De colaborador – Grande vitória

Grande vitória. Desta vez ganhamos jogando bola. Se o Vasco empatasse seria crime, sick Grêmio foi superior técnica e taticamente.

Partidassa do Barcos, physician embora tenha cansado no final. Desencantou no momento certo no campeonato. Dois gols decisivos. Kléber tb teve boa atuação, parece estar recuperando a forma, está com mais mobilidade. O ataque vai bem, embora falte velocidade.

Ramiro, que golaço! Boa partida, errou alguns as passes, é verdade, mas foi bem na maior parte do jogo. Gostei da atuação do Riveros e até Souza, jogando mais na sua, ficando mais, foi relativamente bem.

Com Riveros, Ramiro e até Matheus Biteco é possível sim jogar com três volantes pois ambos são segundo volantes com chegada a frente. Agora com Souza e Adriano não.

Três zagueiros e três volantes devolveram identidade brigadora e de pegada do Grêmio num time antes muito inseguro, sem resiliência e que deixava os adversários jogarem.

Foi a primeira partida do ANO onde o time encaixou, foi compacto e saiu pro jogo com alternativas de jogadas e triangulações pelos dois lados, embora Pará não consiga apoiar bem e tranque o time por ali. Até chutou uma bola na trave mas não é lateral pra 3x5x2, muito menos pra titularidade do Grêmio e isso já se sabe.

Alex Telles bem no apoio mas com alguma dificuldade defensiva. Rodholfo, o melhor da defesa. Arrumou nossa zaga. Werley fez muito boa partida e até Gabriel foi bem, embora com alguma dificuldade de sair em alguns lances e uma cintura meio durinha… pelo alto foi bem, teve imposição.

Continuando com a opinião que se direção der uma investida em zagueiro, lateral, talvez um meia rápido e até um primeiro volante, segundo dizem William Farias vem aí, muito bom jogador por sinal, dá pra aspirar algo mais nesse campeonato. O lateral pode até ser o Tinga e o meia o Lucas Gabriel, ambos da base, mas o zagueiro precisamos contratar, ainda mais que se o 3x5x2 for fixado, é preciso maior número de zagueiros que temos devido a cartões e suspensões. E o primeiro volante seria o bom negócio de ocasião.

Desta vez elogio o Renato pois escalou bem o time, talvez pudesse ter feito modificações antes, pois tinha gente cansada como o Barcos.

Não entro nessa de Renato ser retranqueiro por jogar com três zagueiros e três volantes pois todos sabíamos das fragilidades defensivas de marcação desse plantel, ah questão, é escolher os volantes que tenham chegada a frente pra não ficarmos com dificuldade de jogar. E Renato vai achando o time, conhecendo com quem pode contar e isso é muito importante pois logo vai ter dor de cabeça quando Vargas e ZR10, principalmente, mais Tinga, William Farias, Elano voltarem.

Se o time continuar assim e ainda a direção contratar mais um dois, a Arena vai finalmente RUGIR. Ah, vai!

Felipe Neri

Participe da discussão

18 comentários

  1. Eu penso que as coisas estão acontecendo a seu tempo. O Renato está conseguindo dar uma cara de time a esse grupo de jogadores.
    Duas coisas estão acontecendo: o GRÊMIO está se ajeitando e Renato está mostrando aos incrédulos que ele é técnico e não um fanfarrão.

  2. hoje me prestei a ouvir o programa das 11h da guaíba. eles meteram pau no renato o tempo inteiro, que o time tava ruim, o esquema era errado, e blá blá blá…

    em especial um tal de sinoti, que é uma verdadeira mula. será que o renato comeu a mulher dele?

    impressionante essa ivi…

  3. O comportamento da imprensa é tão deprimente que eu sempre penso no motivo que leva o GRÊMIO a não começar a cuidar das próprias notícias… Acabar com de vez com essa imprensa porca.

  4. Tá bonito de ver a imprensa tentando entender as vitórias do Grêmio. Não conseguem de jeito nenhum reconhecer que o Renato arrumou a defesa com o 3-5-2 e agora até o ataque começou a funcionar.
    Continuam falando que o Renato não entende de tática…
    Eu mesmo discordo dos 3 volantes tendo Maxi e Biteco disponíveis e depois Zé Roberto, mas é inegável que o Renato organizou o time, que era uma verdadeira bagunça.

  5. O GRÊMIO vence com 3 volantes porque os volantes são qualificados e jogam com armadores também. Goiano era o que? Dinho era quê? Arilson era o quê? Emerson era o quê?

  6. o pior foi ouvir que “o Grêmio, até o gol do barcos, não havia chegado na área do vasco.”

    o gol foi aos 5 minutos…

    mas sabe o que é pior? mas o pior mesmo?

    é que o Grêmio não faz nada contra eles. NADA. isso que me irrita. o co-colorado tem uma patrulha intensa na imprensa. já o que Grêmio, fidalgo, deixa sempre tudo passar em branco.

  7. Sábado, após o jogo, resolvi colocar na gaúcha pra ouvir a coletiva do Renato. Terminada a entrevista, foi muito divertido escutar o Wianey gaguejando ao tentar explicar a bela atuação do Grêmio, depois dele praticamente garantir que não daria certo com aquele esquema.

  8. Meu amigos, assisti o jg do Mengo e digo: Dá para ganhar dos caras em Brasília.
    Arena finalmente vai acordar…

  9. O comportamento da imprensa é tão deprimente que eu sempre penso no motivo que leva o GRÊMIO a não começar a cuidar das próprias notícias… Acabar com de vez com essa imprensa porca.

    Aí é a mesma coisa de ter só situação e não ter oposição… aí mesmo que não saberíamos de nada, só notícia boa não me serve… quero saber as merdas que os caras fazem também .

  10. “Anderson Kegler, em 19/08/2013 às 13:38 disse:

    O comportamento da imprensa é tão deprimente que eu sempre penso no motivo que leva o GRÊMIO a não começar a cuidar das próprias notícias… Acabar com de vez com essa imprensa porca.”

    2

  11. e o estádio em Brasília é campo neutro, torcida de escanteio, no resto o silêncio impera.
    Temos tudo pra vencer o mengo lá, ainda mais com o time fraquinho deles.

  12. O único grupo que não divulgou a nominata para as eleições e o Movimento Grêmio Democrático. Será que eles estão com medo de alguma coisa. Só eles que não divulgaram.

  13. Peço permissão para fazer um comentário, algo tipo reflexão:

    Koff está reestruturando o Grêmio da base ao profissional. Está fazendo parcerias com clubes do Brasil e do exterior. Está implementando e implantando uma nova sistemática de formação de atletas de base no clube, tendo como diretrizes clubes referência no mundo, como Real Madrid, Porto, Chelsea e Barcelona. É um processo que vai apresentar resultados a partir de 2014 em diante, embora algumas exceções tem se apresentado surpreendentemente positivas já agora em 2013 (Ramiro, Bressan e Alex Telles).
    Mas não será só no depto. de futebol que será executado isso. Deveremos ter novas ações, filosofias de atuações e planejamentos em todos os setores do Grêmio. Koff estaria seguindo seu programa de governo ? Onde prometeu e comprometeu-se em PROFISSIONALIZAR o clube, em todas as áreas ? Com planejamento estratégico, organização e profissionalismo ?
    Penso que assim, que o Grêmio se mudar para a Arena, de fato, ai sim começará viver, de fato, uma nova realidade, deixando para trás saudosismos, velhos sistemas de governanças, e ai sim, buscando o novo, o futuro com gestão moderna de negócios para o clube, dando vida a um complexo multiuso dos mais modernos do Brasil, e quissá com a agulha da bússola apontando para um Norte promissor e esperançoso para todos os gremistas.
    O que poderá atrapalhar toda esta reengenharia de modernismo, planejamentos, reestruturações e novos sistemas de gestões ?
    – Divisões políticas (muitos grupos políticos no clube), onde muitos brigam por promoções pessoais e não do clube. Sendo que se esses grupos se unissem (Koff está tentando mostrar isso a eles), com a Arena ai, novas gestões e profissionalismo, novas filosofias sendo implantadas em todos os setores do clube, o Grêmio, em poucos poderia sim, se tornar uma potência no cenário mundial.
    E seguindo a filosofia Koff.

    Grêmio contrata meia Leandro Canhoto, ex-Brasil-Pel
    Jogador de 18 anos assinou contrato por cinco temporadas. Clube também anunciou a chegada de Angelo, ex-Novo Hamburgo, e Natan, ex-Vitória

    Iniciativa é inspirada em modelos europeus
    O projeto Lapidar segue modelos aplicados em clubes como Juventus, da Itália, e os espanhóis Real Madrid e Barcelona. Os conceitos, porém, são inspirados pelos ensinamentos da Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física, da Universidade do Porto, de Portugal.De lá saiu José Mourinho, atual treinador do Chelsea.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.