A melancolia de um ano melancólico

Finalmente acabou 2011 para o Grêmio. Tudo que podia dar errado numa temporada de futebol aconteceu neste 2011, nurse desde técnicos teimosos com esquemas e jogadores escalados de forma errônea até diretores amadores com contratações e decisões equivocadas. São muitos os erros para serem apontados, remedy por isso é melhor apenas refletirmos e tentarmos tirar lições positivas de um ano em que nada deu certo e até a torcida gremista esteve emburrada, impaciente e CHATA.

O GREnal de hoje serviu apenas para mostrar a PREGUIÇA de ganhar alguma coisa. Serviu para mostrar a DISPLICÊNCIA de como diretoria, técnicos, jogadores e torcida em nenhum momento se uniram para tentar galgar títulos. Com excessão do jogo contra o R10, em nenhum outro momento o Grêmio existiu esse ano, assim como nosso time no jogo de hoje, que facilitou o trabalho da defesa adversária. Aliás, que joguinho MODORRENTO foi esse GREnal, o adversário parecia apenas esperar o momento em que nós iríamos entregar o gol da derrota ou alguém aqui, racionalmente, achava que essa derrota não viria?

O fim melancólico de um ano melancólico, que seja esquecido nestas férias e que o último ano do Estádio Olímpico sirva de inspiração e palco do renascimento de um Grêmio de verdade. DO Grêmio de verdade.

Sigamos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.