pela seleção, até pode torcer, porém, sem jamais deixar de ser crítico e sem histeria.

    Um comentarista precisa conhecer esquemas táticos, interagir com os repórteres a fim de saber o dia a dia dos clubes (quem está lesionado, quem levou cartão, quem brigou com quem), acompanhar a carreira de jogadores e técnicos e dominar estatísticas. Além disso, é preciso conhecer e acompanhar o futebol ao redor do mundo.

    Um repórter precisa ser ágil, precisa ser bem relacionado e perspicaz. Não pode ser amiguinho nem inimigo de ninguém e deve ter a sensibilidade de encaixar a pergunta certa no momento certo.

    Bem ou mal, todos devem ser multidisciplinares. Porém, o narrador e o repórter não devem comentar, assim como o comentarista não deve narrar.

    Não ser mentiroso, fofoqueiro nem puxa-saco são pré-requisitos éticos.

    Aqui no RS, quando há profissionais corretos, estes não oferecem nenhum diferencial.

    Aliás, a cultura maniqueísta e bairrista do RS também favorece a baixa qualidade do jornalismo local, pois o público também compõe essa mediocridade e dificilmente sabe como e o que cobrar dos profissionais que tem a responsabilidade de mantê-lo informado.

    []’s,
    Hélio

  32. bah! falcão…galvão bueno.. me esquecí deles!!! entrariam na minha JORNADA DO PAVOR fácil, no intervalo de jogo.

    qto ao Brauner, prá mim disparado o melhor, junto com o cara aquele ” é do Goiâââããssssss….”
    acho que ainda está em Criciuma, narrando, o que é uma pena, porque daria de relho nos daqui.

    Não entendo pq a Rede Pampa perde o timing de retomar as jornadas esportivas. Ninguem aguenta o que está disponivel, é só estêrco.
    Se eu tivesse grana, comprava espaço da Pampa, contratava o Brauner e alguns novos, como comentarista pegava o Ernesto Guedes, que frequenta o programa do Vidarte e vê bem futebol, convidava ex-jogadores.. Iura, Anchetta, e tocava o barco e ia faturando a audiencia deles aos poucos.

    cbimbi

  33. João Luiz,

    O Falcão é bem articulado, inteligente, bem informado e sabe fazer uma análise tática. Não estou analisando se ele é colorado ou não, nem se eu vou ou não com a cara dele.

    O Maurício Saraiva, que é muito criticado por alguns, é um cara extremamente educado, simpático, reconhece os seus próprios erros e critica o mau jornalismo. Ele conhece bem o futebol além da aldeia e sabe discernir bem a diferença entre Grêmio e T.A. jogarem de salto alto ou desfalcados em relação aos times do interior. Ao contrário do Paulo Brito, que acha todo mundo bom (‘é bom esse…’), o Saraiva entende o que faz a diferença nos duelos individuais contra os jogadores do interior. Dificilmente fala algo estúpido.

    No mais, vejo que muitos aqui levam a questão mais para “vou ou não vou com a cara de” ou apenas com o exemplo pontual do comportamento deles em relação ao Grêmio.

    Mas uma coisa eu preciso dizer: a função do jornalista é informar. Se ele é histriônico, se gosta de criar caso, se paga alguém por fora ou se recebe jabá, é isso o que precisamos investigar e repudiar.

    Se há algo ruim pra falar sobre o Grêmio, é porque a informação surgiu de alguma fonte. Se não há algo pra falar sobre o T.A., é porque eles são mais espertos na hora de evitar que certos assuntos vazem.

    Agora… Se há o que falar sobre eles e não é dito, então não temor jornalismo e, sim, assessoria de imprensa para eles na mídia corporativa (que é o que acontece a favor de Serra, Yeda e Fogaça na mídia corporativa).

    Isso é tudo, menos jornalismo.

    []’s,
    Hélio

  34. Cesar,

    O problema é que ex-jogadores que fizeram sucesso abaixo da metade da década de 1980 só servem ou pra atrair gente atual dos seus clubes do coração pra aparecer na emissora, ou para mesas de debates. Eles não entendem nada de tática, são muito mal informados, não conhecem futebol internacional, têm uma visão romântica do esporte e costumam ser mal articulados.

    A bem da verdade, não são muito diferentes da maioria dos comentaristas acima dos 55 anos que temos aqui.

    O problema da Pampa é que eles precisam ter uma rádio FM. Hoje em dia, ninguém mais usa Walkman nem radinho na rua: só ouve AM quem está no carro ou em casa. Rádio no celular (que é a maioria do público urbano em POA) tem que ser FM.

    []’s,
    Hélio

  35. Falcão bem articulado e inteligente, Maurício Saraiva critica o mal jornalismo e conhece futebol… Tem razão Hélio, o nosso público compõe a mediocridade.
    Ou tu não assiste absolutamente nada de futebol ou tu só pode estar de ironias.

  36. Noto, na boa, na boa mesmo, que às o post mesmo é lido meio que a toque de caixa. Sobre se a seleção será daqui ou do brasil todo está claro no artigo já no primeiro parágrafo que diz:

    —————————————————-
    Campeonato gaúcho chegando ao fim. Como sempre acontece, a mídia prepara a sua seleção. Apontando os 11 melhores jogadores – sem contar que escolhem também treinador, dirigente etc, normalmente tentando fazer uma média com a torcida buscam equilibrar jogadores da dupla. Mas em geral não resistem e invariavelmente sempre os vermelhos ganham um ou dois a mais. É do jogo: mesmo nos anos que ganhamos, isto tem acontecido…….

    —————————————————–

    Bem,mas já que se tocou …. no centro do país temos mais opçoes e por isto é mais fácil de descartar a porcaria. Existe excelentes hmens do esporte no rio e sp e a crônica daqui não gosta que se diga isto mas eles estão dando de relho em nós. Você escuta um PVC é de encher os olhs. O Escobar é uma fera. E os repórteres de lá matam a pau. O cara ta falando sobre um lateral do Atlético de Minas e sabe a fixa do cara, sabe de onde veio, quantos anos tem, por onde passou etc. Entra um menino em meio ao jogo o cara sabe tudo dele. Aqui a ignorância é tremenda. Canso de escutar programa esportivo em que o comentarista não tm a menor idéia de quem é o zagueiro do time tal, que é o menino que entra e o que pode entrar e o repórter sabe ainda menos. Com honrosas exceções, e na minha seleção faltou o Guerrinha, os benfiquinhas da vida sabem muito pouco ou quase nada. O que eles entendem é de
    INTRIGA
    FOFOCA
    FUXICO
    DIZ QUE DISSE ….. esta é a especialidade de muitos. Um bando de fofoqueiros que da faculdade de jornalismo, os que fizeram, muito ou nada aprenderam. O próprio Andrézinho que saiu com aquela pérola de que pagou a faculdade de jornalismo, culturalmente é um acéfalo.
    Uma vez o SAUL BERDICHEWSKI fez uma frase e foi interpretado pelos jornalistas com a cabeça ´deles`, fraca. A frase foi: futebol emburrece ! Houve uma ofensa geral. Claro, o jumento se ofende se tu chama ele de burro, e o burro se ofende se tu chama ele de jumento. Alguns burros estão se ofendendo se comparares ele com alguns profissionais …. O fato é que o Saul se referia que se o cara ficar só no futebol ele perde em cultura. E é isto mesmo. Aqui uma maioria quase que esmagadora, se dedica a só saber disto. Els passam 24 horas por dia falando disto e nada mais sabem. Não tem a menor idéia do que acontece no Libano, no Haiti, quem é o cara que concorre ao grande prêmio de literatura e quando muito se dedicam a folhar e ler o prefácio de um que outro livro do David Coimbra. Infelizmente é assim, há uma carência cultural no meio que é admirável. Pode sentar e passar o dia inteiro conversando com alguns que não sai mais nada, nada nada nada. Eles não tem a menor noção de mais nada além de futebol e o que é pior, alguns que, como dito, só entendem de fazer leva e traz, fofoca, intriga, caso de ovelhinhas em geral. Estes emburreceram de vez e emburrecem que quer que esteja por perto.
    Por estas e por outras é que gosto do Professor Ruy, gosto do Hiltor, do próprio Nando Gross aqui citado entre outros poucos…. Dos inhas e inhos da vida não se tira mais nada além das abobrinhas. O nivel cultural é ridiculo de fazer dodoí em porco espinho. Aqui repousa a grande questão e por que há um estupendo ´recalque` deles contra o que ganha o fulano, o que ganha o beltrano, e isto se aplica às vezes com relação a muito dirigente bem sucedido profissionalmente e que é vitimado pela inveja e pelo complexo de inferioridade e de frustração que os domina. Mal remunerados, uma grande maioria, muitos precisam de jabá para tocar sua vidas. Então tudo isto pesa.
    O sonho de muitos é sair fora daqui e tentar a vida em rio são paulo aonde ganham mais e emburrecem menos. Nem todos conseguem. Neste ponto quero dizer que o Alexandre Praetzel, colorado, sim, dos quatro costados, líder de torcida deles antes de iniciar a profissão e cujo sonho maior aqui era ser assessor de imprensa do SCI, com tudo isto, dava de relho e cola erguida na grande maioria que há 20 ou mais anos fazem a mesma coisa no mesmo lugar pelo mesmo salário miserável e com pobreza de intelecto. Era um cara que tinha uma memória futebolistica elogiável, conhecia muito futebol e por isto foi parar no centro do país. Lá, livre das amarras de torcedor certamente deve evoluir muito, profissional e culturalmente. Poucos por aqui podem ter a chance que ele teve e deslanchar lá fora, entre eles algus do que indiquei na minha seleção. O restante, salvo uma apadrinhamento, um lobizinho extra, ou um relâmpago do bafejar da sorte, vão ser sepultados aqui sem nunca terem sido nada, além de fofoqueiros, intrigueiros e fuxiqueiros. E continuarão o resto d vida esperando um celular ou similar desligado para terem ´um grande caso ao acaso`. Pobres e coitados.

  37. ficha, folhear …. etc…… compreensão …. vale quase tudo … menos AL DISNEY né Charles ? abraço

  38. Ah! O Vidarte me ligou pra debater sobre o Grenal na Pampa hoje, às 19h. Sintonizem na AM 970. Obrigado ao Cesar Bimbi pela oportunidade.

    Aliás, o Vidarte é xará do meu irmão e eles foram colegas. Legal poder reuni-los de novo, pois o Vidarte não está por dentro dos encontros da turma deles do Rosário.

    O Vidarte é daqueles caras corretos, assim como muita gente na Pampa. E isso não tem nada a ver com eu ir até lá nem com essa relação dele com o meu irmão! ;)

    []’s,
    Hélio

  39. Anderson,

    Assisto bastante futebol e não estou de ironia. Não julgo ninguém única e exclusivamente por falar bem ou mal do Grêmio e já falei sobre como faço minhas considerações técnicas.

    Há um outro detalhe: o Falcão já foi muito melhor em relação a ele mesmo quando não havia comentarista de arbitragem nem quando precisava dividir espaço com o Noronha ou com o Casão. Os padrões Globo/RBS o obrigam a nivelar por baixo EM DETERMINADAS SITUAÇÕES.

    []’s,
    Hélio

  40. Os bons:
    Narrador – Roberto Brauner (pena que saiu da cena, e só faz trabalhos pelo interior);
    Comentarista – Ruy Carlos Osterman (Anderson, apesar da visão derrotista, ainda o considero o melhor da aldeia, ele dá várias chineladas nos colegas);
    Repórter – Lucianinho (quebra o galho do torcedor em várias ruins e presta um baita serviço, apesar das escorregadas que dá quando está no estúdio);
    Plantão das Jornadas – Ele, sempre Ele, o Antônio Augusto, o Plantão das Multidões (não só porque vou ao seu programa e aprendi a admirá-lo ainda mais, é desde pequeno meu pai sempre falando do Totonho…ele é o cara e desce a lenha, também uma pena a Pampa não estar mais com jornadas esportivas)

    Os ruins:
    Putz, aí vou ficar a tarde toda dissecando um a um. E não vale o esforço. Aliás, hoje, já vou dissecar uns lá Totonho. rsrsrs.

    Agora, só uma coisa Josias, sei lá, até entendo que aí é questão de gosto, mas Edgar Schmidt, Reche e Dal Pizzol e ainda o Mombach…putz!! Pior que uma vez quase arrumei uma briga com o Dal Pizzol num bar, na questão da queima dos banheiros. rsrsrs…foi engraçado, e ele estava acompanhado. Mas, tranqüilo cada um tem seus motivos para gostar desse ou daquele.

    Cláudio Medeiros

  41. Refletindo sobre o assunto e sobre tantos post bem fundamentados, me parece que há duas categorias dos ruins, quais sejam:

    (i) os que pouco entendem de futebol; e
    (ii) os que ignoram o futebol dentro das 4 linhas, mas entendem tudo de fofoca.

    Seria uma ofensa para alguns do grupo (i) ser comparado com os do grupo (ii). Por exemplo, o Mauricio Saraiva, não entende de futebol, mas não é fofoqueiro.

    O Mauricio Saraiva é bem articulado, não é grosseiro, nem transborda inveja nos seus comentários. Mas isso não basta para ser considerado um bom comentarista de futebol. O cara comenta o óbvio, apenas isso. Assistam o PVC, na ESPN, ou o Rizek, no SportTV, e vejam do que eu estou falando, sem ofensas ao Seu Saraiva…

    Já o Falcão, entende de futebol, é bem articulado e todos os outros elogios que possa merecer, mas limita-se a concordar com o Galvão, o que o descredencia.

    Já o time dos fuxiqueiros, bem, esse aí é a escória, não serve nem pra limpar os sapatos do Mauricio Saraiva (olha a crise!), quem dirá ser considerados profissionais de imprensa.

    Poderiam procurar emprego em programas tipo da rede tv, como aquele do cara de peruca loira que fala OK, OK, OK!!

  42. Josias! Esqueceste do Wianey(anti-Grêmio)que quiz botar os moranguinhos na libertadores via sul-americana.Esqueceu de um que sumiu, que em 2006 soltou a franga vermelha, alias, parece que tem um tatuagem do inter no corpo, o tal Rafael Cabeleira, ex-Pampa. Lembra? Gosto do Marcão, mas é pé frio nos jogos do tricolor. O Zé Aldo,dizem ser gremista, é puxa-saco dos vermelhos, além de narrador escandaloso. O Reche tu tá de sacanagem. Essa mala sem alça sempre dá um pitaco favorável aos morangos.Tem comportamento diferente nas jornadas do olimpico e beira-lago. A Band de ruim piorou com a aquisição do Xandão. Lá quem manda e o Zaquia. Rádio vermelha e ponto final.Na Guaiba detesto o tal Edgar Shimit, comentários contra o tricolor e sua marca. A Rbs, pasmem, é dominada por colorados no esporte, colunistas, comentaristas, reporteres de campo e comentaristas de arbitragem. Difícil escolher 11 do agrado de gremistas como eu. Piores dá prá sitar 11 mais 11 reservas.

  43. José Contreiras. Sou amigo há quatro décadas da jornalista Maristela Bairros, ex- esposa do Edgar Schmidt. Posso garantir que ele é ou foi gremista.Em princípio, é um bom comentarista. Simples opinião, pois sou amigo dela e não dele.

  44. Bimbi, muito engraçada a tua jornada de terror I. Qual é a II?
    Esse espaço é cultural, esportivo,cômico.. Tem de tudo. Té cada vez melhor.
    Amigo Bimbi, já que tu fizestes referência ao Elias Figueroa, esse cara foi meu colega no Direito da PUC durante quatro semestres, de 75 a 77. Ele me deu muitas caronas. Ótimo colega, baita zagueiro. Acho que só inferior ao Pavilhão, porém, como comentarista…

  45. Concordo em partes contigo Josias na comparação aos erros dos nomes. Mas o que o Ranzolin narrava e emocionava os torcedores, sempre imparcial apesar de Gremista, fica anos-luz à frente do Denardin.

    Trocando de assunto Josias, mas já vi que tu responde os comentários, será que poderia me responder uma coisa?
    Sabe como o anda a instalação do mastro lá no Humaitá? Já fazem 2 meses que anunciaram o início da obra, mas nada de atualização. Já perguntei pra várias pessoas, inclusive mandando e-mails pro próprio Grêmio e outros blogueiros e ninguém sabe informar!
    Desde já agradeço.
    PS: pode responder pro meu e-mail.

  46. Fernando. Eu não tenho o meu email. Se quiseres escrever para o meu – ca.josias@hotmail.com.

    Não tenho noticias de Humaitá há muito tempo também. Vou ver se consigo informações e retorno. o Grêmio contiua com uma enorme carância de ´comunicação`. Quem sabe no BLOG da ouvidoria não se consegue algo ? É de se tentar, mas o fato é que ainda não conseguiram suprir esta da falta de comunicação no clube, quer interno quer externa, e olha que isto é item do plano estratégico que, também prá falar a verdade, não sei que, hoje, cuida disto. O EVANDRO poderia nos dizer alguma coisa, ou o ARTUR.

    José. Como disse, selecionar 11 bons é compliado, 11 runs é barbada, tem muitos, daí normalíssimo que 3 seleções ficaram de fora. O Edgar Schmidt tem um problema de dicção que a vida lhe alcançou, mas repito, vê o jogo como poucos. Vou relembrar, alô ARTUR lembra desta ? Eu tinha gravado isto numa fita TDK de rádio gravador. Final do primeiro turno no beira rio em 1977, o Oberdã tinha prometido que o Escurinho nunca mais ia cabecear na nossa áre; termina o grenal e o G é campeão do 1o turno … o Edgard, repórter, sai correndo atrás do capitão para lhe entrevistar e gritava ´fala Oberdã, fala Oberdã…` e começa a soluçar, chorar copiosmente …. O Ranzolin tenta remendar e diz: Edgar deu um pique de 40 metros e está ofegante …. o Edgard volta e…chora mais ainda … um espetáculo ! Gremista e bom demais. Não basta ser aguerrido e forte tem que ser Grêmio.

    Ainda José … O Zè Aldo é colorado ! E me diz uma coisa, eu não escuto a BAND, raramente, mas o Xandão está de volta ????? Na BAND gosto do Serginho Couto, ele é um baita repórter e não carrega a amargura que a Band carrega. Mas eu digo prá vcs qual é o problema da BAND = O problema é

    a) todos ( exceção do J Garcia que por incrivel que pareça é gremista ) são colorados …. então eles ficam de mal com a vida em relação ao Grêmio …

    b) o záchia é oposição ao F Carvalho … então eles ficam de mal com a vida em relação aos vermelhos …

    É um beco sem saída. O Renan Marsiaj foi proibido de dar entrevista lá pq é da situação, e me dizem, gente lá de dentro, que não entrevisam gente da situação assim no mole não. Então a amargura se explica. Sofri muito na mão deles, algumas jogadinhas eram cafagestes. Um dia tava em casa e um amigo me liga dizendo que tão baixando o cacete em mim na BAND. Ligo na BAND e tá o Cabral e o Xandão pau e pau, e ainda dizem, ah, mas o Dr. Josias vai ligar prá cá prá se explicar e tal ….. tenho certeza que vai e tal … Liguei para o fone comum, não pasaram a ligação…. liguei para o celular do Xandão, sabe o que ele disse ? Não posso te atender, to no ´ar`…. ahahahah, tive que rir, engraçado foi, tragicômico, no outro dia fui prá guaiba e pra pampa, que na epoca era a mil, e contei o caso …. Fiz uma matéria no site do Grêmio e cntei o caso…. Cada um luta com as armas que tem. Nunca mais dei entrevista para eles e o juridico se calou também. Depois o tempo passou, deixei prá lá e hoje me lembro do episódio com humor, mas serve para vcs verem que quando eles querem sacanear é de matar. Ai a gente tem que devolver a porrada do tamanho que recebe, e encarar eles sem medo e meter o dedo na moleira. Mas só dá prá fazer isto muito bem feito quem não tem ´rabo`…. quem dá Jabá prá eles e um dia pára … perde o respeito.

  47. só relembrando ainda …. não dei mais entrevistas para eles, nem o juridico e ai eles viviam dizendo que não me entrevistariam mais, que eu não merecia e etc… ai deu aquela lambança dos banheiros quimicos e tal … o juridico virou noticia….ai eles tiveram que fazer o que ? tiveram que vir a mim …. como o episódio já tinha sido superado, atendi gentilmente mas tb de forma esperta, escoheram a dedo os caras que me entrevistavam….

    Teve outro episódio com eles, no tempo do Evandro e do Saul eles fecharam as portas para as entrevistas na BAND, não deixaram entrar na coletiva e os jogadores fecharam com a direção: não concedemos mais entrevistas para a BAND. O que faz uma rádio se um dos grandes fecha as portas ? ELA FECHA ! Ai o coloradissimo Menegheti pediu água, ligou pra direção e acenou a bandeira branca ( guardou a parte vermelha ) ….. assim caminha a humanidade. O Grêmio é muito maior que todos eles, se a direção ´se conscientiza` disto,ninguém faz chacota conosco. Esta é que é a verdade.

  48. caro sr josias, acho que o topico foi desvirtuado, como o sr escreveu, no ultimo post, acho que mau jornalista, nao é somente oque nao entende do que esta falando, e sim, oque usa a sua preferencia,tanto politica quanto de clube, para emitir opinioes que nao condizem com a verdade.

  49. O tópico tá desvirtuando, apesar das excelentes reminiscencias do Josias, quer dizer que chegou a hora de escolher….
    OS….
    5 FINALISTAS DO CONCURSO JORNADA DO TERROR 2010!!
    (eu começo):

    Zé-Aldo
    Cabral
    benfica
    Chico-Garcia
    P. Ernesto Denardim

  50. Josias, que maravilha o Edgar entrevistando o Oberdan. Melhor que isso só o Milton Ferreti Jung narrando gol do Loivo nos anos 70.

  51. Bimbi, fico com a tua relação ,porém excluo o Cabral e o Chico Garcia e incluo Reche e Maurício Saraiva.

  52. Valeu aí pessoal!!
    A ansiedade é grande, pois após a instalação do mastro o orgulho vai ser enorme de poder ostentar um patrimônio tricolor no “pórtico” de Poa!

    Se bem que é capaz dos medíocres do aterro inventarem algo pra(historicamente) não ficarem pra trás né…

    Josias, baita descrição sobre o episódio do Edegar!! hahahaha…tô rindo sozinho!

    E quanto a equipe da BAND… quero mais é que se F!@#$%%¨&**(

    Abraço.

  53. Josias! cometi um engano. Tô trocando o Xandão da Band de SP pelo Fabiano Baldasso, este a nova mala.
    Fico supreso de saber que o Zé Aldo é colorado, o filho do Antônio Augusto me informou, certa vez, que era dos nossos.Bem que eu desconfiava que tinha algo estranho, pois é visível a tendência pró inter. Mas a minha maior supresa é saber que o Edgar é dos nossos.Então ele faz uma média pros moranguinhos não pegarem no pé dele, pois tem sido muito crítico com o time dele(nosso), e, por vezes galanteador desse time caro e não convincente dos morangos.

  54. Muito bom tudo isso. Me diverti bastante. Grande abraço Josias!!! Estou bem graças a Deus. Abração pro Contreras também!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.