2014 será nosso!

Eu não sei explicar…

Tem alguma coisa no ar, try tem algo a mais rondando a Arena. Não sei se foi a reportagem do estilo “gera crise” de hoje, ed se foi a cerveja gelada de ontem, story ou se foi simplesmente meu GREMISMO exacerbado que me chamou de volta às origens. Sei e apenas sei que 2014 será um ano de GRÊMIO.

Talvez seja pelo fato do Presidente estar indo ao sorteio da Libertadores, talvez seja pelas atribulações momentâneas nas concentrações, pelos debates acalorados nas redes sociais… Mas eu acredito muito que há algo de muito diferente.

Eu vejo um 2014 com a torcida abraçando o GRÊMIO como há muito tempo não fazia, vejo as questões políticas sendo postas de lado, os ranços caindo por terra e as inimizades sendo abandonados em prol ano fantástico. Tem algo aí!

Não credito aos astros, não credito ao Presidente, não credito ao ano em si. Credito ao GREMISMO que todos sentimos nos dias de jogo. Eu estou com aquela sensação pré-jogo decisivo… Sabem do que eu falo? Aquele frio na barriga que sentimos no trajeto bar – Arena! Tu sabes que será lutado, que será difícil, que será sofrido, mas sabe também que a vitória compensará cada cicatriz da batalha.

Estamos entrando no ano de 2014, um ano que ficará gravado na história do GRÊMIO, um ano de redenção, um ano de volta aos céus do futebol, um ano que ecoará no tempo…

Não sei explicar… mas sou só eu?

Anderson Kegler

Participe da discussão

17 comentários

  1. Todos os gremistas, penso eu, querem um 2014 muito bom, com todas as alegrias e conquistas possíveis, como escreveste.
    Com relação á reportagem, até pode ser “gera crise”, pode ser que tenha sido escrita com intenções que a gente nem de longe imagina, mas o fato é que ela evidencia que as disputas políticas estão longe de acabar.
    Como estes documentos foram parar na mão da reportagem? Há quanto tempo? Por que a reportagem saiu agora, justo agora, em que declarou o presidente que não temos dinheiro, não temos nem técnico, nem planejamento, muito menos razões, para acreditar que o futebol vá desencantar. Só mesmo com esse gremismo que falaste… e tenho suspeitas que foste, no fundo, irônico..
    Mesmo assim, essa questão da Geral precisa ser encarada de frente, ela é fundamental – do meu ponto de vista – mas também não pode estar a serviço de uns e outros. Não dá para generalizar e chamar a Geral de baderneira, ou monte de vândalos, brigões, usando o termo da reportagem. Tem muita gente boa, torcedor que só quer apoiar o time, aliás, a maioria é assim. Tem torcedor que gosta de ir no estádio e ficar sentado, de vez em quando aplaudir alguma jogada, mas é do estilo de cada um, precisa ser respeitado. Tem os que ficam xingando o tempo todo, enfim, tem de tudo, mas cada um está lá, a princípio, com seus próprios recursos.
    Então temos que jogar um pouco de luz sobre o assunto. Se a melhor maneira seria a reportagem, não acredito, mas que existe uma situação que precisa ser encarada, isso tem….
    Mas vou seguir no gremismo que falaste… é o que podemos fazer… ou não…

  2. Nesses 13 anos de “derrotas”, penso que há um único “movimento” que deu certo no Grêmio. Não, longe de ser político! Sim, é o a avalanche da Geral. Hoje sepultado por “obras de engenharia e ou modernidade”. O problema da Geral não é a Geral. Talvez seja a “cúpula” e sua relação com a administração do clube! A reportagem infelizmente (ou felizmente) escancara, comprova, fatos que vão ao encontro do que ora registro.
    O caso tem de ser levado adiante e resolvido, fazendo com que os responsáveis DEVOLVAM os valores ao GRÊMIO.
    No mais, acredito que teremos de cortar nossa própria “carne”, pois somente assim mudaremos o rumo do nosso clube. DOA A QUEM DOER, o Conselho Fiscal do CD teria de examinar TODOS os documentos de caixa das ÚLTIMAS 03 (três) ou 04 (quatro) GESTÕES (incluindo esta).
    A propósito: Por que as contas de TODAS as gestões são aprovadas SEMPRE? Para não expor ao Grêmio? Por favor, essa conversa esgotou!!!
    Enquanto não se DISSECAREM as finanças (gastos, investimentos, receitas,….uso e aplicação de recursos), o GRÊMIO CONTINUARÁ COM DONO(S) e esses serão os GESTORES da ocasião!

  3. Função da torcida organizada ou não, é torcer. Simples assim.

    Quando começam a misturar vontades políticas, quando começam a crescer os interesses, quando surgem pedidos tipo “somos os melhores e vamos continuar dessa maneira se ganhar isso, isso e isso ”

    Bom, dai tem coisa errada e começam os problemas, que podem se tornar gravíssimos…

    Toda a crise dos times grandes do futebol argentino é fundamentada no crescimento das torcidas que se organizam para entrar na politica do clube e participar de decisões administrativas.

    Há reportagens sobre isso, não lembro se foi Globo ou Record que fizeram, mas isso me marcou muito e relacionei na hora com o Grêmio.

  4. quando a torcida (ou parte dela) passa a se achar a coisa mais importante do clube, é que a coisa tá braba…

    toda hora aparece algo contra os anjinhos queridos coisa mais meiga da geral. mas sempre eles estão certo, é só meia dúzia o problema.

    esquecem alguns que essa meia dúzia é apoiada pela maioria, que são coniventes com os anjinhos, isso quando não entram de gaiato em algum rolo.

    mas pra alguns tá bom assim. vamos acabar sendo conhecidos pela torcida mais fanática que nunca ganhou título algum.

    eu prefiro ganhar título e voltar a ser time grande (clube grande ainda somos, mas time grande não). mas alguns preferem continuar aumentando a força de uma parcela (pequena, diga-se de passagem) da torcida, que constantemente briga e suja a imagem do clube.

    e perguntinha: agora que temmais gente da geral no conselho, não se poderia expulsá-los e obrigá-los, junto com o odono, a devolver a dinheirama que receberam?

    e mais: eu como sócio nunca fui questionada se queria pagar gente para torcer pelo Grêmio. será que vão me dar benesses também, ou eu sou só um otário, que pago e tenho que ouvir uns pirralhos dizer que não sou torcedor de verdade que nem eles, que passaram a ir a futebol em 2003?

  5. “Que mistérios tem o Grêmio, que mistérios tem o Grêmio que causa tanta ambição”.
    Rico Grêmio, pobre Grêmio e já quase “peladão”, sangue azul que se esvai de mão em mão.
    Tanto dinheiro em jogo, tanta “ronha”, tanta “enrolação” para beneficiar torcidas e catapultar a eleição.
    Tanta mentira rolando pra tapar um rombo “monumental”.
    Tanto “gremista traíra” mandando matéria para jornal, com que interesse, afinal?
    Que mistérios tem o Grêmio que causa tanto mal estar,
    Ao seu associado, à sua sua torcida em geral.
    Que mistérios tem o Grêmio, alguém poderia me dizer?
    Pssssiuuu… Faz de conta que eu não sei…

  6. Bem isso. Não és só tu amigo! Não sei porque mais também estou com aquela sensação de que 2014 nos reserva algo maior! Que assim seja!

  7. Bem, vou ser diferente de todos vcs. Com esta direção que está mais preocupada em ferrar a gestão passada do que brigar por títulos, 2014 eu quero é não cair para a segundona. Por mim essa gestão já era, rombo de quase 100 milhões e ano que vem não vejo milagre algum para nós.

  8. Gremio no grupo da morte, com Newell’s, Nacional de Medellin e possivelmente Nacional do Uruguai. Ja vi tudo: vao manter e contratar mais medalhoes com a desculpa que o grupo só tem carne de pescoço. Vai demorar até vermos alguma jovem promessa ter alguma chance.

  9. Kegler.
    Se queres que o pessoal entenda o que tu disseste compartilha um pouquinho dessa ceva gelada que faz efeito de 24 horas. :)

    Rsrsrsrsrsrsrsrs.
    Leva mal, não. Gostei do otimismo. Quem sabe não acontece algo doido! Só não pude deixar de chutar esta bola picando aí…

  10. Se for o Roth o treinador, esquece. Se tiver um título, o máximo que chegaremos é a conquista do Gauchão, se chegarmos a final.

  11. Um dia a máscara de Paulo Schimdt iria cair: A sua incoerência aparece quando há outros interesses: Fluminense deveria ter perdido o título do brasileiro e não perdeu.

  12. Teve um jogador que o Grêmio deixou de escalar porque estaria suspenso ainda quando estava no clube de origem.

    Se tivesse escalado, seria punido??

    Pelo precedente do STJD não. Bastaria alegar desconhecimento. Ora, não é dever do clube conhecer?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.